VANGUARDA 47# (RTP1) - (15/04/14)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

VANGUARDA 47# (RTP1) - (15/04/14)

Mensagem por vlladmin em Sex 11 Abr 2014, 05:48


COMBATE PRINCIPAL DA NOITE
KEVIN GUNN VS. ANÍBAL FRAGAS
DANIEL LOBO COM ÁRBITRO ESPECIAL

******

TIMÓ PEDROSO VS CAMALEÃO
DIOGO LOURENÇO VS ARSÊNIO FUINHA
VINÍCIUS NUNES VS ALEXANDER RANDALL
FILIPE AZEVEDO VS RAFAEL SAMPAIO
avatar
vlladmin

Número de Mensagens : 511
Data de inscrição : 30/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: VANGUARDA 47# (RTP1) - (15/04/14)

Mensagem por vlladmin em Qua 16 Abr 2014, 11:13

A emissão começa com as imagens no ecrã gigante e depois vários fogos de artifício e a câmera a filmar todo o Pavilhão da Vanguarda, que estava completamente tomado pelo público, todos eles na expectativa de um grande duelo entre Aníbal Fragas e Kevin Gunn com Daniel Lobo como árbitro especial. Esperam também o regresso de Vinícius Nunes aos ringues, defrontando Alexander Randall. A desforra de Arsênio Fuinha diante de Diogo Lourenço também é um momento aguardado. A continuação da rivalidade entre os Áses da Ilusão contra Timó e Chazz, dessa vez num duelo individual entre Timó Pedroso e Camaleão. Outra atração é a tão aguardada luta entre Filipe Azevedo e Rafael Sampaio, confronto que deveria ter acontecido no Vanguarda 44. Mas o foco de maior interesse é a definição do adversário de Michel-Baptiste Bangalter para a disputa do título supremo no Vanguarda 48.

Agora a imagem vai para a mesa de comentadores onde são mostrados Diogo Beja e Luís Barreira.


Luís: Olá a todos os fãs da Vanguarda da Luta Livre, eu sou Luís Barreira e ao meu lado tenho Diogo Beja e hoje teremos muitas atrações, mas o principal é a definição do título supremo, todos responderam ao desafio de Bangalter, quem será que vai ter a chance?

Beja: Bangalter é um campeão convencido e tem muita gente aqui que pode ser o campeão supremo, mas acho que ele vai escolher alguém que nunca teve a oportunidade, creio que ele não queria enfrentar nomes como Kevin Gunn, Vinícius Nunes, Aníbal Fragas, Frederico de Queirós ou Yuri Petrov.

Luís: O que queres dizer com isso?

Beja: Nada, nada...



BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUHHHHHHHHHHHHHH

A imagem volta ao ringue onde Bangalter entra calmamente, sozinho, e ignora completamente os apupos e se dirige ao ringue com um microfone na mão. Ele entra e ergue o seu título com muito orgulho e sorri para os indignados fãs da VLL.




Bangalter
: Olá! Sentiram a minha falta?

BUUHHHHHHHHHHHHHH!!! VAI PRA CASA! VAI PRA CASA! VAI PRA CASA!

Bangalter: Bom, como bem sabem, eu lancei um desafio aberto e confirmei que defenderei o título contra quem respondesse ao meu desafio no Vanguarda 48!

YEEEEEEEEEEAHHHH! YEAAAAAAAAAAH! YEAAAAAAAAAAAAH!

Bangalter: Será que vou enfrentar o Vinícius mais uma vez?

YEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEAAAAAAAAAHHHHHHHHH

Bangalter sorri de modo debochado.


Bangalter: Ou será o ex-campeão da Vanguarda Yuri Petrov?

YEEEEEEEEEAAAAAAAAAAAAHHHHHHHHHH

Bangalter: Ou será um novato como Rafael Sampaio?

YEEEEEEEAAAAAAAHHH

Bangalter espera que o público se acalme e continua o seu discurso debochado.


Bangalter: A verdade é que eu já derrotei Vinícius Nunes, inclusivé, quando p ganhei e me tornei oficialmente o campeão supremo... Além disso, já venci Yuri Petrov, já venci Mike Orzan, já venci Kevin Gunn, já venci Diogo Lourenço, já venci quase o roster inteiro, ou seja, quem eu enfrente no Vanguarda 48 vai perder... Todos sabem disso e todos me odeiam por causa disso! Odeiam-me porque sabem que não há ninguém que possa vencer-me!

BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUHHHHHHHHHH

Bangalter: Podem apupar-me! Todas as grandes lendas do desporto são apupadas, Cristiano Ronaldo, o melhor jogador do mundo, cliente do meu sócio Jorge Mendes é apupado, George St’Pierre também é criticado pelo estilo de luta dele, mas na verdade é criticado porque sempre vence, da mesma forma que Floyd Maywhether é alvo de críticas também! Eu sou como esses gajos! Na verdade eu sou maior que todos eles! Sou o maior nome do momento! Eu sou o líder do grupo mais bem-sucedido do momento, os Deluxe SAD! E mais do que isso, eu sou o vosso campeão! Apupem-me!

BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUHHHHHHHHHHHHHHHHH

Bangalter: Mas não foi para constatar o óbvio que vim aqui, todos sabem o quão bom eu sou, só vim para informar-vos, pessoas normais e banais, que hoje tomo a minha decisão, visto que há muita gente a querer perder contra mim... E essa decisão será depois do Gunn vs Lobo ou Gunn vs Aníbal, sei lá, só os meus combates é que me interessam, o resto é treta... Bem é isso, tenham um bom resto de noite.



Bangalter sai do ringue com a mesma calma com que entrou, enquanto é apupado pelo público, uma vez mais.




Luís: Viste Beja? Este homem é um génio!

Beja: Ele é um convencido, há-de perder esse título no Vanguarda 48...

Luís: Só se for num dois contra um, mas nem assim, ele já ganhou 5 lutadores, então...

Beja: Mas eram todos contra todos e ele simplesmente aproveitou bem a situação.

Felps e Camaleão estão nos Balneários do Pavilhão, Felps estava a ajudar Camaleão a amarrar a sua máscara. Ambos estavam com os seus equipamentos de ringue e cinturões.

Camaleão: Prende bem parceiro, hoje só estou com essa proteção.

Felps: Pode deixar, hoje você tem só essa máscara, mas vou ficar fora do ringue para ser sua 2ª proteção.

A máscara de Camaleão está presa e este vira-se para o brasileiro.

Camaleão: É por isso que somos Parceiros de Guerra.

Felps: Somos e seremos por longo tempo, não se esqueça disso.

Ambos olham para os títulos e continuam a falar.

Camaleão: Esta maravilha não me deixa esquecer.

Felps: Você tem uma estratégia para hoje?

Camaleão: Confesso que não, estudei bastante o Timó e em consideração as suas dicas.

Felps: Lembre-se que venci na estreia dele, ele ganhou muita experiência desde então, mas confio em você Parceiro, sua vitória é certa.

Camaleão: Tu viste quantos lutadores estão interessados no título do Francês?

Felps: Claro! Até eu estou na lista, você já pensou o que faria se ganhasse a oportunidade?

Camaleão: Parceiro, Não sou o Ás de espadas, mas nesta situação tenho uma carta na manga.

Ambos riem-se

Felps: E qual é essa “carta” que você tem?

Camaleão: Desculpa parceiro, mas não posso falar, poderíamos ter que lutar um com o outro caso inicie um torneio hoje.

Felps: Não conseguiria lutar contra você, te considero um irmão.

Camaleão: Pára com essas parvoíce Felps, se um dia nos enfrentassemos, eu gostaria muito que desses o teu melhor.

Felps: Então vou dar o meu máximo, mas depois não vá chorar.

Os Parceiros voltam a rir-se e Camaleão anda em direção à casa de banho.

Camaleão: Já volto.

Felps: Ok!

Camaleão entra na casa de banho e Felps olha para a porta batendo.

Felps: Queria muito saber que “Carta” meu parceiro tem na manga.

A imagem desvanece com Felps pensativo e Camaleão a gritar.

Camaleão: FELPS! PRECISO DE PAPEL HIGIÉNICO URGENTEMENTE!

Luís: Depois de muita conversa do Camaleão e do Felps, vamos ver o que hoje nos reserva... Felipe Azevedo vai derrotar Rafael Sampaio, disso eu não tenho dúvidas!

Beja: Não sei não Luís, Rafael está a mostrar ser alguém muito capaz...

Luís: Mas Azevedo é um Deluxe...

Beja: E o que tem?

Luís: Bangalter não colocaria um perdedor no grupo dele...


Raquel Jacob: Esta luta é de uma derrota! Primeiro, vindo de Lisboa, Portugal, pesando 114 quilos, Rafael Sampaio!

YEEEEEEEEEEEEEAHHH!

Beja: Sampaio já tem os seus fãs! Incrível!

Luís: Pena que ter adeptos não é garantia de vitória.

Beja: Nisso tenho que concordar, mas é sempre bom ter o público ao seu lado.

Luís: Prefiro um lutador que faça a coisa certa pela sua capacidade.


Raquel Jacob: E seu adversário, vindo de Peniche, Portugal, pesando 140 quilos, Filipe Azevedo!

Luís: Mais uma vez sozinho, muita personalidade desse rapaz...

Beja: Já começo a suspeitar, os Deluxe só se reúnem nos combates do Bangalter, bem conveniente...

Luís: Cala-te... Os Deluxe se reúnem quando sentem que sofrerão batota...

Beja: Os Deluxe SAD sofrerem batota, essa é para rir...



Luís
: Não sei o porquê da graça...

Beja: Sabes bem.

A oficial do combate é Adelaide Amaral.

Começa o combate com uma hold no centro do ringue, onde os dois lutadores que se caracterizam pela força dominam por completo o ringue e ficam um tempo nessa briga de força, o público depois de uns 2 minutos começa a apupar os dois lutadores, mas Azevedo não desiste e acaba por atirar Rafael Sampaio ao chão. Sampaio levanta-se e

acerta um soco em Azevedo, Azevedo devolve o soco e Sampaio sorri e os dois se estudam circulando dentro do ringue.

Azevedo e Rafael Sampaio vão para nova hold e o público fica impaciente com a prestação dos dois lutadores, muito pouca ação era mostrada e já passava dos cinco minutos de combate. Público apupa impacientemente os lutadores. Azevedo não liga a isso, atira Sampaio mais uma vez para o chão e aplica um headlock em Sampaio. A aplicação do golpe dura trinta segundos até que Sampaio chega até as cordas e os dois são separados por Adelaide.

Novo estudo entre os dois, Sampaio finta uma investida, consegue ludibriar Azevedo e acerta uma seqüência de Uppercuts, depois um Full Nelson Backbreaker, primeira cover da noite, isso depois de 7 minutos de combate, 1! 2! Nada feito para Sampaio! Sampaio aproveita o embalo e acerta dois Shoulders Block, um Big Boot e um Suplex Powerslam! Todos muito bem efetivos! Cover! Azevedo consegue se safar, pouco antes do três! Sampaio não acredita.

Azevedo tenta sair do ringue, mas Sampaio é mais rápido e atira o membro dos Deluxe para dentro do ringue e acerta uns dois socos, seguidos por Uppercuts! Vai para o canto do ringue Azevedo. O homem que dominou Vinícius Nunes e venceu Phillip Hunt está atordoado com a pressão de Sampaio! As investidas de Sampaio trouxeram o público de volta ao combate. Mas Azevedo coloca o dedo no olho de Sampaio, na distração da oficial, nisto Azevedo aplica uma Clothesline potente em Sampaio! Cover! 1! 2! Nada feito!

Azevedo e Sampaio trocam socos mais uma vez e Sampaio consegue a vantagem, atira Azevedo às cordas e o ex-fisiculturista acaba por investir bem e acertar outra Clothesline! Agora sim, outra cover! 1! 2! Nada feito! Sampaio levanta-se, Azevedo tenta o Spinning Side Slam, Sampaio sai e aplica um Swinging Neckbreaker! Agora sim, para acabar! Cover! 1! 2! 2,5! Fantástica a recuperação de Filipe Azevedo! Sampaio, mais uma vez fica boquiaberto.

O público que antes dormia, agora está bem atento aos momentos desse combate, os dois lutadores estão mesmos dispostos a ganhar de qualquer maneira! Azevedo tenta mais uma vez o seu golpe especial, mas é surpreendido por um Cradle Piledriver de Sampaio! Cover! Azevedo safa-se antes do dois! Público gosta muito da performance dominante de Sampaio e grita o nome dele. Azevedo aproveita a distração de Sampaio e executa um Bear Hug em Sampaio! Depois solta-o e aplica um Spinebuster! Cover! 1! 2! 2,5! Grande escapadela de Sampaio!

Sampaio agora anuncia que vai para o seu golpe final, é Sampend (Steenilizer) qie está a chegar! Não consegue executar, Azevedo reverte num Samoan Drop! Cover! Antes do dois Sampaio consegue tirar os ombros do chão. Azevedo e Sampaio têm nova troca de socos, mas Sampaio leva a melhor! Ameaça mais uma vez utilizar o Samped! Mas espera! O que foi isso? Do nada um Roll Up de Filipe Azevedo! Cover! 1! 2! Pés nas cordas de Azevedo! 3! Azevedo vence de maneira rápida, estranha e até questionável.


Raquel Jacob: E o vencedor do combate é Filipe Azevedo!

Beja: Veja, Azevedo sai a correr e Sampaio fica a lamentar-se...

Luís: Já basta o que o Sampaio apanhou durante o combate, ele deveria agradecer a Deus porque a sessão de tortura acabou...

Beja: Parece que tu vês outra luta...

Luís: A verdade é que Azevedo venceu e isso é que importa!

Beja: De qualquer forma, os DeLuxe venceram de novo, e falando neles, temos imagens de uma reunião a ocorrer no balneário dos DeLuxe neste momento!

A imagem vai até o balneário onde Michel-Baptiste Bangalter chega ao vestuário particular dos Deluxe, cortesia conseguida graças ao investimento de Jorge Mendes e ao próprio dinheiro do francês. Estavam lá Sebastião Fonseca e António Andrade, Azevedo ainda não tinha chegado de seu combate.

Sebastião: Gostei das tuas palavras, engraçado que desta vez não te interromperam, eu até achei descabido tu ires sozinho, mas mais uma vez, estavas certo.

Bangalter: A verdade é que tenho as cartas do jogo, eu é que estou no controlo, todos aceitaram o meu desafio, pois bem, que aguentem as consequências, a verdade é que eu sou o melhor para o negócio e fiz bem em lembrar a todos disso.

Sebastião: Com certeza, e já sabes quem vais escolher?

Bangalter: Ainda não, tudo depende das ações deles, quem me irritar mais ganha essa ‘oportunidade’, ou porrada gratuita... Na verdade, ele vai ser pago para levar na beiça...

Os dois riem alto da situação.

Bangalter: A verdade é que espero ser surpreendido, já me sinto meio sem desafio por aqui, pensava que tínhamos lutadores melhores, mas tudo tem sido tão fácil que chega a dar-me sono.

Sebastião: O nível destes lutadores diminui o teu brilho e o brilho dos Deluxe, o Azevedo destruiu o Vinícius, destruiu o Hunt e destruiu esse Sampaio... Já o Andrade é um campeão da Vanguarda que só não foi campeão novamente porque não quis, já que tem que eliminar o primo para depois ser o nosso campeão da Vanguarda, não é verdade Andrade?

Andrade foi apanhado de surpresa, muito provavelmente não estava a prestar atenção à conversa.



Andrade: Não, não, você tá certo Sebastião...

Bangalter: Algo errado Andrade? Quero dizer, algo errado Nunes?

Andrade sorriu.

Andrade: Realmente, Nunes, até isso aquele desgraçado me roubou, até meu sobrenome! Desculpem-me, mas hoje terei que anunciar algo sozinho, mas gostarão do que vou dizer, eliminar o Vinícius não é só bom para mim, é bom para todos nós.

Bangalter: Sim, sim... É sobre o investidor que vais falar, não é? Quem é?

Andrade sorriu ao lembrar-se do caso do investidor.

Andrade: Saberás... E isso vai ser extremamente divertido, mas muito divertido, vai ser um grande baque para Vinícius.

Sebastião: Esse é o espírito, Vinícius e Petrov são os principais alvos...

Andrade: Até porque eles são iguais, dois idiotas que merecem ser destruídos pelos Deluxe SAD!

Bangalter: Como todos serão, e se queres saber, acho que sei quem vou escolher...

Sebastião: Ah é?

Bangalter: Sim... É o...

O áudio é cortado de maneira misteriosa. Os três continuam a conversar, mas a emissão volta para a mesa de comentadores.

Beja: O que foi isso? Quase era revelado o oponente de hoje! Quem cortou esse áudio?



Luís
: Quem o fez, fez bem, ia acabar com a expetativa toda...

Beja: Cala-te! Algo aconteceu!

Luís: Sim, aconteceu, tu disseste porcaria, mas isso sempre acontece...

Beja: Mudando de assunto, Jack Neville também parece estar incomodado com algo nos balneários...

Noutra área do balneário, Jack Neville está a conversar com os seus clientes, Alexander Randall e Kevin Gunn. O mesmo parece frustrado com o rumo da conversa.

Jack Neville: (...) e, portanto, eu não preciso falar o quão importante uma vitória é hoje, logo antes do Bangalter decidir quem enfrenta na semana que vem!

Alexander Randall: Winning? C'mon Jack, you know me, I'm all about broken skulls and Vinicius won't recive a diferent treatment! Your problem maybe the "real" dude by my side...

Kevin Gunn: Hahaha, I see we have a joker here! Now tell me Alex, how do you pretend on defeating Vinicius with your two arms broken?

Kevin Gunn e Alexander Randall agora se encaram, cara a cara, muito perto de simplesmente começarem uma briga ali. Jack Neville então intervém, separando as suas duas bestas.

Jack Neville: Wait! Wait! Relax! Os dois, vamos manter a calma que o que todos adorariam ver eram vocês a se destruir! Todos na VLL gostariam de ter uma razão para manda-los para casa, não vamos dar-lhes tal razão!

Kevin Gunn: Claro Jack, apenas da próxima vez ensine a essa criança algum respeito! Agora eu vou-me equipar porque, ao contrário de ti Randall, eu me importo com as minhas lutas.

Gunn afasta-se, mas Randall ainda tenta ir atrás dele, sendo impedido por Neville que fica a falar ainda para Alexander.

A imagem então volta a focar-se em Beja e Luís, sentados ao lado do ring.


Beja: Aparentemente Neville está a ter problemas para manter as suas bestas do mesmo lado...

Luís: Nah, ele é suficientemente bom para conseguir isso. Todos sabemos que Jack Neville é o melhor manager da VLL!

Beja: Que ele é bom eu não discuto, mas... Espera lá, acabo de receber a informação que Frederico de Queirós e Diogo Lourenço quase brigaram na entrada da arena quando o segundo chegou. Ambos tiveram de ser contidos pelos Road Agents da VLL!

A imagem mostra o replay do ocorrido, com Diogo Lourenço a chegar com sua mala de viagens com um olhar determinado na cara. Ele acaba sendo interceptado por Frederico de Queirós, que parece estar a rir do mesmo.

Frederico de Queirós: Então "campeão", vais achar quem te atacou hoje, vais?

Diogo Loreunço: Cala-te Frederico! Todos sabem que foste tu, e negar não muda nada!

Frederico: Hahaha, eu gostava que tivesse sido eu, infelizmente eu estava ocupado com pessoas que merecem a minha consideração...

Diogo Lourenço: Sim, combinar como roubar mais com o Lousada merecia muito tua consideração, mas ainda acho que tudo o que falas não passa de uma grande treta. TU atacaste-me, ADMITE ISSO!

Frederico: Mantém o tom baixo puto! Respeito é bom e eu gosto.

Diogo Lourenço: Então vais adorar isso!

Lourenço parte para cima de Fred com uma série de murros que derrubam o ex-Campeão Supremo. Fred tenta defender-se agarrando um dos braços de Diogo e tentando prender um Kimura, mas Lourenço consegue evitar. Cada um rebola para o seu lado e levantam-se, voltando à carga de seguida.

Enquanto ambos trocavam socos, chegam os Road Agents da VLL acompanhados por seguranças e alguns árbitros, que com alguma demora conseguem separar ambos os lutadores.


Beja: Mas a verdade é que não existe dúvidas sobre quem fez aquilo com o DL, claramente foi o Frederico...

Luís: O nosso ex-campeão tem mais coisas com que se preocupar, esse menino irritante não é uma delas, ele quer enfrentar Bangalter, e esse combate eu gostaria de ver, não a treta que vai começar agora, coitado do Randall, enfrentar o cidadão mais boring da VLL.

Beja: É a chance de Randall mostrar a que veio... A última vez que Vinícius lutou, acabou por ser eliminado por Kevin Gunn no Ressurreição Suprema II, ou seja, ele quer vencer.

Luís: Só digo que agradeço a Deus por ele não ser mais o campeão supremo, o resto não me interessa.


YEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEAAAAAAAAAAHHH

Raquel Jacob: Este combate é de uma derrota, primeiro, pesando 140 quilos, vindo de Salvador, Bahia, Brasil, o ex-campeão supremo em duas oportunidades, ‘O campeão’ Vinícius Nunes!



Beja
: Lá vai ele, ‘O campeão’, bela introdução de Raquel Jacob!



Luís
: Empolgada até demais... Será que tem?

Beja: Cala-te, a Raquel é bastante profissional...

Luís: Mas seu fosse o Vinícius eu iria, ela é bem boa...


BOOOOOOOOOOOOOOOOOO

Raquel Jacob: E ele, acompanhado por Jack Neville, pesando 135 quilos, vindo de Swansea, País de Gales, Alexander Randall!

Luís: Randall vem com o melhor manager da VLL...

Beja: Não sei, os seus clientes aqui não conquistaram títulos e todos eles se esperavam muito, tanto o Kevin Gunn, o melhor deles, quanto o Randall que não conseguiu ser campeão da Vanguarda e o Darren Keane, que foi a terceira maior decepção da VLL, só perdendo para o Lasombra e para o Jorge Gante.

Luís: Keane foi um erro, mas Gunn e Randall ainda podem dar muita coisa, principalmente Randall que com seus 2,04 m, é o lutador mais alto da VLL!

Beja: Verdade Luís...

O oficial do combate é Afonso Martins.

Vinícius vai para cima de Randall de qualquer forma, primeiro uma seqüência de socos atordoante, seguido de dois Suplexes, vai para a cover logo de cara, mas com muita esperteza o Randall se salva antes do dois, estava muito cedo. Mal Randall se levanta e Vinícius já o recebe com um Spinebuster! Brutal! Outra cover! 1! 2! Nada feito, Randall tenta sair do ringue, mas Vinícius volta e tenta outra seqüência de socos, mas dessa vez é Jack Neville que intervém e chama a atenção do árbitro.

Vinícius está com um ritmo frenético, Randall não consegue respirar com tamanha ofensiva do ex-campeão supremo que parece querer provar alguma coisa para o público, para Antonio Andrade e para ele mesmo. Vinícius consegue um takedown e atinge Randall com diversas cotoveladas até Afonso Martins separar os dois. Jack Neville sobe até o ringue uma vez mais, distrai Afonso, e Randall consegue um golpe baixo.

O domínio do combate agora é de Randall, ele acerta vários socos e joelhadas contra a barriga de Vinícius, que ainda sente o golpe baixo. Randall pega Vinícius e é Military Press Slam no brasileiro! O galês vai para a cover! 1! 2! Nada feito para Alexander Randall, bela escapada de Vinícius Nunes. Fallaway slam em cima do ex-campeão supremo! Nova cover! 1! 2! Vinícius escapa por muito pouco.

Vinícius Nunes tenta se recuperar, mas recebe um bearhug de seu adversário que o deixa atordoado. Randall pressiona bastante, mas Vinícius de maneira incrível, depois de pelo menos dois minutos, consegue se soltar do Bearhug, abrindo os braços de Randall, consegue alguns socos, pega impulso nas cordas, mas é contido por um potente Clothesline! Cover! 1! 2! 2,5! Quase! Quase! Quase vitória histórica para Alexander Randall! Jack Neville se desespera.

Jack Neville mais uma vez intervém, ele fala algumas palavras para Randall, o galês o escuta com atenção, mas nisso dá tempo de Vinícius se levantar e conseguir uma investida, mas Jack Neville coloca um dedo no olho de Vinícius, sem que o árbitro veja e é Roll Up favorecendo o britânico. 1! 2! 2,5! Vinícius consegue mais uma vez se safar das artimanhas de Jack Neville e Alexander Randall. Vinícius e Randall trocam socos uma vez mais, Vinícius leva vantagem e consegue um Spinning Side Slam em Randall! Cover! 1! 2! 2,8! Randall se salva porque Neville coloca o pé dele em cima da corda! Vinícius reclama e vai ter com Afonso Martins! Na distração, Randall aproveita, vira Vinícius e é Sitting Powerbomb! Cover! 1! 2! Nada feito! Vinícius se salva de mais uma!

Neville se exalta e reclama da contagem do árbitro, o árbitro afirma que está contando direito e Neville contradiz, nisso Randall acerta outro golpe baixo em Vinícius e depois vai pegar uma cadeira, ele sai e volta e dá com a cadeira na cabeça de Vinícius e a joga longe! O árbitro se vira por causa da reação do público! Cover! 1! 2! 2,99999999999! Incrível, incrível! Incrível! Inacreditável! Randall não acredita, Neville não acredita! Luís Barreira não acredita! O público não acredita! Silêncio total no Pavilhão!

Randall fala em inglês que o combate está acabado! Primeiro Double Hand DDT pra cima de Vinícius Nunes! Vinícius cai no chão, mas Randall não vai para a cover! Randall espera Vinícius se levantar, Vinícius demora muito para se por de pé! Vinícius

se arrasta, usa o canto para se apoiar! Vai em direção de Randall! Randall vai para o Elevated Powerbomb! Vinícius reverte em um DDT fantástico! Cover! 1! 2! 2,5! Randall se salva! Que combate!

Randall e Vinícius se arrastam, nova troca de socos, mais uma vez Vinícius consegue a vantagem... German Suplex! Outro German Suplex! Terceiro German Suplex! Não vai para a cover! Agora é Sidewalk slam! Randall se levanta atordoado! Chokeslam contra o galês! Jack Neville tenta protestar, mas Vinícius acerta ele com o soco e o tira do ringue! Randall tenta uma investida, Vinícius escapa e é Brazilian Bomb! Cover! 1! 2! 3! Vinícius vence Alexander Randall.


Raquel Jacob: E o vencedor é Vinícius Nunes!

Beja: Grande vitória de Vinícius!

Luís: Randall teve esse combate ganho! Martins foi tedencioso nas contagens!



Beja
: Cala-te! Tu sabes o que ocorreu!

Luís: Sei que Neville foi agredido e ele nem estava no combate, esse Vinícius é um animal...

Passamos agora para os bastidores da arena, concretamente a zona de entrevistas, onde João Barbosa já se encontra preparado para entrevistar Eustass Kid.

João Barbosa: Eustass, na passada semana o campeão Supremo lançou um desafio aberto a todo o plantel da VLL colocando o seu título em jogo. Acha que é uma grande oportunidade para os lutadores?

Eustass Kid: Não há dúvidas de que é uma grande oportunidade para todos os membros do plantel, mas não posso falar por eles. Para mim era uma boa oportunidade de enfrentar o Bangalter, porque o título Supremo chegará à minha cintura mais tarde ou mais cedo. Mas sim, era uma boa oportunidade para eu alcançar já o ouro.

João Barbosa: Porque acha que o campeão decidiu lançar este desafio?

Eustass Kid: É apenas uma atitude arrogante e mesquinha por parte dele, que quer demonstrar que é ele quem tem o título e não somos nós, e acha que isso lhe dá o direito de escolher adversários. Mas enfim, toda a gente conhece o Bangalter, provavelmente vai escolher um idiota qualquer da ANW.

João Barbosa: Acha que é apenas uma atitude de mostrar a sua superioridade?

Eustass Kid: Sim. Aliás, nem sei porque lhe dão tanta atenção a isto. É apenas uma forma do francês dizer que defende o título mas ao mesmo tempo foge aqueles que o podem derrotar, como é o meu caso.

João Barbosa: Sente que tem assuntos pendentes com os DeLuxe?

Eustass Kid: Sinceramente, não estou preocupado com eles. Não tenho qualquer tipo de ligação a eles. Apenas entrei para manter o Lucas por perto e consegui que ele acabasse expulso e a sua proteção acabasse. Eu sair ou não sair, não era importante para mim.

Mas posso dizer que nunca gostei da postura do Bangalter, por isso não escondo que teria um certo prazer em derrotá-lo.

Nisto, surgem Arsénio Fuínha e Lucas Brandão, que interrompem a entrevista de Eustass.



Lucas Brandão:
Tu derrotar o Bangalter? Não digas disparates rapaz…

Eustass Kid: Ainda continuas a limpar o cu do Bangalter? Que eu saiba foste expulso dos DeLuxe…

Lucas Brandão: Graças a ti…

Eustass ri-se.

Lucas Brandão:
Quem vai tirar o título ao Bangalter é este homem aqui (aponta para Arsénio)! Sempre representamos os DeLuxe como dignidade e fomos tratados como lixo. Tudo isso graças a ti!

Arsénio Fuínha: Simplesmente nunca chegarás a lutar pelo título Supremo, não tens qualidade para isso. Não conseguiste sequer vencer o Petrov e não me venceste a mim.

Eustass Kid: Não me lembro de alguma vez teres feito um pinfall sobre mim ou conseguires que eu desistisse… Só me lembro de ver o Lucas estendido no chão



Arsénio Fuínha:
Podemos resolver isso agora…

Eustass Kid: Não podemos escapar a um combate sem desqualificações, onde tu realmente vais mostrar que não vales nada sem artimanhas de cigano. Mas vá, agora vai lá enfrentar o Diogo Lourenço e não te esqueças do Lucas… A gente encontrasse no final do show… Pode ser que o Bangalter escolha um merdas como tu.

Arsénio encosta-se e Eustass mas Lucas manda-o acalmar, relembrando-o que tem de enfrentar Diogo Lourenço no show de hoje antes de se retirarem. Eustass observa os dois a irem-se embora e da zona de entrevistas com um pequeno sorriso na cara.

INTERVALO



avatar
vlladmin

Número de Mensagens : 511
Data de inscrição : 30/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: VANGUARDA 47# (RTP1) - (15/04/14)

Mensagem por vlladmin em Qua 16 Abr 2014, 12:58

A emissão regressa e vemos Mike Orzan já se encontra no ringue da arena junto do seu irmão Ricardo e do seu treinador João Azenha. O novo campeão da Vanguarda ergue o seu título bem alto para uma vaia do público. Orzan não faz caso e continua a sorrir para o público enquanto o seu irmão e o seu treinado batem palmas. Orzan fica parado por uns momentos enquanto aprecia o seu cinto até que o seu irmão lhe dá um microfone para as mãos.

Luís:
Aí está o novo campeão da Vanguarda! Vamos ter aqui um grande discurso!

Orzan: Finalmente… finalmente todo o meu esforço e dedicação foram premiados, este título da Vanguarda é uma justa forma de me compensarem por todo este tempo que me

desvalorizaram! Vocês todos nunca acreditaram que eu pudesse chegar ao topo, agora só têm de engolir um sapo! Já não voltarão a ver Yuri Petrov com este cinto… Agora habituem-se a vê-lo à minha cintura!

BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUHHHHHHHHHHHHHHHHHHH!!!!!!

Ricardo (pegando no microfone de Orzan):
Calem-se, o campeão está a falar!

Orzan: O reinado do Yuri Petrov chegou ao fim. Chega de falarem dele! Agora é a altura de apoiarem Mike Orzan, o verdadeiro campeão da Vanguarda!

Beja: O Orzan parece que se esqueceu da interferência dos DeLuxe…

Luís: Mas qual interferência? O Orzan venceu por mérito próprio!

Orzan: Por culpa do Yuri Petrov eu perdi a oportunidade de entrar na Câmara dos Horrores pelo título Supremo aquando do meu combate com o japonês limpador de sanitas. E o que é que eu fiz? Destruí o Tanaki e ainda tirei o título ao Petrov! É assim que um campeão responde!

Falando em título Supremo… Eu! Eu é que deveria enfrentar o francês depois de me terem tirado uma oportunidade por esse título! É a mim que deve ser dada a oportunidade de lutar pelo título Supremo, e assim unificar os dois títulos individuais da VLL.

Luís: O Orzan tem alguma razão!

Orzan: Fãs da VLL, habituem-se a ver o cinto da Vanguarda comigo, habituem-se a ver Mike Orzan destruir outros lutadores como fiz com o Jay Lecter e o Ryo Tanaki, que não voltarão nunca mais. O reinado do “Mr. Knockout” começou…

Nisto toca a música de Ryo Tanaki e o lutador japonês aparece na rampa com um microfone na mão.

YEEEEEEEEEEEEEEAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHH!!!


Luís:
Oh não, este tipo voltou outra vez? Já limpou todas as sanitas da arena?

Ryo: Quem é que não volta a aparecer?

Orzan: Como vais da tua lesão Tanaki? Espero que não te impeça de continuares a limpar as sanitas…

Orzan, Ricardo e João Azenha riem-se. Ryo vai descendo a rampa.

Ryo:
Estou bem, obrigado. Não me impede de limpar as sanitas nem me impede de arrebentar com a tua cara!

Beja: Parece que o Ryo já está recuperado da sua lesão.

Luís: Ele não está é recuperado da cabeça, já não diz coisa com coisa. O cheiro das sanitas anda a fazer-lhe mal…

Orzan: Não me faças rir! Mas se queres fazer alguma coisa de útil, vem aqui e limpa o meu cinto…

Ryo entra no ringue e observa os três a rirem-se.

Ryo:
Realmente acho que esse cinto precisa de uma limpeza… Tem muita merda agarrada a ele…

Luís: A desrespeitar o campeão! Este Tanaki é uma vergonha!

Orzan não gostou de ouvir isto e ficou furioso, porém acalmou-se e decidiu responder ao japonês.

Orzan:
Tu falas muito para quem saiu lesionado de um combate entre nós. Tenho de concordar com umas palavras que ali o Luís Barreira disse sobre ti: não tens a qualidade mínima exigível para combater na VLL. Isso ficou bem demonstrado no nosso combate, onde saíste de lá lesionado. Parece que essa lição não chegou para ti, acho que deve terminar aquilo que comecei…

Luís Barreira levanta-se da mesa e começa a aplaudir Mike Orzan.

Luís: Bem dito, Orzan! Mostra a esse tipo que ele não vale nada! Nem sequer serve para deixar uma sanita limpa!

Orzan começa a aproximar-se de Ryo, mas é o japonês que começa a atacar o novo campeão da Vanguarda! Orzan está no chão e Ryo em cima dele a socá-lo! Ricardo e João Azenha vão separá-los e conseguem levantar Ryo. Orzan pega no cinto de campeão e com ele atinge a cabeça de Ryo! O japonês fica no chão a observar Orzan e os seus acompanhantes a abandonarem o ringue.

A emissão estava mais uma vez no escritório do supervisor-geral da Vanguarda de Luta Livre, Augusto Lousada olhava para o show com uma expressão de satisfação, tudo mais uma vez estava dentro dos conformes e parecia que ele estava muito confortável nessa posição de grande chefe da Vanguarda de Luta Livre, visto que Guerreiro continua ausente, o que fazia com que Lousada tivesse liberdade total para que ele fizesse aquilo que fosse preferível para o próprio supervisor-geral.

Lousada: Muito bom ver o show dessa forma, da minha forma... Semana que vem isso vai abaixo com o meu grande anúncio do Dinastia dos Guerreiros, com certeza, vai ser o meu grande momento mais uma vez...

O monólogo de Lousada foi interrompido pela súbita entrada de um irritado Aníbal Fragas. O publico aplaudiu porque já havia algum tempo que Fragas estava ausente dos shows e hoje ele enfrentaria um homem que não estava nas graças do público, nada mais nada menos que Kevin Gunn.

Lousada: Olá Aníbal, meu velho amigo...

Fragas: Cala-te... O assunto é o seguinte, eu não vou lutar contra ninguém que não seja Daniel Lobo, preciso de mais uma luta contra ele e ele também sabe que precisamos desse acerto de contas final, por isso eu quero que esse meu combate contra Kevin Gunn, que pra mim não vale de nada seja cancelado, a verdade é essa...

Lousada: Mas isso não vai acontecer porque eu estou no comando...

Fragas: Sei muito bem da tua situação e sei que tu precisas de mim, sabia que a minha situação está a mudar e tu sabes muito bem disso e isso faz com que eu não precise mais de participar nos seus joguinhos fúteis... No final das contas o Gabriel Martins que estava certo o tempo todo e ele fez aquilo que estou a fazer agora e faço com muito orgulho... Estou a dar um “basta” em ti Augusto... E só quero uma coisa de ti neste momento e essa coisa é um confronto com Daniel Lobo e enquanto não me deres isso eu não vou lutar contra ninguém!

Lousada: Quanto falatório... Mas por que não vais lutar? Não és um lutador?

Fragas: Pode até ser do meu jeito de lutar, mas a verdade é que só tenho motivos para lutar contra Daniel Lobo, Kevin Gunn não me diz nada...

Lousada: E a sua amiga Sera, ela lhe diz algo?

Lousada esboça um sorriso malicioso.

Fragas (assustado): O que estás a dizer?

Lousada: Digo que sei de tudo que os meus lutadores fazem, dentro e fora da VLL... Então Aníbal, o que me dizes da sua amiga que tem um trabalho, digamos, alternativo?

Fragas (exaltado): O que estás a insinuar? Parto-te todo se fizeres algo que...

Lousada: Cala-te! Nada vai acontecer com ninguém, só preciso da tua colaboração, até porque ela tem um filho não é? Pense nela e na criança e na VLL e faça o que tem que ser feito, isso não é uma ameaça até porque está tudo gravado, só espero que tu não faças porcaria porque eles podem ficar bem desapontados, agora saia daqui!

Aníbal fez menção de avançar em Lousada, o supervisor apenas sorriu e Aníbal acabou por ir embora de cabeça baixa. A emissão vai para a mesa de comentadores.

Luís: Quem este Fragas acha que é? Ele tem apenas que obedecer o Senhor Lousada.

Beja: Às vezes és engraçado.

Luís: Não vi graça, este é um assunto sério.

Beja: Sim, sim, Senhor Barreira.


Raquel Jacob: O próximo combate está marcado para uma derrota e primeiramente vindo de Tomar, Portugal. Pesando 87Kg, DIOGO LOUREEEENÇOOOO!

YEAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHHHH

Beja: Na semana passada vimos um vídeo muito energético do Diogo.

Luís: Este gajo não sabe quem o atacou e fica a acusar quem está à sua frente.


Raquel Jacob: E o seu adversário, vindo de Lisboa, Portugal. Este que pesa atualmente, 91 Kg. ARSÉNIO FUINHAAAA.

BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUHHHHHHHHHHHHHHHH

Beja: Fuinha teve a sua última vitória no PPV Ressureição Suprema.

Luís: Ganhou de maneira genial!

Beja: Foi um roubo!

Luís: Já falamos sobre isso.

O árbitro escolhido para o combate é David Peralta, este confere os lutadores e não encontra nenhuma irregularidade.

O combate começa com um ímpeto de Fuinha, com uma Clothesline, outra e outra. Diogo levanta-se tentando parar o lutador de Lisboa, mas é arremessado para o canto. Agora começa uma combinação de combos no abdómen do Diogo.

Após 10 fortes socos, Arsênio segura Diogo e aplica um Suplex. Com Lourenço no chão, Fuinha não perder tempo e Leg Drop, depois Elbow Drop. Arsênio levanta-se e diz “Bom Aluno!”.

Arsênio pega Diogo, mas é surpreendido por uma Clothesline. O público apoia Lourenço, Fuinha tenta levantar-se mas Double Kick Dropkick. Diogo sobe ao canto, foca o olhar em Fuinha enquanto este se levanta e Missile Dropkick.

Diogo não perde tempo e vai para o assentamento…1....2..2,3.. Fuinha ainda consegue levantar o ombro. Diogo levanta-se e diz “Mau Professor”, logo após isto ele pega Arsénio em posição de Russian Legsweep, mas este é travado e recebe um Neckbreaker.

Arsénio não perde tempo, pega Diogo e Spinning Side Slam. Agora ele vai para o assentamento de espáduas...1....2....2,5...Ainda não terminou a luta. Fuinha não acredita e segura Lourenço em posição de Powerslam, mas Diogo dá joelhadas no “professor” e aplica um Frankensteiner.

Ambos os lutadores estão esticados no chão e o árbitro é obrigado a começar a contagem…1....2....3... Os dois conseguem um apoio na segunda corda, cada um em uma extremidade do ringue...4...5...Ambos já estão em pé.

Mas rapidamente Diogo sai da corda e corre até o Fuinha com uma Clothesline, os dois lutadores vão para fora do ringue. Assim a contagem recomeça...1...Diogo vê o seu adversário no chão e não espera mais para um Running Shooting Star Press, mas Fuinha consegue sair na hora...2... Fuinha rapidamente volta ao ringue e espera a contagem...3...4...5...6...7... Diogo começa a gatinhar em direção ao ringue...8...9...1NÃO! Diogo dá um salto e volta ao ringue.

Arsénio reclama com o árbitro, mas de nada adianta, a luta continua. Fuinha pega Diogo que está muito cansado e magoado e POWERSLAM, rapidamente Lourenço volta a estar no chão, mas agora com um cover de Fuinha...1....2.......2,9....NÃO, DIOGO AINDA CONSEGUE LUTAR.

Fuinha vai pra um dos cantos do ringue e prepara-se para o Sumário. Diogo levanta-se lentamente. Arsénio vai para o golpe, mas Diogo escapa e sobe ao canto, Fuinha vira-se e MOONSAULT!

Diogo com dificuldades para se levantar, mas este apoia-se nas cordas e sobe ao canto. Olha Fuinha e SKYFALL. NÃO FUINHA LEVANTA AS PERNAS. Diogo está em apuros agora. “O Verdadeiro Professor” não acreditando que Diogo escapou do seu primeiro Sumário, vai novamente ao canto.

Agora sim, SUMÁRIO NÃO! DENOVO, Diogo consegue um Angel’s Connection. Ambos estão no chão, FREDERICO. O veterano da VLL sai de algum lugar do público e sobe na borda do ringue chamando "O Anjo Caído".

Diogo levanta-se e ainda meio tonto chama Frederico para entrar no ringue. Fred diz que não vai dar a vitória tão facilmente. Mas alguém puxa ele de lá e SHAMBLES! KID DERRUBA FRED. SUMÁRIO! Diogo Lourenço estava distraído e Fuinha consegue aplicar seu golpe, agora ele vai para o assentamento...1....2...2,8....3.FUINHA É O VENCEDOR.


Raquel Jacob: E o vencedor, “O verdadeiro professor”, Arsênio Fuinha.

Eustass rapidamente entra no ringue para atacar o vencedor. Mas este sabe que não tem chance no momento e rebola para fora do ringue.

Luís: Bela luta!

Beja: Foi uma luta bem renhida.

Luís: O que foi Beja? Estás triste por que o teu lutador perdeu?

Beja: Não, só acho que estamos a ter muitas interferências nos últimos tempos.

Luís: É melhor assim, dá chances a todos. Mas temos Andrade sendo entrevistado pelo Maravilha, vamos ver.

A imagem desvanece com Diogo e Eustass olhando para seus rivais.

Luís: Mais uma vez, tenho que dizer, grande vitória de Arsénio Fuínha frente a Diogo Lourenço!

Beja: Acalma-te! Sabes muito bem que o combate poderia ter tido outro destino se não fosse as interferências de Eustass Kid e Frederico de Queirós.

Luís: O Fred estava no direito dele, o DL anda a desacatá-lo! Já o Eustass, aí eu concordo, ele deveria contentar-se em admirar o talento de Arsénio que o derrotou no Ressurreição Suprema II!

Beja: Os dois estão errados... Mas agora vamos ver uma entrevista do membro dos Deluxe, António Andrade! Ele vai falar sobre o desafio de Vinícius, vamos agora nos bastidores com a reportagem de Zé Maravilha, boa noite Zé!

A imagem vai até os bastidores onde temos um sorridente Zé Maravilha com um sério Antonio Andrade.

Zé Maravilha: Boa noite Beja, boa noite pessoal da VLL! Estou aqui com o ex-campeão da Vanguarda, ex-candidato ao título supremo e uma das figuras históricas da VLL, Antonio Andrade, boa noite Antonio!

Andrade: Você esqueceu do principal, membro do grupo mais dominante da VLL, membro do grupo liderado pelo campeão supremo da VLL, membro dos Deluxe SAD...

Zé Maravilha: Mas parece que tu não estás a dar tanta importância para os Deluxe ou estou errado?

Andrade: Estás errado, ser um Deluxe é a melhor coisa, eu estou no grupo do homem que lidera essa empresa, Bangalter é o ‘cara’ daqui! E eu faço parte desse projeto e isso que importa e sempre darei importância ao projeto Deluxe!

Zé Maravilha: Porém tu pareces estar mais envolvido na tua história com o Vinícius, ou isso é mentira?

Andrade: Eliminar Vinícius não é um projeto só meu, é projeto dos Deluxe também, é necessário para o bem dos Deluxe e para o bem da VLL, pois ela merece o melhor, ou seja, merece Michel-Baptiste Bangalter com o título supremo, essa que é a verdade!

Zé Maravilha: Então, mas e sobre o vídeo de Vinícius do Vanguarda 46, o que tens a dizer-lhe?

Andrade: Digo apenas que aceito o desafio... E que será no Vanguarda 50 em uma luta normal, sem estipulações que beneficiem o meu primo! Estás satisfeito?

Zé Maravilha: Ainda não, o que dizes sobre o teu investidor? Aquele que quer acabar com o Vinícius...

Andrade: A pessoa se apresentará depois de eu vencer o Vinícius... Isso é tudo que eu posso dizer... Bem, vou andando, até uma próxima...

Zé Maravilha: Tchau!

Andrade saiu de cena e a imagem volta com os comentadores.

Beja: Grande combate em perspectiva para o Vanguarda 50! Vinícius Nunes contra Antonio Andrade!

Luís: Muito esperto o Andrade, sem estipulações, sem mariquices, um combate de wrestling puro e com o vencedor merecido, ou seja, António!

Beja: O Vinícius já o venceu em duas oportunidades!

Luís: Uma por sorte e a outra por causa de uma estipulação que só premeia a força em detrimento da técnica!

Pedro Lombada está junto a The Hex na área de entrevistas da arena. Essa será a primeira entrevista do novo lutador num evento da VLL.

Pedro Lombada: Senhoras e senhores, aqui comigo hoje temos The Hex! Então Hex, para começarmos, qual a razão do uso desta capa?

Hex: Bom Lombada, como todo o bom super-herói eu tenho uma capa! Afinal que tipo de herói não usa uma?

Pedro Lombada: Sim claro... Mas como lutador, isso não atrapalha?

Hex: Como um bom herói, sei me adaptar a isso! Meus poderes só funcionam quando tenho esta bela capa!

Pedro Lombada: Hum? Poderes?

Hex: Ah... Sim Lombada, não sabes que sou um super-herói?

Pedro Lombada: Sim claro... Quer dizer, não. Sim. Estou confuso!

Hex: E a super-confusão ataca novamente! Aspirina ajuda agora Pedro, mas enquanto fazes isso  dá-me licença porque preciso salvar velhinhas que não podem atravessar a rua!

Lombada fica totalmente desconsertado com a entrevista que acabou de ter. Enquanto isso Hex sai como se nada tivesse acontecido a fazer posição de Super-Homem com o braço direito erguido.

Luís: Um novo herói na malta, o público não se cansa disso?

Beja: Os Heróis que temos aqui não se parecem em nada com este, o “Hex” é um verdadeiro herói.

Luís: De qualquer forma, não atrapalhando os combates dizendo que é para salvar.

Beja: Por falar em heróis, agora teremos uma luta entre um dos heróis da Vanguarda e um dos Revolucionários sem oportunidade.

Luís: Pah! Vai direto ao assunto, é o Timó e o Camaleão.

Beja: Pára de ser chato, parece que tens 80 anos.


Raquel Jacob: Este combate está agendado para uma derrota, primeiramente a caminho do ringue, junto com seu parceiro ChaZZ. Este que vem de Setúbal, Portugal e pesa 89 Kg, TIMÓÓÓ PEDROSOOOOOO!

BUUUUUUUUUUUUUUUHHHHHHHHHH

Luís: Estes gajos ganharam semana passada, mostraram que estão preparados para ser campeões.

Beja: O combate da semana passada não foi muito justo e foi um combate de trios, para serem campeões vão ter que ganhar um combate de duplas.

Luís: E tens dúvidas?


Raquel Jacob: E seu adversário, acompanhado por seu parceiro Felps. Este que pesa 95 Kg, vindo de um lugar desconhecido e junto com o seu acompanhante são Parceiros de Guerra. CAAAAMAAALEÃÃÃÃOO!

YEAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHHHH

Luís: E ai estão, os derrotados da última semana, como uns fracassados como esses podem ser campeões?

Beja: Simples, eles não são fracassados e são a melhor dupla atual da VLL.

Luís: Como podes dizer isso? És um repórter, devias ser imparcial.

Beja: Estou sou imparcial, digo que são os melhores, pois estão a segurar os títulos.

[i]O árbitro escolhido para o combate é Afonso Martins, este confere os lutadores e manda começar a contenda.

Camaleão e Timó rodeiam o ringue esperando o momento certo para atacar, Felps chama o público e eles correspondem cantando o nome dos Áses, ChaZZ faz sinal para o público ficar

calado.

Finalmente Timó perde a paciência e toma a iniciativa no combate, ele vai para um Belly to Belly Suplex, mas é travado e Camaleão aplica exatamente essa manobra. Mas logo em seguida Timó levanta-se e sofre um One Handed Bulldog.

ChaZZ não acredita e Felps aplaude. Camaleão aproveita que o seu adversário está deitado no ringue e aplica um Knee Drop. Timó rapidamente se levanta reclamando da dor e encosta-se num dos cantos, Camaleão toma distância e corre para cima de Timó aplicando um Enzuigiri apoiando-se nas cordas.

Logo após isto, o imitador sobe na terceira corda e salta para um Diving Elbow Drop e sem perder tempo, este vai para o assentamento...1…2.Não, Timó levanta o braço impedindo a contagem. Camaleão chama o estádio para gritar e aproveita para provocar o ChaZZ.

BACK SUPLEX! Timó aparece do nada e aplica o golpe no campeão de equipes, mas não acaba assim, Timó levanta Camaleão e aplica um sequência de Uppercut’s, terminando com um Bycicle Kick.

Timó olha para o público rindo-se e vai para um Camel Clutch, Camaleão está longe das cordas, o público aplaude dando forças, Felps bate no ringue enquanto o seu parceiro arrasta-se para uma das quatro cordas inferiores.

Camaleão não consegue ir para muito longe, pois a pressão nas suas costas é muito forte, o parceiro de equipas terá que desistir e entregar a vitória ao rival, a sua mão está esticada e vai chegar perto do tapete.

Mas com uma força anormal, Camaleão consegue levantar-se com o Timó nas suas costas, porém o peso é praticamente igual e ambos vão ao chão, mas o lutador de Setúbal estava nas costas do campeão, e aplica um acidental Backstabber.

Timó percebe o que acaba de fazer e vai para o assentamento de espáduas...1…2…2, 5.Camaleão mesmo com muitas dores nas costas levanta-se. Mas Timó segura-o e sinaliza que irá para um Avalanche Backbreaker, o imitador empurra-o para as cordas e vai derrubá-lo, mas o Português abaixa a corda e apenas o mascarado vai para fora do ringue.

ChaZZ olha diretamente para a máscara dourada, mas o arbitro já avisa-o que se tocar no lutador, o seu parceiro será desclassificado. Felps chega ao local e promete que caso o ChaZZ avance, o brasileiro não os perdoaria.

Mas Timó vem com um Diving Elbow Drop de cima das cordas do ringue, o brasileiro fica preocupado com o seu parceiro, mas Afonso Martins manda-lhe afastar-se dos dois. Timó levanta-se e coloca Camaleão como uma marionete no ringue.

SPEAR! ChaZZ aproveita que Felps estava ali e aplica um ótimo Spear. Dentro do ringue Timó levanta Camaleão, mas este aplica um Uppercut que vira seu adversário e BACKSTABBER. Camaleão achou que aquele era um novo golpe de Timó e o reproduz.

Camaleão vai para um Last Chancery, Timó não acredita, mas não há tempo para isso, pois ele está em uma manobra muito bem copiada. ChaZZ imediatamente aparece no canto e Afonso vai impedi-lo de entrar.

Timó faz um Eye Poke no Camaleão, ChaZZ desce da borda do ringue e SPEAR! Dessa vez Felps aplica um Spear em ChaZZ. Timó e Camaleão vão se levantando lentamente, Timó está muito nervoso, Camaleão imita-o, Timó fica ainda mais aborrecido e Camaleão continua a imitação.

Timó corre para cima de Camaleão, mas este chuta a barriga do lutador de Setúbal e OVERDREAMING 1...............2....................KICKOUT! Felps não acredita e não nota que Chazz esta do seu lado... SPEAR! Felps fica caído e Camaleão vai chegar o estado do parceiro... MAS ACABA POR SOFRER OUTRO OVERDREAMING! 1..................2.......................3! Vence Timó!

Raquel Jacob: O vencedor deste combate TIMÓ PEDROSO!!

Beja: Que luta, o Evento não está no final e temos este excelente combate.

Luís: Já disse, Timó tem um grande futuro.

Beja: Se vencer sem precisar do Chazz, sim, é.

Luís: Cala-te.

A imagem desvanece com Timó e Chazz a comemorar com Felps e Camaleão caídos, um dentro e outro fora do ring.

INTERVALO


avatar
vlladmin

Número de Mensagens : 511
Data de inscrição : 30/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: VANGUARDA 47# (RTP1) - (15/04/14)

Mensagem por vlladmin em Qua 16 Abr 2014, 13:12

Voltamos do intervalo com Petrov e Hunt nos balneários do Pavilhão, ambos com os seus equipamentos de luta.

Petrov: Aqueles Deluxe, ainda vou vingar-me do que fizeram.

Hunt: A maneira perfeita para isso, seria numa luta pelo Título Supremo.

Petrov: Achas que o Bangalter vai escolher-me?

Hunt: Tu és um dos melhores aqui do sitio, foste o último eliminado na câmara dos horrores, foste atacado pelos Deluxe. Talvez esse ataque foi só um sinal, tipo alienígenas.

Petrov: Se for assim, melhor para mim. Vou mostrar a esse francês que o Tanque Russo não pára.

Hunt: Assim é que se fala. E achas que tenho chance de lutar contra o Bangalter?

Petrov: Tens estado a trabalhar bem atualmente, acho que podes ter chance. Mas só o Bangalter sabe.

Hunt: Também não lutei ainda por um Título de Singulares.

Petrov: É verdade, vê o Main-Event que vai começar.

Hunt: Vamos lá ver, a luta é interessante.

A imagem desvanece.

Beja: E chegamos ao main-event do show de hoje! E que grande combate que promete ser! Aníbal Fragas vai encontrar-se com Kevin Gunn e terá Daniel Lobo dentro do ringue como árbitro.

Luís: Este encontro promete ser muito equilibrado, duvido muito que saiam daqui os dois em bom estado.


Raquel Jacob: Senhoras e senhores, este combate está marcado para uma derrota. Por favor deem as boas-vindas ao árbitro especial designado para este combate, Daniel Lobo!

Beja: Vamos ver se o Lobo mantém este combate sob controlo.

Luís: Tem de fazer o seu trabalho como árbitro, é para isso que aqui está. Não é para gerar mais confusão…

Beja: É um verdadeiro teste para o Lobo…


Raquel Jacob: Introduzindo agora, vindo de Londres, Inglaterra, com um peso de 93kg, Kevin Gunn!

Luís: O Kevin voltou e conseguiu logo apurar-se para a Câmara dos Horrores. Infelizmente a sua boa prestação não foi o suficiente para vencer.



Beja:
Títulos estão a faltar ao Kevin Gunn, mas não é pela falta deles que este lutador perde qualidade.

Luís: Esta nova passagem do Gunn pela VLL vai-lhe trazer títulos, tenho a certeza.


Raquel Jacob: E agora vindo diretamente da Cela 88, Prisão do Linhó, e pesando 102kg, Aníbal Fragas!

Luís: Será que o Aníbal vai conseguir concentrar-se no Gunn com o Lobo a controlar este combate?

Beja: Não será nada fácil para o Aníbal e essa poderá ser uma vantagem para o Gunn.

Aníbal encara Lobo por alguns momentos mas decide voltar para o seu canto e Lobo dá início ao combate. Os lutadores vão andando à volta do ringue e Kevin Gunn é o primeiro a investir com um pontapé que ajoelha Aníbal Fragas. O Razor Blade continua o seu ataque com socos na cabeça de Aníbal.

Gunn levanta Aníbal e aplica um Backbreaker. Assentamento mas Aníbal safa-se antes do 2 e Gunn troca impressões com Lobo. Os dois levantam-se e Aníbal recusa-se a entregar a ofensiva a Gunn e parte para socos fortes na cabeça do inglês. Gunn tenta responder com uma clothesline mas Aníbal baixa-se e contra-ataca com um Arm Wrench Lariat Takedown!

Assentamento, 1…2! Aníbal levanta-se e dá-se uma troca de olhares entre ele e Daniel Lobo. O ambiente fica tenso.

Aníbal levanta Gunn e coloca-o num headlock. O inglês luta e Aníbal lança-o às cordas e ataca com uma clothesline! O inglês levanta-se mais uma vez e leva com uma sequência de joelhadas por parte de Aníbal Fragas. Gunn rasteja até às cordas e é pressionado contra o canto por parte de Aníbal. Lobo começa a contar para que Aníbal pare a manobra. Aníbal, insatisfeito, solta Gunn e começa a discutir com Lobo. Gunn aproveita este momento e ataca Aníbal que está de costas, mas o português baixa-se e é Daniel Lobo que leva com o impacto!

Aníbal e Kevin Gunn começam a trocar socos até fora do ringue. Aproveitando que Daniel Lobo está no chão, os dois começam a agredir-se fora do ringue com Gunn a usar a campainha para derrubar Fragas! Fragas fica caído e Gunn prepara-se para atingi-lo na cabeça com a campainha! Gunn esta preparado, mas leva com Daniel Lobo em cima! O árbitro deste combate voou para fora do ringue com um Suicide Dive!

Daniel Lobo pega na campainha que Kevin Gunn usou e é ele quem atinge Fragas! Aníbal Fragas fica estendido no chão com a cabeça em sangue! Daniel Lobo começa a desmontar a mesa de comentários e coloca Aníbal Fragas em cima dela! Daniel Lobo olha para o público, assinalando que vem aí algo de mau para Aníbal Fragas! Mas Lobo não pode fazer nada porque Kevin Gunn ataca-o!

O “Razor Blade” atinge Lobo com um European Uppercut! Lobo fica encostado à mesa de comentários e Gunn continua o seu ataque com uma sucessão de socos. Em cima da mesa de comentários, Fragas começa a erguer-se e assiste ao ataque de Gunn sobre Lobo. Sem mais demoras, Fragas atinge Gunn com um pontapé em cheio na cabeça! Gunn cai desamparado no chão!

Fragas ajuda Lobo a subir à mesa e começa a socá-lo, porém Lobo também contra-ataca com alguns socos. Quando Fragas se preparava para um Reverse STO, Lobo não se deixa levar e responde com “O Choro do Lobo” através da mesa! Daniel levanta-se com um grito enquanto Gunn e Fragas estão estendidos no chão, naquilo que é um caos!


Luís: Daniel Lobo sai e deixa os dois no chão, até entendo ele ter feito isso com o Fragas... Mas o Gunn... Logo o Gunn...

Beja: Gunn agrediu Lobo também, algo a ser considerado...

Luís: Porque foi provocado...

Beja: De qualquer forma, chegou a hora! Temos a confirmação de que o Campeão Supremo, Michel-Baptiste Bangalter, está a caminho do ringue para revelar o seu oponente para a semana que vem numa luta pelo título Supremo!

Luís: Durante toda a semana houve boatos de quem seria o oponente do líder dos DeLuxe. Grandes nomes como Mike Orzan, Frederico de Queirós, entre outros tiveram o nome associado a esse desafio!

Beja: Agora, enquanto falamos, todos os lutadores da VLL vêm descendo a rampa em direção ao ringue.


A imagem agora mostra todos os 25 lutadores da VLL, faltando apenas o Campeão Supremo.

Raquel Jacob: Senhoras e senhores, por favor recebam agora, o Campeão Supremo, MICHEL-BAPTISTE BANGAAAAAAAAAAAAAAAALTER!

BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUH


Bangalter aparece no topo da rampa durante o espetáculo de pirotecnias que marca a sua entrada, descendo em direção ao ringue até ficar de frente para a parede de lutadores que tem ao seu dispor. Todos têm olhos apenas para o cinturão do francês que apenas passa quando Filipe Azevedo e Antônio Andrade abrem um corredor para o mesmo.


Michel-Baptiste Bangalter: Senhoras e senhores, que forma arrogante de receber um verdadeiro campeão como eu!

BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUH

Bangalter: Que hei-de fazer? Há pessoas que não têm como mudar, que não valem a pena mudar. Vocês aqui em Portugal são deste tipo de pessoas que me dão nojo!

BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUH

Bangalter: Pronto, já vão me vaiar de novo! Não se podem falar verdades aqui. Mas vamos deixar isso de lado por um momento, hoje estou aqui com um único objetivo, que é o de anunciar quem receberá este grande presente, uma luta pelo título DeLuxe daqui a uma semana!

Bangalter começa a andar em redor do ringue, como quem estuda a concorrência. MMB pára em frente a Phillip Hunt e faz menção de falar, mas acaba por desistir. O francês continua a rodar até parar em frente aos Parceiros de Guerra, os Áses da Ilusão.

Bangalter: Com que então vocês acham que a divisão de singulares é uma moleza tão grande quanto à de equipas? Para início de conversa, vocês dois apenas são campeões por não terem nenhuma competição! Os vossos desafios, assim como vocês, são patéticos!

Felps faz menção de subir para dentro do ringue, mas é contido por Camaleão, que começa a sussurrar algo para Felps. Enquanto isso Bangalter continua a andar em redor do ringue e volta a encarar Phillip Hunt, novamente desistindo de falar do canadiano, apenas rindo do mesmo. Continuando a sua caminhada, MMB encara agora o seu ex-associado, Eustass Kid.

Bangalter: E tu Eustass? O Cirurgião da Morte eh? Desde que te expulsei dos DeLuxe apenas provaste que não passas de um gajo que só foi campeão por tanto tempo por se esconder atrás de todo o homem que achasse!

Eustass responde gritando que Bangalter gostaria de ser campeão por metade do tempo que Eustass foi, e dizendo que era Bangalter que gostava de ficar atrás (e à frente) de homens.

Bangalter: Que agressivo! Não sabes respeitar o teu campeão? Isto apenas prova que tu também não mereces uma chance por este título aqui. Mais sorte para a próxima.

MMB esboça um sorriso falso para Eustass, que tem de se controlar para não esmurrar o antigo associado ali mesmo. Enquanto isso Bangalter continua a observar a oposição, voltando a dar uma rápida parada em frente a Phillip Hunt, mas depois ignorando-o e seguindo caminho. Desta vez porém Hunt não fica apenas a olhar para o campeão, entrando no ringue por debaixo da ultima corda. O "Auto-proclamado Ícone do Século XXI" fica indignado e começa a mandar Hunt descer imediatamente.

Bangalter: Desce imediatamente daqui! O ringue é destinado a campeões, e se bem me lembro, tu nunca venceste nada aqui!

Bangalter mal termina de falar e tem o microfone arrancado de sua mão brutalmente por Phillip Hunt.

Phillip Hunt: Posso até nunca ter vencido, mas isso não te dá o direito de gozares com a minha cara! Isso aqui não é um dos teus joguinhos de sei-lá-o-quê que fazes de noite com teus amiguinhos, este teu titulo vale muito para todos nós aqui!

Enquanto Hunt falava, Bangalter foi pegar outro microfone para si.

Bangalter: Ah sim? Pois, que pena! Agora volta para o teu lugar que quero falar com alguns lutadores de verdade por aqui.

Phillip Hunt: Lutadores de verdade? Achas que alguém aqui esta a lutar em vão? Achas que alguém aqui não merece tanto ou mais o titulo do que tu?!

Bangalter: Volta para o TEU lugar e deixa que os lutadores DE VERDADE discutam sobre quem me vai enfrentar daqui a uma semana!

Phillip Hunt não se mexe e, para piorar a situação de Bangalter, Yuri Petrov também entra no ring.

Yuri Petrov: Então Bangalter, te amedrontaste agora?

Bangalter: Tu também? Já não te venci? Não tens o Orzan para cuidar?

Yuri Pertov: Bangalter, tudo pode esperar se for para tu perderes o titulo...

Enquanto Yuri falava, os Áses da Ilusão também sobem ao ringue, juntamente com Vinícius Nunes.

Felps: Então Bangalter, se não queres o Hunt, não queres um de nós, não queres o Eustass, quem queres?

Camaleão *falando como o francês*: Não não, vocês não, quero enfrentar alguém do meu tamanho! A primeira miúda de 10 anos da plateia que se apresentar terá a chance!

Vinny: Então Bangas, que vai ser? Vai ficar ai parado enquanto falamos de você ou escolher alguém?

Bangalter já parece ter perdido a paciência à algumas interrupções atrás. O mesmo está cercado pelos seus desafiantes e tem de tomar uma decisão rápida.

Bangalter: Ótimo, vocês querem que eu lute com um de vocês? Perfeito!

MMB agora encara o causador dessa entrada massiva no ringue, Phillip Hunt, com uma cara de pura raiva.

Bangalter: Hunt, para a semana vais pagar por atrapalhares os DeLuxe!  Pensando bem, vais pagar agora!

Enquanto o francês fala, António Andrade ataca Vinícius Nunes, Mike Orzan ataca Yuri Petrov, Timó e Chazz atacam os Áses da Ilusão e Filipe Azevedo ataca Phillip Hunt, todos ao mesmo tempo. Os desafiantes em ringue logo reagem, começando uma grande luta no ringue. Do lado de fora do ringue também começam outras lutas, com Arsénio Fuinha a atacar Eustass Kid, Daniel Lobo a atacar Aníbal Fragas, entre outros.

Na briga entre os Áses e Timó e Chazz, Timó e Chazz derrubam Camaleão para fora do ringue com um double Clothesline. Eles vão para fora do ring continuar o assalto a Camaleão, mas Felps levanta-se e toma distância, aplicando um Suicide Dive que derruba tanto Pedroso quanto Chazz.

Dentro do ringue Petrov consegue dar luta a Orzan assim como Vinny a Andrade, mas Bangalter acerta em cheio o russo e o brasileiro com o seu cinturão, deixando os dois à mercê dos seus inimigos, que começam a socar fortemente a cara de Yuri e Nunes.

Hunt por sua vez está numa troca de socos com Filipe Azevedo, que acaba por ter vantagem após aplicar um golpe baixo no canadiano. Bangalter aproxima-se e ajuda Azevedo no ataque ao novo candidato principal ao seu titulo. Filipe segura Hunt enquanto Bangalter desfere vários socos na barriga do mesmo, além de chamar-lhe repetidas vezes de derrotado.

Do lado de fora está um outro caos, com Fred e Diogo Lourenço a se baterem perto da entrada, para onde alguns rookies, também brigando, se dirigem. Eustass e Fuinha estão mesmo ao lado da separação do público, com Eustass libertando toda a sua raiva no rival. Lobo e Fragas também não param de trocar socos, mesmo com ambos cansados da luta anterior.

Os Áses voltam para o ringue depois de terem se livrado de Timó e Chazz e conseguem ajudar Petrov e Vinicius a se livrar de Orzan e António também. Os quatro conseguem se livrar do membro dos DeLuxe e do Campeão da Vanguarda com vários socos seguidos de um Brazilian Bomb em António e uma Bigorna em Orzan.

Bangalter nota que agora está só ele e Azevedo no ringue contra todos e logo rebola para fora do ringue, mas Filipe não percebe isso. Petrov, Vinicius, Felps e Camaleão então atacam o último membro dos DeLuxe no ringue, ajudando Hunt a levantar-se. Esse por sua vez pega em Azevedo e aplica-lhe um McPain, sempre olhando para Bangalter.


Beja: MCPAIN! Senhoras e senhores, este foi sem dúvida um dos finais mais descontrolados de uma Vanguarda até hoje!

Luís: Pois, e de entre todas as pessoas... Aquele gordo vai ter uma chance pelo título Supremo?!

Beja: Exatamente, fiquem ligados pois semana que vem voltamos com Bangalter vs. Hunt pelo titulo Supremo!
avatar
vlladmin

Número de Mensagens : 511
Data de inscrição : 30/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: VANGUARDA 47# (RTP1) - (15/04/14)

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum