VANGUARDA 45# Especial Pré-Câmara dos Horrores (RTP1) - (25/03/14)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

VANGUARDA 45# Especial Pré-Câmara dos Horrores (RTP1) - (25/03/14)

Mensagem por vlladmin em Qui 20 Mar 2014, 06:47


COMBATE PRINCIPAL DA NOITE
FREDERICO DE QUEIRÓS VS. ???
COMBATE DE QUALIFICAÇÃO PARA O MAIN EVENT DA RESURREIÇÃO SUPREMA

******
COMBATE DE QUALIFICAÇÃO PARA O MAIN EVENT DA RESURREIÇÃO SUPREMA:
PHILLIP HUNT VS ANTÓNIO ANDRADE
COMBATE DE QUALIFICAÇÃO PARA O MAIN EVENT DA RESURREIÇÃO SUPREMA:
DIOGO LOURENÇO VS CAIM EZEQUIEL
VINÍCIUS NUNES VS FILIPE AZEVEDO
COMBATE DE QUALIFICAÇÃO PARA O MAIN EVENT DA RESURREIÇÃO SUPREMA:
RYO TANAKI VS MIKE ORZAN
YURI PETROV VS GABRIEL MARTINS PELO TÍTULO DA VANGUARDA
avatar
vlladmin

Número de Mensagens : 511
Data de inscrição : 30/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: VANGUARDA 45# Especial Pré-Câmara dos Horrores (RTP1) - (25/03/14)

Mensagem por vlladmin em Qua 26 Mar 2014, 04:59

A emissão desta vez, como em outras ocasiões, começa no escritório de Augusto Lousada. Lousada está sentado em sua mesa e em frente à ele, também sentado, estava o manager mais respeitado e renovado da VLL, o que revelou talentos como Kevin Gunn, Alexander Randall e Darren Keane. Lousada estava com cara de poucos amigos e Jack estava bastante calmo e confiante, parecia que ele tinha uma carta na manga, já Lousada não demonstrava a mesma confiança.

Lousada: Então Jack, o seu gigante não se mostrou ser tão bom assim quanto se parecia, ou seja, tamanho não é tudo.

Neville: O que aconteceu com Randall foi uma falta de sorte imensa, todos nós sabemos que ele tinha totais condições de destruir Gabriel Martins, ele já o fez antes e poderia fazer uma vez mais.

Lousada: Mas não foi isso que aconteceu, agora ou Martins ou Petrov será o campeão da Vanguarda, pior ou Martins ou Petrov estará na Câmara dos Horrores.

Neville: Não seria o Tanaki ou o Orzan?

Lousada: Seria o Orzan, alguém que tem se mostrado ambicioso bastante para fazer o que eu quero... Mas os patrocinadores caíram na pressão popular e me pressionaram para mudar isso.

Neville: Ah! E como tens tanta certeza de que o Orzan venceria?

Lousada: O Tanaki é muito fraco, a vitória que ele tem aqui é porque o Andrade resolveu brincar mais do que devia, e o Orzan jamais brincaria, o gajo quer mostrar serviço.

Neville: Percebo isso.

Lousada: Mas não mudemos de assunto, como pretendes se retratar desse falhanço chamado Alexander Randall? Repito que não poderei dar mais chances para esse gigante inútil...

Neville: Randall ainda tem muito a oferecer, mas tenho algo ainda melhor para mostrar nos próximos tempos...

Lousada: Ah! Aquilo... Espero que isso funcione mesmo, não quero mais fracassos dentro dessa empresa, cansei de falhados, preciso de gente de confiança, essa empresa precisa dos campeões certos para eu ficar descansado.

Neville: Acalma-te e confie em mim, não te arrependerás...

Lousada: Já ouvi isso antes de ti, só espero que desta vez seja pra valer, de qualquer forma, estás dispensado, até a próxima.

Neville: Até mais senhor Lousada.

Neville saiu de cena, com o ar ainda confiante e Lousada acompanhou a saída do inglês com um olhar ainda de desconfiança, mas sabia que era alguém que podia contar naquele momento e nesse momento não são tantos os aliados que se pode fazer nessa CIA. Depois disso, Lousada se virou para o seu monitor para ficar atento aos acontecimentos do Vanguarda 45 no Pavilhão da Vanguarda. A imagem vai para a mesa de comentadores e depois foca o ringue onde temos os fogos artificiais e toda sinalização do início do Vanguarda 45.

Luís: Olá a todos, aqui quem vos fala é Luís Barreira! Bem-vindos ao Vanguarda 45! Depois dos problemas técnico e o não ocorrimento do Vanguarda 44, estamos firmes e fortes para saber quem serão os adversários de Michel-Baptiste Bangalter pelo título supremo! Não é isso Beja?

Beja: Exatamente Luís, hoje teremos 6 combates, 5 para a Câmara dos Horrores, entre eles uma disputa de título entre Gabriel Martins e Yuri Petrov, vale vaga na Câmara e vale o título da Vanguara!

Luís: Também teremos no evento principal, o grande duelo entre o primeiro campeão supremo Frederico de Queirós, que retorna hoje aos ringues contra um adversário que ainda não sabemos, quem será ele?

Beja: Não sei, só sei que teremos muitas coisas nesse programa especial... Mas antes de mais nada, vamos ver o que o jovem Rafael Sampaio tem a dizer para Zé Maravilha.


******

Vemos Zé Maravilha vestido com um fato e ao seu lado está Rafael Sampaio, este que está de calças de ganga e uma camiseta preta.

Zé Maravilha: Olá Pessoal... Eu sou Zé Maravilha e meu convidado de hoje é o novato, Rafael Sampaio. Boa Noite Rafael.

Rafael: Boa noite Zé

Zé Maravilha: Tu eras um dos que lutariam no Vanguarda 44, qual a sua reação a saber que o show foi cancelado.

Rafael: Fiquei triste, pois era uma chance importante que tinha para mostrar tudo o que sei fazer no ringue.

Zé Maravilha: O que tu pensas sobre o Filipe Azevedo?

Rafael: Nada mais do que um peão do Bangalter e do Fonseca, mas também ele é uma montanha de músculos, facilmente seria manipulada.

Zé Maravilha: Achas que combate contre ele no futuro?

Rafael: Não sei quem vou enfrentar, mas sei que vou meu melhor, vou agarrar essa oportunidade com unhas e dentes e mostrar porque sou “O futuro de Portugal”.

Zé Maravilha: Sabes quem é o lutador que vai enfrentar o Frederico está noite?

Rafael: Também não sei, mas gostaria bastante de preencher a vaga.

Zé Maravilha: Por enquanto é tudo, gostaria de agradecer o Rafael e desejar sorte na sua estreia.

Rafael: Obrigado Zé, fiquem bem.

Zé Maravilha: Este foi Rafael Sampaio Vanguarda! Até mais.

A imagem desvanece com o Zé Maravilha olhando para a câmera.

******

Beja: Chegou a hora da primeira luta da noite! O “Tanque Russo” Yuri Petrov defenderá seu Título da Vanguarda contra “The Young Gun” Gabriel Martins!

Luís: Martins que ganhou essa chance semana passada vencendo Alexander Randall!

Beja: Pois Luís, e uma semana depois, ambos lutarão também por uma vaga na Câmera dos Horrores no Main Event do Ressureição Suprema II!

Luís: O que não acho nada justo, pois tudo o que ambos fazem é reclamar da vida...

Beja: Ah claro, porque fazer o trabalho sujo do sr. Lousada é a forma certa de subir na vida.

Luís: Tas a falar do que? Cala-te que agora é hora da luta!

Raquel Jacob: Senhoras e senhores, este combate esta agendado para uma derrota e vale o Titulo da Vanguarda além de um lugar na Câmera dos Horrores no Main Event do Ressureição Suprema II! Introduzindo primeiro o desafiante, vindo de Guimarães pesando 87 quilos, “THE YOUNG GUN” GABRIEL MAAAAAAAAAAAARTINS!

YEAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH!!!



Luís: Todos a aplaudir esse rapaz, pobres cegos...

Beja: Falas tanto de como ele é falso e nunca vai vencer nada, mas aqui esta ele depois de uma grande vitória sobre Alexander Randall semana passada!

Raquel Jacob: Agora seu oponente, vindo de São Petersburgo, Rússia, pesando 135 quilos, o atual campeão da Vanguarda, “O TANQUE RUSSO” YURI PETROOOOOOOOOOOOOOOOOV!

YEAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH!!!




Luís: Outro que só reclama e ainda é aplaudido, sinceramente não entendo o que passa pela cabeça da plateia...

Beja: Talvez eles gostem de quem luta pelas regras, só um palpite.


O combate esta para começar e a ansiedade é sentida por todo o pavilhão. O arbitro da noite Afonso Martins checa se ambos os lutadores estão “limpos” e da inicio ao combate.

Petrov e Martins dão um rápido aperto de mão e então fazem o lock-up que o russo vence sem grandes problemas demonstrando toda a sua força. Com Gabriel devidamente preso a um headlock, Yuri começa uma sequencia de poderosas joelhadas ao torso exposto do oponente antes de lançá-lo ao corner e aplicar um Corner Clothesline.

A crowd parece dividida nesse inicio de combate, vemos apoiantes de ambos os lutadores a cantar seus nomes enquanto Yuri levanta “The Young Gun” apoiado no corner e aplica-lhe um Chest Slap. Martins não esta a ter o melhor inicio de combate e não parece estar conseguindo fazer muitas coisas contra Petrov que o ataca com um fortíssimo chute no estomago. O campeão da Vanguarda começa a puxar a crowd enquanto o oponente ainda esta no chão, mas esse tempo extra dado a Gabriel se revela uma má ideia, pois quando tenta um Leg Drop Petrov acerta nada além do ring.

Martins parece ter achado sua primeira abertura contra o “tanque russo” nesse inicio de combate e aproveita com um Dropkick que faz Petrov cambalear do meio do ring até as cordas, mas não o derruba. Gabriel porem não parece nem perto de parar e acerta um poderoso Running European Uppercut que derruba de vez o russo. O português aproveita cada segundo da vantagem minando o oponente com socos em Petrov, que ainda luta para se levantar.

Enquanto Yuri tenta se por de pé, seu oponente vai às cordas e tenta um Clothesline, mas o russo nota a tempo e reverte num devastador Overhead Belly to Belly Suplex! Martins é lançado com força por todo o ring acertando as cordas de forma brutal! Yuri consegue causar

alguma separação entre ele e seu oponente, mas parece ter lesionado a cabeça depois de uma sequencia de ataques de Gabriel.

Petrov finalmente se ergue e se dirige para o oponente, ainda de joelhos. O russo então aplica um forte DTT que planta a cabeça de Martins no ring e permite ao “tanque” tentar o primeiro assentamento do combate; 1, kickout! Gabriel não esta nem perto de estar derrotado! Petrov não quer dar chances ao azar e posiciona o oponente para um Piledriver, porem Martins não se deixa prender a Bigorna e conecta um School Boy Roll Up, 1, kickout!

O combate está bem disputado desde o inicio e parece que vai continuar assim. Ambos os lutadores se levantam da sequencia de assentamentos perto das cordas, permitindo a Gabriel aplicar um Running Clothesline que despacha Yuri Petrov para fora do ring. A crowd esta a gritar cada vez mais alto o nome de ambos os lutadores à medida que Martins vai as cordas atrás de si e aplica um fantástico Suicide Drive! Agora ambos os lutadores estão fora do ring caídos.

O arbitro Afonso Martins começa a contar ambos os lutadores, 1, 2, 3, Martins é o primeiro a conseguir se por de pé, levantando de seguida Petrov, 4, 5, 6, Gabriel coloca Yuri de volta no ring e então sobe no corner enquanto o oponente se levanta. Todos estão a aplaudir a sequencia de golpes de alto risco que Martins esta a tentar. Agora ele se prepara para um Diving Crossbody, Petrov se levanta e acaba vitima do “Young Gun”... Não! Mostrando toda a sua força, o russo consegue segurar o oponente no ar e acerta um forte Powerslam! Esse não é um golpe que vemos o “tanque russo” aplicar muitas vezes, mas dessa vez ele pareceu super efetivo.

Embora lutando bravamente, Gabriel ainda não conseguiu ditar o ritmo desse combate por mais de alguns minutos. Yuri porem esta conseguindo minar o oponente com alguma facilidade e continua esses ataques com uma série de European Uppercuts até a corda mais próxima. De lá Petrov manda o oponente ao outro lado com um Irish Whip e na volta acerta um forte Clothesline, deixando Martins estendido no meio do ring. Yuri Petrov e seus 135 quilos vão agora para as cordas e acertam um Elbow Drop ao português que parece a cada momento pior.

O suor esta a escorrer da testa do russo, mas esse esta focado apenas em Martins, mandando o mesmo ao corner com bastante força. Petrov de seguida pega velocidade e também se lança ao corner num devastador Splash. A cara de Martins entrega o estado físico do português, que mal parece ser capaz de levantar. Novamente Yuri levanta o oponente e o posiciona entre as pernas para uma nova tentativa de Bigorna, o russo ergue o oponente e prepara-se para saltar, mas Martins mostra extrema habilidade atlética e praticamente escala o oponente passado da posição de Piledriver para a de Powerbomb, acertando fortes socos na cara do campeão da Vanguarda.

Martins então derruba Petrov para trás caindo sentado no tronco do russo e começa a desferir mais e mais socos no oponente até ser forçado a se levantar pelo arbitro. Grande escapada de Gabriel que agora se dirige ao corner e tenta recuperar alguma energia enquanto Yuri levanta, porem assim que esse o faz, o ex-jornalista acerta um forte Superkick na cara do oponente! Sem perder tempo Martins vai para novo assentamento de espátuas, 1, 2, kickout! A cabeça de Petrov já foi brutalmente agredida por Martins varias vezes nesse combate, mas Gabriel não tem intensões de parar e levanta o oponente para um Cradle Piledriver! Yuri Petrov esta a ver tanques!

Todos na plateia estão aplaudindo essa excelente exibição por parte dos competidores! Martins também parece satisfeito com o que esta a fazer e agora, mas ainda não parece que vá tentar um assentamento. Ele se posiciona no corner e todos parecem notar o que vem por ai. Yuri se levanta lentamente no meio do ring e... BREAKING NEWS! Teremos um novo campeão da Vanguarda nos próximos segundos! Assentamento de espátuas ...1 ...2 ...KICKOUT! Petrov consegue levantar o braço direito no ultimo milésimo!

Gabriel fica abismado com a resistência do russo e se encosta no canto mais próximo tentando entender o que houve. Yuri continua imóvel no meio do ring enquanto a plateia aplaude loucamente a resistência do russo. Martins parece finalmente acordar do transe alguns segundos depois, indo novamente a carga contra o russo. O ex-jornalista levanta o oponente e aplica-lhe um DTT que conecta com um Guillotine Choke! A cabeça já muito punida do “tanque russo” agora deixa de receber ar! Petrov parece condenado a desistir, sem ar e sem nenhuma corda por perto. Gabriel força cada vez mais o Choke e então o sr. Afonso Martins checa a consciência de Yuri. O mesmo não responde à primeira, nem a segunda, a tensão aumenta para a ultima checagem! Por fim Petrov consegue manter o braço levantado! O russo se mantem vivo na luta, mas por pouco!

Sem perder a pressão no oponente Martins parece não acreditar que o russo ainda não desistiu, mas esse surpreende a todos ainda mais e começa a levantar-se e levantar Gabriel junto! Yuri Petrov ergue o oponente que lhe aplicava um Guillotine Choke e começa a aplicar um Russian Bear Hug forçando Martins a soltar seu golpe! A força avassaladora do russo dá-lhe a vantagem novamente! Petrov pressiona cada vez mais o “Young Gun”, que busca desesperadamente uma corda “empurrando” Petrov com seu peso para trás. Por fim Martins força um rope break e Yuri liberta o oponente.

Beja: Que combate! Estão todos de pé a aplaudir essa excelente exibição.

Gabriel Martins começa a se levantar depois do Russian Bear Hug, mas não consegue impedir o que vem a seguir. Yuri prende o oponente entre as pernas e aplica um devastador Jumping Piledriver, A Bigorna! Martins fica plantado no ring, imóvel, mas Petrov – cansado e suando muito – não da chances para o azar e levanta o oponente de novo... Bigórna! É a segunda seguida! Assentamento de espátuas ...1 ...2 ...3!


Raquel Jacob: O vencedor deste combate, classificado para a Câmera dos Horrores E AINDA CAMPEÃO DA VANGUARDA, YURI PETROOOOOOOOOOOOOOOOOV!

YEAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH!!!



Beja: Grande combate! Ambos os participantes estão de parabéns!

Luís: Meh, combate mediano que de certeza que seria melhor que o Randall estivesse a combater e a destruir esse russo!

Beja: Não vou nem responder-te, esse combate merece mais a minha atenção do que tu! Grande batalha entre ambos os lutadores que provaram ainda mais seu valor hoje! E principalmente, grande vitória para Yuri que agora sai com todos os espólios dessa grande luta, classificado para o Main Event do Ressureição Suprema II!

******


Luís: A verdade é que Petrov e Gabriel são fracos, Petrov foi menos pior, mas ele é para título da Vanguarda, não para título supremo, supremo é para lutadores do calibre de Bangalter.

Beja: Petrov tem sido um grande campeão, já venceu gente como Arsênio Fuinha, Antonio Andrade, Diogo Lourenço e agora Gabriel Martins por esse título, creio que pode surpreender na Câmara dos horrores.

Luís: Bangalter vence isso, hoje Andrade vence Hunt e Azevedo toma a vaga de Vinícius, ou seja, Bangalter terá a proteção necessária para continuar como campeão.

Beja: Isso é triste... Bem, parece que Vinícius Nunes acaba de chegar e João Barbosa vai ter com ele, vamos saber o que o ex-campeão supremo tem a dizer.

Luís: Como é bom tratar Vinícius por ex-campeão...

Vinícius, com fisionomia de extrema concentração, acaba de chegar no Pavilhão e João Barbosa foi para perto dele para entrevistá-lo. Os dois trocaram um aperto de mão cordial e Vinícius concordou em parar para realizar essa entrevista.

João: Obrigado Vinícius por parar rapidamente para nos atender, procurarei ser rápido...

Vinícius: Sem problemas João...

João: Certo, primeiro, eu gostaria de saber, por que colocaste a sua vaga na Câmara dos Horrores em jogo contra Felipe Azevedo?

Vinícius: Sinceramente? Acho que se eu não conseguir vencer o Azevedo, bem, eu acho que não mereço estar nessa Câmara, mas eu tenho certeza que vou vencer e que lá eu terei meu título de volta!

João: Vejo que estás mesmo confiante... Não achas que os adversários podem pensar nisso como soberba?

Vinícius: Não... Eu acho que cada um que for participar desse combate deva ter esse pensamento... Eu entro em todos os meus combates para vencer, treino duro para isso acontecer e confio no meu potencial, por isso que consegui ser duas vezes campeão supremo, até porque, bem, se eu não acreditar em mim, quem vai acreditar?

João: Verdade, mas não tens algum receio de alguma interferência de seu primo Andrade ou mesmo de Bangalter?

Vinícius: Acho que ninguém vai interferir, até porque o Azevedo tem que mostrar o valor dele, acho que os Deluxe vão olhar até que ponto ele pode chegar... Mas de qualquer modo, se eu for mesmo para a Câmara, eu terei que lutar contra 5, se eu não der conta de 3, não darei conta de 5, é uma conta bem lógica...

João: Certo, mas não achas o Azevedo o oponente perigoso?

Vinícius: Eu não acho o Azevedo perigoso, eu o acho muito perigoso... Ele deve ser um dos lutadores mais fortes fisicamente que passaram na história da VLL, mas eu vou mostrar que é necessário mais do que vigor físico para ser um grande wrestler, se fosse assim o Kizua ou o Bison seriam os campeões.

Ouve-se risos do público e João Barbosa abre um sorrisinho de canto de boca.

João: Verdade... Vinícius, não vou mais tomar-te tempo, só posso desejar-te boa sorte e até a próxima!

Vinícius: Até mais!

Vinícius vai em direção ao vestiário, enquanto isso a imagem volta para a mesa de comentadores.

Luís: Esse Vinícius está confiante demais.

Beja: Pois acho isso certo, ele tem que acreditar em si mesmo, mas paremos com essa conversa, até porque parece que temos uma confusão entre Felipe Espartano e Zé Machado.

Luís: Ora pois, Zé Machado tem a razão, Espartano foi beneficiado pelo árbitro!

******


A imagem mostra os bastidores da arena e vemos alguns funcionários a realizarem as suas tarefas. A câmara vai girando e vemos três lutadores da VLL a conversar. Eram eles Felipe Silva, Timó Pedroso e ChaZZ. O ‘Espartano’ estava sentado em cima de um caixote enquanto os outros dois lutadores o escutavam.

ChaZZ: A primeira vitória é algo muito importante, por isso é que estou a trabalhar para alcançar a minha primeira vitória o mais depressa possível. Parabéns aos dois pelas vossas conquistas.

Felipe Silva: Esta vitória foi muito importante para mim depois do péssimo início que tive na VLL. Comecei muito mal e esta vitória deu-me mais confiança para o futuro e ajudou-me a assinar um contrato definitivo.

Timó Pedroso: Mas olha que tiveste alguma sorte. O pinfall que te deu a vitória não devia ter valido…

Felipe Silva: Eu sei disso, mas o que realmente me dá confiança foi a minha boa prestação. Sinto que correspondi às expectativas do público e estive bem durante o combate.

Timó Pedroso: Eu senti o mesmo quando dominei o Manel Garrucho. O bom combate que fiz faz-me acreditar num futuro risonho na VLL.


Os três lutadores continuam na conversa quando aparece Zé Machado e empurra ChaZZ.

Zé Machado: Uma reunião de falhados?


Timó Pedroso (frente a frente com Zé Machado):
Mas queres arranjar problemas?

Zé Machado ignora Timó Pedroso e dirige-se a Felipe Silva.

Zé Machado: Eu só vim aqui dizer ao capoeirista que estive a falar com os directores da VLL e eles concordaram comigo em relação à tua vitória controversa.

Felipe Silva salta do caixote, afasta Timó Pedroso e encara Zé Machado.

Zé Machado: Eles também acham que a minha prestação no combate não merecia ser prejudicada por um erro do árbitro e decidiram dar-me um novo combate contra ti, portanto vai-te preparando porque no nosso próximo confronto o final será diferente. Ninguém rouba o Zé Machado!

Felipe Silva: Fico à espera desse combate. Vai ser bom poder dar-te uma nova lição.

Zé Machado olha de uma forma desprezível para ChaZZ e Timó Pedroso e vai-se embora sob o olhar de Felipe Silva.



******


A imagem vai para o escritório do Supervisor-Geral, Augusto Lousada, que esta falando ao telemóvel com alguns investidores da VLL.

Augusto Lousada: Sim eu sei que não é bom para a empresa.

Lousada parece não estar a gostar do que esta a ouvir.

Augusto Lousada: Não, eu não preciso da ajuda de ninguém para tratar do Aníbal.

O assunto da conversa agora fica claro. Aníbal Fragas, que nas ultimas semanas vem tendo problemas com o Supervisor Geral.

Augusto Lousada: Não se preocupem, esta situação será resolvida muito antes de vos dar alguma dor de cabeça! Por isso mesmo tanto o Aníbal quanto o Lobo foram liberados dessa Vanguarda para dar-me algum tempo para pensar!

Lousada houve as ultimas palavras dos investidores antes de desligar com uma cara de poucos amigos.


******



A imagem passa para os bastidores e vemos Pedro Lombarda na zona de entrevistas pronto para entrevistar Arsénio Fuínha e Lucas Brandão. O lutador e o ex-supervisor geral encontram-se vestidos de fato e gravatas pretas. Lombarda prepara-se para iniciar a entrevista com Lucas Brandão preparada para falar enquanto Arsénio Fuínha encontra-se com uma expressão fechada a olhar para o horizonte.

Lombarda: Senhoras e senhores, tenho aqui comigo dois ex-membros dos DeLuxe, Arsénio Fuínha e Lucas Brandão. Lucas, o que é feito de si e do Arsénio depois da saída dos DeLuxe?

Lucas: Eu dediquei muito tempo à VLL para deixar que as coisas terminem assim. Gastei muito do meu tempo e do meu dinheiro aqui e não tenciono deixar tudo só porque me expulsaram dos DeLuxe. O Arsénio está na mesma situação. Ele é um lutador cheio de potencial que tem sido ignorado pelos oficiais da VLL e o meu dever é capitalizar esse potencial em títulos e sucesso. Juntos vamos chegar ao topo da VLL.

Lombarda: Acha que os directores da VLL ignoram o Arsénio.

Lucas: Achar? Eu tenho a certeza! Sinal disso é que o deixaram de fora dos combates de qualificação para o combate pelo título Supremo! Desde a sua contratação que eu vi todo o potencial do Arsénio e sinto que o posso ajudar a chegar ao topo. É uma relação de simbiose que agrada aos dois.

Lombarda: Desde a expulsão dos DeLuxe que o seu primo, Eustass Kid, tem revelado acusações graves contra si. O que tem a dizer sobre estas acusações.

Lucas solta um pequeno sorriso.

Lucas:
O que eu acho? Acho que o Eustass continua o mesmo miúdo imaturo e idiota que sempre foi, tal como o seu outro lado da família com quem eu tenho a felicidade de não ter nenhuma relação.

Lombarda: O Eustass acusa-o de roubar a sua família e o Lucas já falou acerca do avô do Eustass chamando-os aos dois de animais. Não acha que se está a tornar demasiado pessoal?

Lucas: Esta guerra foi comprada pelo Eustass, não posso simplesmente deixá-lo fazer o que ele quer. Como eu disse mais cedo, eu só quero ajudar o Arsénio a chegar aos lugares que merece e estas atitudes do meu primo só nos atrasam portanto ele é visto como o primeiro alvo a abater.

Lombarda: Mas é verdade que deixou a sua família sem nada?

Lucas: As coisas são mais complexas do que aquilo que parecem. O Eustass não percebe nada e está apenas a fazer filmes. Ele sempre foi impulsivo demais…

Lombarda: Você foi bastante claro na semana passada ao insultar o Eustass chamando-o de animal. Isso foi apenas um desabafo ou uma tentativa de tornar as coisas piores?

Lucas: Foi apenas a constatação de um facto. Esse lado impulsivo, animalesco e violento não é apenas exclusivo do Eustass. Estende-se a todo o lado da família do Eustass a que eu não pertenço. Muito antes do Eustass voltar já o avô dele teve essas atitudes para comigo. O avô dele pagou caro por se ter revoltado contra mim e o Eustass terá o mesmo fim.

Lombarda: O que se passou entre vocês?

Lucas: Não vejo necessidade de tratarmos desses assuntos tão pessoais em praça pública… para já. Se o Eustass não quer que eu aborde a sua família, sugiro que para de se intrometer nos meus assuntos e do Arsénio.

Lombarda: Bom, fica aqui o aviso. Passo agora para o Arsénio. Arsénio, foi para si uma surpresa a sua exclusão dos DeLuxe?

O Verdadeiro Professor deixa de olhar para o horizonte e vira-se para Pedro Lombarda.

Arsénio Fuínha:[/b] Claro que sim. Estava a contar que as atitudes rebeldes do Eustass o fossem atirar para fora da VLL mas nunca pensei que eu fosse ancorado e ele. Fui um mero inocente nesta história toda.

Lombarda: Não sente qualquer ressentimento em relação aos DeLuxe?

Arsénio Fuínha: Os DeLuxe para mim são passado e já só tenho olhos para o futuro. Futuro esse que se adivinha triunfal. Infelizmente há gente na VLL que não reconhece o meu valor. Talvez fosse diferente se o Eustass não me custasse a minha oportunidade de vencer o título da Vanguarda…

Lombarda: Está a culpar o Eustass pelo seu estado actual?

Arsénio Fuínha: Claro que sim. Ele agiu irresponsavelmente e os seus actos atingiram outras pessoas, atingiram-me a mim e ao Lucas. Não o posso deixar passar impune e deixá-lo atacar o Lucas deixando-o fazer o que ele quer.

Lombarda: Lucas, qual será o próximo passo para o Arsénio regressar às vitórias na VLL?

Lucas: É muito…

Neste momento Lucas Brandão é atacado por trás por Eustass Kid e vai parar ao chão. Eustass começa a pontapear o seu primo mas Arsénio começa a agredi-lo! Os dois envolvem-se numa troca de socos com os rostos repletos de frustração. Ambos os lutadores vão para ao chão e rebolam, sempre a trocar socos na face um do outro. Arsénio levanta-se e ataca com pisões e pontapés o seu ex-parceiro antes de lhe atirar com um monte de pratos que se encontravam numa mesa ao lado. Eustass levanta e vai caminhado, Arsénio aproxima-se e Eustass atinge-o com um extintor que estava encostado à parede! Arsénio cai de joelhos e Eustass atira-lhe o extintor em cheio na cabeça! O portuense levanta Arsénio e atira-o contra a parede.

Os dois vão caminhado pelo backstage sempre a trocar agressões e a destruir o cenário por onde passam. Eustass lança Arsénio contra um caixote e ataca as suas costas, mas o lutador de Lisboa atinge-o com um pé-de-cabra que estava abandonado em cima do caixote. Arsénio continua a castigar Eustass com o pé-de-cabra atingindo-o na cabeça deixando-o a sangrar. Arsénio larga o pé-de-cabra e lança Eustass contra uma porta que dava para o parque de estacionamento. O Verdadeiro Professor agarra no ex-Parceiro de Guerra mas Eustass atinge-o com um soco na barriga e atira Arsénio contra o corrimão de umas escadas!

Eustass aproxima-se para continuar o ataca a Arsénio mas aparece Lucas por trás e atinge-o com o pé-de-cabra que tinha sido utilizado por Fuínha! Eustass fica caído no chão enquanto Lucas auxilia Arsénio a levantar-se e a caminhar até um carro que se encontrava no parque de estacionamento. Os dois entram no veículo e abandonam a arena deixando Eustass caído no chão.



******



Beja: Agora teremos mais um combate, Mike Orzan enfrentará Ryo Tanaki numa luta entre estrelas em rápida ascensão na VLL!

Luís: Ascensão? O Ryo? Só se for a de limpador de banheiros para... para... Não sei nem como descreve-lo agora!

Beja: Deixa o puto em paz Luís!

Luís: Deixo, claro que deixo, assim que parar de atrapalhar grandes lutadores como o Orzan

Raquel Jacob: O próximo combate está agendado para uma derrota, introduzindo primeiro, vindo de Juneau, Alasca, Estados Unidos e pesando hoje 110 quilos, “MR KNOCKOUT” MIKE ORZAAAAAAAAAAAAAAAAN!



[b]

[b]BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUU!!!!


Luís: Esse sim é um grande atleta! O futuro da VLL!

Beja: Não há como discordar da capacidade de Orzan, apenas de suas atitudes!

Luís: Tu é que não passas de um bebê chorão!

Raquel Jacob: E seu oponente, vindo de Tóquio, Japão, pesando 87 quilos, “Katsu” RYO TANAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAKI!





YEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEA!!!!

Beja: Grande coração desse japonês que vem conquistando o público da VLL!

Luís: O limpador de banheiros? Não, ele não passa de mais uma estrela de 15 minutos. O Orzan hoje vai dar cabo dele!




A luta está prestes a começar e a cara de Orzan indica a motivação do americano, causar dor. Ryo por sua vez começa a luta de forma calma, tentando não sofrer nenhum golpe rápido de Mike. No duelo de explosão versus calma, Orzan acaba por vencer e, depois de uma sequência de socos falhos, acerta um forte gancho na barrida do oponente antes de o mandar para trás com um Belly to Belly Suplex.

Começo brutal por parte de Orzan que, imparável, aplica agora um forte Brainbuster num Ryo que continua sem achar o norte da luta. Assentamento rápido de Orzar, ...1 kickout! Tanaki volta a tentar ao menos se levantar, mas Mike acerta um Dropkick que joga o japonês no corner antes de tomar distância e aplica um Corner Splash seguido de um Bulldog! Bela sequencia por parte do americano.

Toda a plateia parece vaiar Orzan, mas esse não mostra o mínimo interesse nos fãs. Ele na verdade espera o oponente se levantar apenas para aplicar um brutal Spinning Heel Kick! Ryo cai no chão aparentemente desacordado! O arbitro David Peralta não perde tempo checando o estado de Tanaki, mas o mesmo consegue provar que ainda pode lutar. Mike Orzan não parece nada feliz com a decisão de Peralta e tenta um Running Enzuigiri contra Ryo, que pela primeira vez no combate, consegue escapar do golpe!

Agora ambos os lutadores ficam caídos no ring, mas Orzan, mesmo errando o golpe, ainda começa a se levantar antes. Para impedir isso Ryo Tanaki salta sobre o oponente e começa a aplicar vários Gator Rolls. Aproveitando que tem Mike preso num Double Underhook Hold, Tanaki aplica um rápido DTT e tem, pela primeira vez, o controle do combate. O “Mr. Knockout” precisa do corner para se erguer, mas o japonês não corre riscos e aplica um poderoso Roundhouse Kick que manda o oponente de volta ao chão antes de seguir com um Somersault Leg Drop!

Cada um dos fãs presentes na arena hoje está a cantar o nome de Ryo Tanaki, que vai para um assentamento tentando garantir uma grande vitória! ...1 ...2 ... kickout! Orzan escapa por pouco de uma derrota! O “Katsu” não se conforma com a quase vitória! Tanaki tenta levantar Mike novamente, mas dessa vez o americano reage rápido e aplica um soco no estomago do japonês antes de acertar um Chokeslam Backbreaker.

Isso dá ao “Mr. Knockout” uma chance de recuperar um pouco da energia antes de levantar o oponente para um Fireman’s Carry DTT, plantando Ryo de cabeça no chão! O massacre parece estar recomeçando, com Mike Orzan indo as cordas por de trás de Tanaki aplicando um Running Bulldog quando esse se levanta. Cada vez mais vaias vem de uma plateia enfurecida enquanto o americano espera o oponente levantar para outro Spinning Heel Kick! Agora sim Ryo esta KO!

O arbitro checa o estado do japonês novamente, mas, mesmo depois de tantos chutes a cabeça, Ryo continua se mostrando resistente! Orzan não acredita, mas também não desiste de punir o oponente, jogando o mesmo contra o corner e o sentando na corda superior. Tanaki ainda tenta se defender, mas sofre uma sequência de socos na cara antes de ser posicionado para um Hot Knockout! O fim parece próximo para o japonês, mas esse, com algum esforço, se esgueira por de baixo das pernas de Mike, que estava a discutir com alguns fãs.

Orzan nota o que houve e desce rapidamente do corner, ainda mais nervoso por ter perdido a chance de aplicar seu finisher, mas compensa tal ato com um devastador Spike Piledriver! Assentamento de Espáduas, UM, DOIS, KICKOUT! RYO ESCAPA NO ULTIMO SEGUNDO DE UMA DERROTA CERTA!

A cara de Orzan entrega toda a sua frustração, mas a seguir o mesmo rola para fora do ring e começa a fuçar o que há de baixo do mesmo até achar uma cadeira. O arbitro, David Peralta, não perde tempo tentando impedir Mike de utilizar a chair, mas este empurra Peralta antes de acertar um indefeso Ryo com um forte Chair Shot! E outro, e mais um! Orzan aplica um total de 6 cadeiradas a Tanaki antes de desistir!


Raquel Jacob: O vencedor desse combate por Desqualificação, Ryo Tanaki!

BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUU!!!!

Orzan sorri com o anuncio e joga a carreira em seu oponente antes de sair andando como se nada tivesse acontecido.


Última edição por vlladmin em Qua 26 Mar 2014, 06:34, editado 3 vez(es)
avatar
vlladmin

Número de Mensagens : 511
Data de inscrição : 30/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: VANGUARDA 45# Especial Pré-Câmara dos Horrores (RTP1) - (25/03/14)

Mensagem por vlladmin em Qua 26 Mar 2014, 05:53

A emissão da Vanguarda de Luta Livre voltava dessa vez na mesa de comentadores, Diogo Beja e Luís Barreira já estavam prontos para anunciar a próxima atração nesse Vanguarda 45- Especial Câmara dos Horrores.

Luís: Estamos de volta desse intervalo e já vamos direto para outro combate! Estamos a ter grande noite, espero que agora o jovem dos Deluxe, Filipe Azevedo possa capitalizar mais uma vitória para esse grupo!

Beja: Não é assim tão fácil Luís, ele vai enfrentar o antigo campeão supremo Vinícius Nunes!

Luís: Esse daí já deu o que tinha que dar, e ainda vai perder sua vaga para Felipe, isso vai ser ótimo...

Beja: Não sei Luís, não sei mesmo...


Raquel Jacob: Essa luta é de uma derrota e é válida por um lugar no evento principal do Ressurreição Suprema 2! Primeiro, vindo de Salvador, Brasil, pesando 140 quilos! O único duas vezes campeão supremo! Vinícius Nunes!

YEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHHHHHH!!!!!!!

Beja: Vem confiante...

Luís: Confiante até demais, todos sabemos o que Azevedo pode fazer!

Beja: Creio que ele sabe, mas todos também sabemos o que ele pode fazer...

Luís: Ele sabe ser incompetente...

Beja: Tu só dizes treta!


BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUHHHHHHHHHHH

Raquel Jacob: E seu adversário, pesando também 140, Filipe Azevedo!

Luís: Esse tem muito futuro e vem sozinho...

Beja: Uma estatística interessante, o Azevedo e o Vinícius têm o mesmo peso e quase a mesma altura, o Vinícius é apenas um centímetro mais alto, pelo menos no aspecto físico eles estão bem equilibrados!

Luís: Mas o Filipe é novo no negócio, ele tem mais vontade, tem mais o que provar, é o favorito para essa disputa.

Beja: Só que Vinícius é duas vezes campeão supremo.

Luís: Passado, passado...


O oficial desse combate é Afonso Martins.
Vinícius, ironicamente, oferece um aperto de mão para Azevedo e este recusa e dá uma chapada na cara de Vinícius, o brasileiro sorri e deixa Azevedo irritado. Azevedo vai para cima com tudo, mas Vinícius é mais esperto e espeta logo de primeira um Spinebuster poderoso, algo que Azevedo não estava nada na espera. 1! 2! Azevedo se recupera. Azevedo olha para Vinícius e percebe que o brasileiro está cada vez mais esperto, nem parece o velho e impulsivo Vinícius.

Vinícius atiça mais uma vez Azevedo, esse vai para cima da mesma maneira, Vinícius sorri, só que Azevedo para, Vinícius fica confuso e Azevedo aproveita a distração para mandar uma joelhada no corpo de Vinícius, este dobra e leva dois socos nas costas e um headlock! Azevedo fica um tempo nessa posição e depois transita para um Running Powerslam, vai para a cover, 1! 2! Vinícius se safa com alguma facilidade.

Os dois começam a rondar o ringue a buscar um ao outro, depois disso Azevedo e Vinícius vão para uma hold que dura um certo tempo, os dois lutadores são muito fortes, mas estranhamente Azevedo vence a hold! Vinícius jamais tinha perdido uma hold na VLL, Azevedo consegue calar o público! Para completar ele consegue uma combinação de Suplex, Big Boot e Swinging Neckbreaker! Agora Vinícius está na pior! 1! 2! 2,5! Incrível de como Vinícius se safou dessa forte seqüência de Azevedo.

Vinícius não tem mais aquele ar debochado e confiante, ele já fica mais concentrado, Azevedo se mostra mais forte que o ex-campeão supremo. Os dois começam uma troca de socos poderosa, esta dura por pelo menos uns dois minutos e Azevedo mais uma vez leva vantagem e empurra Vinícius para as cordas. Vinícius tenta voltar com uma ofensiva, mas é pego por um Bearhug de Azevedo. Azevedo pressiona bem e Vinícius grita de dor, Azevedo transita para um Spinebuster! Agora vai para a cover! 1! 2! 2,8! Vinícius mais uma vez consegue evitar a derrota de maneira surpreendente!

Vinícius mostra cansaço desse combate, enquanto Azevedo parece inteiro, Vinícius está levando grande desvantagem do membro dos Deluxe! O público tenta chamar por Vinícius, mas o que está acontecendo é quase inédito, nem parece o grande Vinny que dominou a VLL durante tanto tempo. Azevedo pega Vinícius e acerta vários socos contra o rival, Vinícius acaba por se desequilibrar e Azevedo chuta o corpo do brasileiro e finalmente os pisões e para completar, ele levanta Vinícius e aplica um potente Powerslam! Vinícius fica caído perto das cordas. Azevedo sobe até a terceira corda! O que será que ele vai fazer? Elbow Drop de Azevedo contra Vinícius! Será desta? Cover feita! É para vencer! 1! 2! 3! Vence Filipe Azevedo depois de um massacre!

Não! Não! Não! Vinícius consegue colocar o pé na corda antes do três! Impressionante a determinação de Vinícius! Azevedo anda para trás sem acreditar e começa a sacudir a cabeça negativamente. Azevedo demonstra muito ódio e frustração nas pisadas e chutes no corpo de Vinícius. Cover! 1! 2! Vinícius se safa! Nova cover! 1! 2! Vinícius se safa de novo! Outra cover! 1! 2! Vinícius se safa uma vez mais! Esse combate está sendo total surpresa, ninguém imaginava um tamanho domínio de Azevedo.

Azevedo anda de um lado para o outro e espera Vinícius se levantar. O brasileiro, com muita dificuldade, consegue se por de pé e espera o novo ataque de Azevedo, este já começa a demonstrar o mesmo cansaço de Vinícius, só que no caso do Azevedo é de tanto bater. Azevedo, ainda mais inteiro, segue para mais uma ofensiva e consegue Belly-To-Belly Suplex! Depois o segundo Belly-To-Belly Suplex! E mais outro! Cover! Vinícius se safa antes do dois!

Azevedo ergue Vinícius do chão e começa a xingar o brasileiro e este sorri para Azevedo, deixando-o mais furioso ainda. Azevedo joga Vinícius no chão e toma distância! Azevedo vai para o ataque frontal em Vinícius, mas o brasileiro sai e Azevedo se bate na corda! Roll-up contra o powerhouse dos Deluxe! 1! 2! Azevedo se safa, mais leva alguns socos de Vinícius e um Big Boot! Cover! Azevedo se safa logo.

Os dois lutadores, bem cansados, começam nova troca de socos e Azevedo vence mais uma vez e aplica uma fortíssima e frontal Clothesline! Agora sim, parece que vai acabar! 1! 2! 2,5! Vinícius não desiste desse combate e isso deixa Azevedo possesso. Azevedo aplica mais pisões no corpo de Vinícius, o braço direito do campeão já parece meio avariado. Agora Azevedo vai para nova cover, mas Vinícius se safa com mais rapidez.

Azevedo deixa Vinícius encostado em um córner e toma distância e vai para outro. Outro ataque frontal! Mais uma vez Vinícius consegue acertar um Big Boot! Agora um German Suplex! Outro! Mais um! Vinícius não para! Parece que este é o seu último fôlego! Vinícius está tudo que tem! Agora um Sidewalk Slam! Azevedo tenta se levantar, mas é apanhado no Chokeslam! E quando tem Chokeslam a galera se levanta e Vinícius pede o apoio de todos! Azevedo se levanta com dificuldades e é logo pego pelo Brazilian Bomb! Vinícius cai em cima de Azevedo! Cover! 1! 2! 3! Vitória para Vinícius.


Raquel Jacob: E o vencedor desse combate e qualificado para a Câmara dos Horrores é Vinícius Nunes!

Beja: Que luta formidável!

Luís: Azevedo mostrou que é melhor, massacrou Vinícius, pena que teve azar.

Beja: Azevedo mostrou muito, mas Vinícius mostrou o porquê de ter sido duas vezes campeão, foi uma guerra entre ambos.

Luís: Esse Azevedo é mesmo promissor, olha Vinícius a sair todo cansado e com a mão no braço... Nem parece que venceu a luta...  

******


A imagem vai até o backstage onde aparece um desesperado Darren Keane andando pelos corredores, bastante compenetrado e sem olhar muito para as pessoas em volta. Keane se bate em alguns funcionários, porém os ignora, parece mesmo perturbado por sua situação atual na VLL, ele sabe muito bem que sua situação na empresa é crítica e que mais um falhanço pode significar o fim da carreira desse jovem norte-irlandês na Vanguarda de Luta Livre.

Enquanto tomava a direção do escritório de Augusto Lousada, eis que ele acaba por ter um choque bem forte com o ilusionista Ivan Guzzo, novo contratado da VLL. Os dois caem para trás por causa do impacto e Keane se levanta mais rápido e empurra Guzzo que ainda estava no chão. Guzzo se levanta e os dois começam a discutir.


Keane: Não olhas para onde andas?

Guzzo: Eu estava no meu caminho, tu que estavas a andar sem olhar para ninguém...

Keane: Pra quem eu olho ou deixo de olhar é problema meu... E quem pensas que és para falar comigo dessa maneira?

Guzzo: Sou Ivan Guzzo, novo contratado da VLL e ilusionista.

Keane: Pois bem, volte logo para os seus truques de mágica, pois aqui é outra história, eu sou Darren Keane, The Pure, eu estive nas meias-finais do Torneio do Título Supremo e se não fosse meu parceiro incompetente, eu seria Parceiro de Guerra, ou seja, sou grande aqui dentro.

Guzzo: Não ultimamente...

Keane: O que queres insinuar?

Guzzo: Não quero insinuar nada, sei o que digo... Tu não tens mais moral alguma aqui dentro, eu acompanho a VLL e sei que estás em baixa e que falta muito pouco para seres demitido da VLL.

Keane: Como ousa? Ora seu...

Keane atira-se contra Guzzo e os dois começam uma briga feroz. Guzzo joga Keane no chão e consegue uma montada. Guzzo desfere várias cotoveladas contra Keane e depois alguns socos contra o mesmo, Keane consegue inverter a posição e agora ele que desfere socos e cotoveladas contra o ilusionista da VLL. Os dois continuam nessa briga até que os Road Agents conseguem separa-los. Eduardo Santos manda os dois serem soltos.

Eduardo: O senhor Lousada deve está bem satisfeito com isso, pois ele me mandou aqui procurar os dois para anunciar que Ivan Guzzo e Darren Keane lutarão no Vanguarda 46.

Keane abre um sorriso.

Eduardo: Não sei se tens motivos para sorri Keane, pois caso tu percas, serás demitido da Vanguarda de Luta Livre, pois ele está cansado de seus fracassos na empresa, portanto, esta será sua última oportunidade.

Eduardo e Guzzo saem sorrindo de cena e deixam Keane bastante revoltado com o que se passou à pouco, depois disso a imagem volta para a mesa de comentadores.

Luís: Muito bem o senhor Lousada, vamos ter alto combate!

Beja: Pois é, mas Keane não deve ter gostado nada disso.

Luís: Basta ele vencer o novato, senhor Lousada sabe que ele pode vencer o Gozo...

Beja: Guzzo...

Luís: Tanto faz...

******


Beja: Temos uma ótima luta já confirmada para o próximo Vanguarda, este Guzzo pode estrear com força.

Luís: Que ousadia a dele, quem perdera a carreira será ele, vai perder e fugir de tanta vergonha, assim como o Courteener

Beja: Luís, não estaria tão certo disso, este novato parece ter ímpeto.

Luís: Ímpeto não é nada, a força de Keane vai resolver o combate.

Beja: De qualquer forma, agora teremos um ótimo combate.

Luís: A eterna promessa Diogo Lourenço, contra o lunático Caim Ezequiel.

Beja: O Lourenço não é uma eterna promessa, ele está lutando para subir e aos poucos está conseguindo o seu lugar.

Luís: Ele sempre estará lutando.

Beja: Do outro lado temos o Caim. O homem que diz ter recebido uma mensagem divina.

Luís: Deus falou que ele ia ganhar o ouro dos Deluxe? Só há parvos aqui.


Raquel Jacob: Está luta está marcada para uma derrota, ele vem de Tomar, Portugal, tem atualmente 87 Kg, DIOGOOOOOO LOURENÇO!

Beja: Diogo semana passada venceu seu combate por desqualificação, após ser atacado por Frederico de Queirós.

Luís: Venceu? Ele foi destruído pela lenda retornada, aquilo nunca será uma vitória.

Beja: Realmente ele não fez o assentamento, mas aposto que está noite ele está atrás de uma vitória digna.

Luís: Se o Fred deixar.


Raquel Jacob: E seu desafiante, vindo de Jerusalém, Israel. Pesando 90 Kg, “O escolhido de Jesus” CAIM EEEEEEEZEQUIEL!

Luís: Isso é o nosso futuro campeão? Vou pedir demissão.

Beja: Caim vem de uma vitória no Vanguarda 41, neste evento ele derrotou Lasombra e diz ter libertado a falecida esposa do mesmo, Alice.

Luís: Você não vê Beja? Este homem é louco.

Beja: Também tenho essa impressão, mas isso é o que se chama de Fé.


O Árbitro desse combate, é Afonso Martins, ele confere os dois lutadores, não encontra nenhuma irregularidade e manda iniciar a luta. Diogo dedica está luta ao seu falecido tio enquanto Caim faz mais uma oração antes do combate.

Ambos se estudam bastante, rodam o ringue e ameaçam uma investida, quando o público já está a perder a paciência com o jogo psicológico de ambos, Caim parte para cima do Diogo e tenta uma Clothesline, mas Lourenço abaixa e tenta encaixar um Swinging Neckbreaker, o Israelita consegue se soltar aplicando fortes Uppercurt’s e encaixando um German Suplex.

Caim se levanta rapidamente e aplica um Side headlock, Lourenço mal se recupera do Suplex e já está em outro golpe, péssimo começo para o lutador de Tomar. Caim aperta mais a manobra, porem ambos já estão levantados. O público aplaude tentando incentivar o Diogo.

O Português dá algumas cotoveladas na barriga do Caim e consegue mais espaço, aproveitando a oportunidade para fazer um Belly-To-Belly Suplex. Caim rebola para fora do ringue, enquanto Diogo se lança as cordas conseguindo um Suicide Dive que ambos vão de encontro a barreira de proteção e o arbitro começa a contar.

1...2...3...Diogo levanta antes, pega Caim pelos cabelos e lança-o para dentro do ringue...4...5... Com dificuldade Lourenço sobe para a borda do ringue enquanto Caim se levanta e Springboard Flying Forearm Smash, COMPLETAMENTE DO NADA.

Diogo não perde tempo e levanta a perna do “Escolhido de Jesus”, 1..2 e ele não deixa a vaga para a Câmara dos Horrores escapar tão rapidamente. Diogo vai para as cordas e CLOTHESLINE, incrível reação de Caim que desmorona no tapete, ambos lutadores estão deitados no ringue.

Afonso não perde tempo e abre a contagem...1...2...3, ambos ficam de joelhos...4...5...6, os dois ficam de pé e um de frente ao outro, Caim dá um soco em Diogo, Lourenço devolve, Caim novamente, Lourenço, Caim, Lourenço, Caim, Caim, Caim, o israelita abre a vantagem, lança-se nas cordas e aplica um Big Boot certeiro.

Caim vai para o primeiro assentamento de espaduas dele no combate, 1...2..2,5 e Lourenço se levanta. Ezequiel não acredita, vai para o canto e prepara um Superkick, ele quer terminar o combate.

Caim vai para a manobra, mas Diogo se abaixa e aplica um Step Up Enzuigiri. Ele espera o israelita ficar de joelhos, coloca ele no meio da suas pernas, levanta para um Turnbuckle Powerbomb...Caim está erguido e NÂO, Caim passa por cima da cabeça de Diogo, está atrás dele, SUPERKICK...SUPERKICK DO NADA.

O “Escolhido de Jesus” da dois passos para trás, faz sinal de reza, falando algo que ecoa no Pavilhão “Desconhecido porque o Senhor será...” DEVIL’S BITE, Caim estava rezando e agora está esticado no chão, mas Diogo é ousado e não vai para o cover, ele sobe no corner e SKYFALL... AGORA A LUTA ACABA, mas Diogo está no chão com a mão na barriga, ele se arriscou bastante e fica sentindo.

Lourenço se dá conta que tem que fazer o assentamento para a luta terminar e deita em cima do Caim...1...2.........TRÊS. DIOGO VAI DISPUTAR O TITULO!


Diogo fica sentado com dor na barriga.

Beja: Que luta Luís! Estes dois dão um ótimo espetáculo nesta noite.

Luís: Espero que aquela lesão do Diogo seja grave, ele não merece estar no Ressurreição, nem lutar o gajo sabe.

Beja: Deixa disso, o gajo mesmo sem um braço lutaria no Domingo.

Luís : Mas perderia...

Beja: Pah! Não estragues o momento.

******


Logo após a emissão do combate de Diogo Lourenço é mostrado algum lugar aos redores do Pavilhão, onde nunca foi mostrado antes, tinha apenas paredes brancas e um chão preto, nada mais. Nesse espaço estava a andar Frederico de Queirós, provavelmente a filmar a si mesmo. A resolução não é das melhores, mas dava-se para ver tudo com certa nitidez.

Fred: Ora, ora... Grande vitória do miúdo mais promissor da VLL... Do miúdo que ousou me defrontar... Estará na Câmara dos Horrores, parabéns Dioguinho! Parabéns!

Frederico ri ironicamente e o público apupa o ex-campeão supremo.

Fred: Pois é Dioguinho, tu conseguiste vencer o Caim Ezequiel... Mas, uma pergunta? Qual título Caim Ezequiel conquistou na Vanguarda de Luta Livre? Ah é! Nenhum! Caim Ezequiel não conquistou nada na VLL, mesmo sendo um dos lutadores mais antigos na casa... Se for somar o tempo dele de lutador na VLL, é maior que o tempo dessas minhas duas passagens pela CIA, e mesmo assim eu venci o título supremo! Mais! Eu fui o primeiro campeão supremo da história! Além disso eu estive no primeiro Main-Event da história da organização! Ou seja, eu sou uma lenda e Caim não!

Frederico balança a cabeça e para de andar.

Fred: Pois é Diogo, eu sou uma lenda e por essas e outras que nunca irás me derrotar como derrotaste Caim Ezequiel! Achas que livraste-te de mim por ter entrado na Câmara dos Horrores? Pois estás enganado, pois eu também estarei na Câmara dos Horrores! Vencerei meu oponente mistério, seja o diabo que for ele e sairei como novo campeão supremo do Ressurreição Suprema II! Essa é a grande verdade sobre essa Câmara dos Horrores ou sobre o Ressurreição Suprema ou até mesmo sobre o main-event de hoje! O nome dessa federação voltará a ser Frederico de Queirós, pois estou aqui para pegar aquilo que é meu!

Frederico abriu um sorriso doentio.

Fred: Pegarei o que é meu, pois agora ninguém me impede, nem mesmo aquela minha maldita família que sempre me aprisionou de tudo ou sobre a minha tentativa de ser o bonzinho... Agora estou livre para ser o Fred campeão e isso começa hoje e continua no Ressurreição Suprema II, e Dioginho... Abraços para ti!

Frederico de Queirós sai dando uma gargalhada bem arrogante e a emissão volta a filmar a mesa de comentadores, onde Diogo Beja e Luís Barreira se mostram surpresos com essa nova atitude de Frederico.

Luís: O velho Fred está de volta! Graças a Deus! Eu sei do que falo Beja, estou aqui desde o dia 1.

Beja: Pois é Luís, não sei se é o velho Fred, mas é totalmente diferente do que era quando era treinador da ANW. E sobre o adversário dele, quem achas que é o desconhecido?

Luís: Aposto em Jorge Gante, Kizua ou Bison, é um desses ou o Diogo Matos...

Beja: Cala-te, tu não levas nada a sério...

Luís: Eu levo, ou não achas que estes não são lendas na VLL?

*****



Luís: Finalmente mais um combate de qualificação, estou ansioso para saber qual a composição do combate pelo título Supremo.

Beja: Não és só tu, Luís. Todos os fãs da VLL estão ansiosos para saber quem vai lutar pelo título Supremo que pertence a Michel-Baptiste Bangalter.

Luís: Este talvez seja o combate de qualificação mais importante para o nosso campeão Supremo porque pode ditar a presença do novo membro dos DeLuxe no combate.

Beja: Sem dúvida, Luís. O Bangalter estará a torcer pela vitória do António.

Raquel Jacob: O próximo combate está marcado para uma derrota e serve de qualificação para o main-event da Ressurreição Suprema. A caminho do ringue, acompanhado por Sebastião Fonseca, com 128kg de peso e vindo do Rio de Janeiro, Brasil, António Andrade!

BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUHHH!!!





Luís:
O António no main-event seria uma grande vantagem para o Bangalter.

Beja: É verdade Luís, mas aquilo que é uma vantagem pode também ser uma desvantagem.

Luís: Lá estás tu a inventar, Beja.

Beja: Imagina que o António vence hoje e chega ao Ressureição Supremo com objectivos de conquistar o título. Seria muito fácil enganar o Bangalter…

Luís: Estás a divagar, Beja! O António sabe qual é o seu lugar nos DeLuxe e sabe que o título Supremo pertence ao Bangalter! O António vai garantir que o Vinícius não volta a meter-se na rota pelo título Supremo pelo bem de todos os espectadores!

Raquel Jacob: E o seu oponente, vindo de Quebec, Canadá, e pesando 110kg, Phillip Hunt!

YEEEEEEEEEEEEEEEEEEEAAAAAAAAAAAAAAAAAHHHHHHHHHHHH!!!

Beja: O Hunt tem aqui uma excelente oportunidade. Desde o seu regresso temos visto um Hunt diferente. Venceu o Eustass Kid e ainda chegou a fazer equipa com o Vinícius e o Petrov.

Luís: A equipa com o Petrov foi um falhanço, não conquistaram os títulos. Esta sua aventura a solo também será um fracasso.

Beja: O Hunt tem aqui uma boa oportunidade para provar o contrário.



Adelaide Rodrigues será a árbitra deste combate. Os dois lutadores andam à volta do centro do ringue antes de partirem para uma medição de forças. Hunt começa a empurrar António mas o brasileiro pontapeia-o na barriga, agarra na sua cabeça e atira-a contra o canto. O canadiano está no canto e António aproveita para desferir uma sequência de pontapés até a árbitra mandar parar. Sebastião Fonseca aplaude o DeLuxe.

António agarra o braço do seu oponente, puxa-o até ao centro e ataca com uma Clothesline. Vai para o assentamento mas Hunt safa-se no 1. António levanta-se e começa a pisar algumas partes do corpo de Hunt à procura de uma zona mais debilitada para trabalhar. Elbow Drop e novo assentamento, 1…1,5 Hunt sai facilmente.

Phillip Hunt começa a levantar-se, António vai às cordas e ataca com um Running Knee Lift! Novo assentamento, 1…2… Hunt safa-se! António levanta-se e começa a pontapear e a pisar a perna direita de Hunt. Agarra as pernas do canadiano e prepara-se para aplicar o Pain of Ignorance mas Hunt empurra-o com a força as pernas.

António levanta-se rapidamente e cai numa Clothesline! Levanta-se e vai num a nova clothesline, volta a levantar-se para ser apanhado numa nova clothesline. Hunt levanta os braços para o público que lhe respondem com palmas. António levanta-se, Hunt agarra-o e aplica um Go Home Driver! Cover, 1…2! António safa-se ainda com facilidade.

Hunt levanta António e lança-o para o canto com um Irish Whip e ataca-o com um Crossbody! As costas de António Andrade batem em cheio no canto e cai sentado! Hunt vai até ao outro canto, começa a correr e lança-se para António, que estava sentado no tapete encostado ao canto, com uma Cannonball! Novo assentamento, 1…2 e António escapa. Sebastião bate palmas e puxa pelo brasileiro.

António levanta-se agarrado ao canto e começa a levar socos nas costas por parte de Hunt. O brasileiro responde com um pontapé na barriga e aplica um European Uppercut. Hunt recua queixoso da sua boca e António aproveita para se atirar contra o canadiano com um Standing Double Leg Takedown e começa a agredir Hunt com socos. Aproveita que Hunt está no chão e aplica o Pain of Ignorance! A MANOBRA CARACTERÍSTICA DE ANTÓNIO É APLICADA! Hunt grita cheio de dores enquanto tenta alcançar a corda. O público grita pelo nome de Hunt enquanto o canadiano usa todas as suas forças para chegar à corda. António diz a Hunt para desistir mas o canadiano consegue mesmo chegar às cordas! A manobra foi aplicada demasiado perto das cordas, um erro por parte do brasileiro.

António levanta-se furioso e Hunt aproveita este momento para descer do ringue e reestabelecer-se. António percebe a ideia do seu adversário e também sai do ringue para impedir que Hunt recupere. António aproxima-se mas é Hunt quem faz a primeira investida com alguns socos. António não gosta e responde com alguns socos também antes de atacar com um European Uppercut que encosta Hunt à barreira de segurança. António afasta-se para ganhar balanço e corre para Hunt porém, o canadiano esquiva-se e António vai de encontro com a barreira de segurança! Hunt aproveita este momento mais frágil de António e aplica-lhe um Sleeper Suplex fora do ringue!

Hunt volta rapidamente ao ringue e recupera o fôlego enquanto vê Adelaide Rodrigues fazer a contagem por António estar fora do ringue. 1…2….3…4… Sebastião aproxima-se de António e incentiva-o…5…6… Sebastião não vê sinais de resposta de António e começa a levanta-lo para o ajudar a entrar no ringue…7…8…9…António reage e com a ajuda de Sebastião consegue voltar ao ringue!

Hunt não acredita e vai até António, agarra na sua cabeça para o levantar e é atingido na perna direita! Hunt cai e António começa a pontapear a perna do canadiano antes de o puxar até ao centro do ringue e o colocar num Inteligent Shooter! Hunt volta a ficar preso numa manobra de submissão e volta a sofrer para chegar às cordas! Sebastião Fonseca vai gritando para Hunt desistir mas o canadiano continua a sua luta contra o tempo para chegar às cordas! Com muito esforço Hunt alcança as cordas e António é obrigado a parar a manobra.

O brasileiro levanta-se determinado e volta a pisar as pernas de Hunt. Levanta-o para um German Suplex! Assentamento, 1…2… Hunt ainda resiste! António dá uma chapada na cabeça de Hunt e coloca todo o seu peso em cima da perna direita de Hunt que grita cheio de dores! Sai de cima da perna do canadiano e vai empurrando-o para o canto através de alguns pontapés. Chegados ao canto, António desfere socos na cabeça de Hunt e pressiona-o contra o canto até a contagem de Adelaida Rodrigues exigir que pare com a pressão.

António agarra a perna de Hunt e tenta puxá-lo para o meio mais uma vez mas o canadiano agarra-se às cordas. António não gosta e decide levantar Hunt, vai agarrar a sua cabeça mas o canadiano atinge-o com uma cabeçada! Quando António de levanta já está a ser vítima de um Swinging Leg Hook Belly to Back Suplex! Hunt vai às cordas e ataca com um Sommersault Leg Drop! Hunt está na mó de cima e o público puxa por ele! Ele dá sinal ao público e sobe ao canto para um 450 Splash! QUE EXCELENTE SEQUÊNCIA DE MOVIMENTOS POR PARTE DE HUNT! O público adorou este momento de Hunt no combate! Assentamento, 1…2…3! HUNT VENCEU! NÃO! SEBASTIÃO FONSECA COLOCOU O PÉ DE ANTÓNIO ANDRADE NA CORDA E A ÁRBITRA INTERROMPEU A CONTAGEM!

Hunt não quer acreditar, seria a sua vitória mais importante na VLL! Mas não estava nada perdido para o canadiano e ele levanta António Andrade para aplica o McPain! Hunt já o tem em posição mas o brasileiro escapa, puxa as pernas de Hunt fazendo-o cair ao tapete e aplica o Pain of Ignorance! Hunt tenta chegar às cordas mas desta vez está muito complicado! António e Sebastião gritam para Hunt desistir e desta vez o canadiano não tem escapatória! Hunt desiste e António vence o combate!


Raquel Jacob: O vencedor deste combate, António Andraaaaaaaaaaaaaaaaaade!

BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUHHHHHHHHHHHHHH!!!

Luís: Excelente combate do António! Vai ser bom vê-lo bater no Vinícius no Ressurreição Suprema!

Beja: O António é talvez o lutador mais estratégico e pragmático da VLL. Não arrisca muito mas ataca pontos cirúrgicos nos momentos certos. É realmente um adversário difícil de bater mas o Hunt bateu-se bem.

Luís: O António simplesmente é melhor, não deu chances ao Hunt!

Sebastião Fonseca sobe ao ringue e congratula António. Os dois DeLuxe ficam a olhar para Hunt levantar-se e o veterano dá sinal a António para o atacar. O brasileiro ouve o manager e volta a colocar Hunt no Pain of Ignorance! Hunt grita cheio de dor e sem salvação! António vai sorrindo enquanto aplica a manobra mas a sua expressão muda radicalmente quando vê Vinícius surgir vindo do público! António para a manobra e junto de Sebastião fogem do ringue. Vinícius chega ao ringue e ajuda Hunt a levantar-se antes de subir ao canto e começar a trocar algumas palavras com António que estava na rampa e abandonava a cena.


******



A imagem volta, mais uma vez, ao escritório de Lousada onde este está, desta vez, mais relaxado e apenas a observar o que se passava nesse Vanguarda 45 especial. Esse momento de relaxamento, e ao mesmo tempo de concentração, foi interrompido pela entrada abrupta de Mike Orzan, este nada satisfeito com os últimos acontecimentos e não era só por causa da derrota contra Ryo Tanaki.

Lousada: Como te atreves a entrar desse jeito? Por acaso achas que esse escritório é a boate do Vinícius?

Orzan: Cala-te! Tu sabes porque estou aqui... Tu me prometeste muitas coisas e nada do que foi prometido foi cumprido, muito pelo contrário!

Lousada: Do que estás a falar?

Orzan: Tu sabes bem... Eu estou a falar da maneira como me tiraste do combate da Câmara dos Horrores para me colocar em um combate para encher chouriços... Tudo bem eu lutar contra aquele japonês inútil, caso fosse pelo direito a Câmara, mas me tiras para por o Petrov? Tu pensas que sou o que?

Lousada: Primeiro, acalma-te... Segundo, tu não estarias na mesma porque tu perdeste para o Ryo...

Orzan: Perdi, mas quem destruiu quem? Sabes que mereço mais e melhor...

Lousada: Não me interrompas de novo! E sim, eu sei... Nem eu queria lhe retirar a chance, os patrocinadores que me obrigaram a tal... Achas que gosto da ideia do Petrov lá e tu não?

Orzan: Sei... Mas tu tens que me recompensar por tudo que tenho feito, não achas? Sabe que sou alguém que podes contar, não sabes? Não sabes?

Lousada: Sei bem, por isso que vou-te colocar no evento principal do Vanguarda 46! Tu contra Yuri Petrov pelo título da Vanguarda! O que achas?

Orzan: Excelente... Bem, isso é tudo, muito bom conversar contigo mais uma vez Augusto, é sempre bom...

Lousada: Eu sei, mas trata de comportar-te melhor, ou não serei tão bonzinho na próxima...

Orzan: Tudo bem, desculpe pela exaltação.

Lousada: Certo. Agora podes ir...

Orzan: Com licença.

Orzan sai da sala e Lousada olha para o americano saindo e balança a cabeça negativamente.

Lousada: Que estressadinho...

A imagem desvanece.

Beja: Isso foi importante! Petrov defenderá esse título outra vez... Será que Petrov defenderá o Vanguarda e será campeão supremo ao mesmo tempo?

Luís: Petrov dentro de duas semanas não terá título algum, e isso me deixa feliz...

Beja: Agora tu és vidente!

Luís: Só percebo disso, sei que Bangalter reterá seu título supremo, porque é o melhor da empresa e sei que Orzan será o novo campeão da Vanguarda porque se ele for o mesmo que destruiu o Ryo Tanaki, Petrov não terá chances.

Beja: Como se o Petrov não fosse ninguém, enfim...



******



Beja: Depois do ótimo combate que vimos hoje, Petrov irá defender novamente o seu título em breve.

Luís: Que surpresa agradável, veremos o Orzan tirando de uma vez por todas aquele título do Russo.

Beja: Não sei Luís, O Yuri passou por desafios difíceis, como o de hoje.

Luís: O Gabriel? Pah, aquele gajo deve voltar aos jornais, porque para luta ele não tem talento.


YEAAAH

Beja: Isso é uma boa surpresa, Chazz!

Luís: Quer ficar mais surpreso? Ele entra com o Timó.

Beja: Nunca vimos os dois juntos.

Luís: Eles estão com microfone, o que esses dois estão tramando?

Timó: Boa noite pessoal, sou Timó Pedroso e do meu lado está o ChaZZ.

ChaZZ: Viemos aqui hoje, para dizer verdades que vocês não enxergam.

Timó: Não enxergam, pois estão cegos pelos seus heróis.

ChaZZ: Heróis esses que estão sempre aparecendo nos shows.

Timó: Shows esses que não dão espaço para lutadores de qualidade como nós.

ChaZZ: Nós, que somos excluídos mesmo sendo competentes.

Timó: Competência, que não aparece em muitos de seus lutadores.

UUUUUUUUUUUUUUUUUUHHH

Beja: Nunca vi esses dois desse jeito, estão muito magoados.

Luís: Agora sei porque gostava do Timó e do ChaZZ.

Timó: Por isso que estamos aqui hoje, para mostrar que..


YEAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHH

O Parceiros de Guerra caminham em direção ao ringue enquanto falam.

Felps: Oh Oh Oh, vamos com calma galera, vocês são novatos ainda.

Camaleão: Não se preocupem, terão sua chance.

Os Campeões sobem no ringue.

ChaZZ: Para vocês é fácil, quando entram no pavilhão já sabem que vão aparecer no show.

Timó: Nós vivemos com a incerteza, não sabemos nem se seremos despedidos amanhã.

Felps: Sabe qual é problema?

Camaleão: Vocês não se esforçam.

Felps: Acham que vindo aqui e atrapalhando o show vão chegar a algum lugar?

Camaleão: Se trabalhassem mais ao invés de ficar reclamando, talvez tivessem mais chances.

Timó: Felps, me esforço, não viu? Lembre-se de nossa luta, mesmo sendo a minha estreia e eu estava muito nervoso, competi com tu na mesma altura.

ChaZZ: Estou aqui a um mês e lutei apenas uma vez, ainda por cima contra um homem que em mesmo tempo lutou 2 vezes e sumiu da Terra.

Camaleão: Estão acostumados com muita facilidade, antes tínhamos que nos esforçar bastante nos Webshows para aparecer por aqui.

Felps: Eu fiquei um mês lutando na ANW e só depois de muitas semana eu fiz minha estreia no Vanguarda, estreia com derrota.

ChaZZ e Timó vão se aproximando do campeões.

ChaZZ: Vocês são iguais a todo mundo, dizem para termos paciência.

Timó: Nossa paciência acabou, queremos uma luta!

Felps: Então se esforcem para conseguir.

Camaleão: Boa noite.

Os Parceiros vão saindo do ringue e andando em direção aos balneários.

ChaZZ: O que foi Felps? Tu és um marica?

Timó: Nós prove que você é um campeão de verdade.

Felps para e olha intensamente para os dois que estavam no ringue, Camaleão diz para ele não ir, que eles estão falando parvoíces. Felps não dá ouvido ao parceiro e corre até o ringue, Camaleão vai atrás e já dentro do “círculo quadrado” segura seu parceiro, este que está vermelho de raiva.

Felps: Você quer uma luta? Eu te dou uma luta, vou provar que não sou marica e que este título que tenho é por esforço e não porque sou um bebe chorão. Timó, já te derrotei uma vez, posso te vencer quantas vezes quiser.

YEEEEEAAAAAAAAAAAAHHH

Timó: Agradeço, senhor campeão.

ChaZZ e Timó dão umas gargalhadas contentes por conseguir o que queriam. Camaleão leva seu parceiro aos balneários falando que ele estava louco.

Beja: Eles pegaram pesado com o Felps.

Luís: Claro que não Beja, os campeões ganharam aquele torneio na sorte.

Beja: Cale-se Luís, os Áses lutaram três vezes e saíram com o ouro.

Luís: Pare de ser tão parvo, ChaZZ e Timó estavam falando a verdade. Foram muito espertos e conseguiram uma luta apenas falando.

Beja: Nisto eu concordo, mas agora temos que fazer uma pausa, até mais com o evento principal, fiquem atentos!
avatar
vlladmin

Número de Mensagens : 511
Data de inscrição : 30/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: VANGUARDA 45# Especial Pré-Câmara dos Horrores (RTP1) - (25/03/14)

Mensagem por vlladmin em Qua 26 Mar 2014, 06:16

A emissão agora mostra o campeão supremo Michel-Bangalter estava no seu balneário particular a acompanhar em sua TV os acontecimentos desse Vanguarda 45, isso porque esse evento está em busca de mostrar seus oponentes na Câmara dos Horrores no PPV que acontecerá no dia 29 de Março e reunirá 5 homens que tentarão roubar seu título. Bangalter estava calmo e estava sozinho com Sebastião Fonseca, os dois analisavam calmamente os adversários do jovem campeão francês.

Bangalter: Parece que Antonio conseguiu mesmo entrar na Câmara, está a fazer um grande trabalho nesse início, ele foi mesmo uma boa aquisição.

Sebastião: Verdade, mas não se pode confiar nele por inteiro, até porque esse envolvimento dele com o Vinícius tem particularidades ainda maiores que os Deluxe.

Bangalter: Concordo, mas esse ódio do Antonio só tem a ajudar ao nosso propósito.

Sebastião: Sim, até porque já estou cansado desse brasileiro, brasileiro que me refiro é o Vinícius.

Bangalter: Eu sei, eu sei... Este zuca sempre a estar a atrapalhar os planos dos Deluxe. Desde que eu entrei nessa federação eu estou a ter problemas com aquele desgraçado, nem mesmo agora que ele não é mais o campeão, esse gajo me deixa em paz...  

Sebastião: Precisamos nos livrar dele de uma vez por todas.

Bangalter: Eu sei, muito provavelmente devo acabar com qualquer chance dele nesse sábado, o que vai ser grande alívio até porque ele não terá mais desculpas para sempre estar em disputas pelo meu título e com o Antonio na caça dele... Talvez ele nunca mais volte atrás do meu título.

Sebastião: Principalmente se Antonio conseguir a vingança tão sonhada.

Bangalter: E vai... Só precisamos alimentar essa fome nele, ainda mais!

Sebastião: Acho que nem precisa, ele tem muita raiva do primo e essa raiva vai servir para acabar com Vinícius e ascender os Deluxe cada vez mais.

Bangalter: Ele disse que Vinícius é algo que eu não precise me preocupar, ele está mesmo confiante que vai dar uma lição no primo.

Sebastião: Bem que essa lição poderia começar hoje... Bem Bangalter, tenho que sair para compromissos, vens comigo ou ficarás aqui...?  

Bangalter: Vou ficar, até estou curioso para ver o adversário do Frederico de Queirós, apesar de não ver nenhum desses lutadores como ameaça, mas quero saber todos meus adversário.

Sebastião: Faz bem...

Sebastião sai de cena e deixa um Bangalter pensativo e atento ao que passa nesse Vanguarda 45 e está ansioso para saber quem se junta a ele, a Antonio Andrade, a Diogo Lourenço, a Vinícius Nunes e a Yuri Petrov. A imagem desvanece.

Luís: Grande forma de voltar a nossa emissão! Bangalter sempre inteligente e sempre calculista, por isso é um grande campeão!

Beja: Ele joga sujo, isso sim...

Luís: São métodos alternativos...

Beja: Agora esse é o novo termo... Grande... Mas esqueçamos isso e vamos pro main-event...

Luís: É dessa que o Kizua retorna para se vingar do Fred...

Beja: É cada disparate que eu tenho de ouvir, enfim...

******



A emissão ficou um tempo mostrando o ringue, ainda vazio, e depois ficou mostrando o público, todos ansiosos para o combate principal, mas principalmente motivados para ver quem é o oponente do retornado Frederico de Queirós. Vários cartazes de Rob Este, Sebastian Rivera, Ricardo Soares e até mesmo de Jorge Gante estavam sendo expostos, eram muitas apostas, mas o foco voltou para Diogo Beja e Luís Barreira.

Luís: Finalmente chegamos ao main-event! Quem será o adversário do Fred?

Beja: Ao longo desta semana temos recebido muitos comentários de fãs da VLL acerca deste adversário misterioso que vai enfrentar o Fred.

Luís: Deve ser alguém com muito valor para receber uma oportunidade de estar no main-event do Ressurreição Suprema!

Beja: Já pensaste em quem pode ser, Luís?



Luís:
Prefiro ser surpreendido.

Raquel Jacob: O próximo combate está marcado para uma derrota e serve de qualificação para o main-event do Ressurreição Suprema! Introduzindo primeiro, vindo de Oeiras e pesando 96kg, Frederico de Queirós!


Beja: O Fred regressou ao ativo com uma nova atitude e promete recuperar o título Supremo. O que achas, Luís?

Luís: Ele tem qualidade para isso, este ‘novo’ Fred impressionou-me com a sua atitude confiante. Se vencer hoje será um forte candidato na Câmara dos Horrores.

Beja: Não nos podemos esquecer que o Fred foi o primeiro campeão Supremo!

Luís: Exacto! Isso por si só já demonstra a qualidade do Fred! Agora imagina a sua qualidade aliada à sua nova atitude vencedora…

Beja: Mas primeiro temos de saber quem é o seu adversário…

As luzes da arena apagam-se e dá-se um momento de silêncio e suspense. Uma luz forte aponta para a entrada da rampa e esperamos breves segundos até surgir Jack Neville com um sorriso na cara. O manager afasta-se para o lado e deixa a passagem livre para o adversário de Frederico.

Luís:
É o Randall! Mas que grande oportunidade para a besta de Gales!

Beja: Espera Luís, não me parece o Randall…

Ouve-se o som de um motor e à entrada na rampa surge um homem de capuz montado numa Harley Davidson. O indivíduo sai da moto, tira o capuz e revela-se: Kevin Gunn!

Raquel Jacob: Introduzindo agora, vindo de Londres, Inglaterra, com um peso de 93kg, Kevin Gunn!

Luís: Eu não acredito! O Gunn está de volta!

Beja: A última vez que o vimos em acção foi no show de aniversário da VLL, na estreia da VLL na RTP1, onde o Gunn fez equipa com o Darren Keane para perderem com os DeLuxe, Eustass Kid e Arsénio Fuínha, pelos Parceiros de Guerra! O Gunn ficou furioso depois disso, não esperava este retorno!

Luís: Nem tu nem ninguém, Beja! Isto é excelente, o Gunn é um grande competidor! Vamos ter um grande combate!

Beja: Sem dúvida, Luís! O Gunn esteve perto de vencer o título Supremo na sua segunda passagem pela VLL e o Frederico é foi o primeiro campeão Supremo! São dois lutadores marcantes da federação, esse é com certeza um grande combate!

Luís: Veremos se é desta que ele consegue. Terá de vencer hoje o Fred e ainda vencer a câmara dos Horrores. Não será uma tarefa fácil mas o Gunn já provou ter imenso valor!



Kevin Gunn corre para o ringue e atira-se para Frederico com um Lou Thesz Press e começa a atacá-lo violentamente com socos. O árbitro Marcos Mendes dá início ao combate com os dois lutadores no chão a trocarem fortes socos! Fred consegue livrar-se de Gunn e rasteja rapidamente para fora do ringue e tenta recupera-se. O britânico está cheio de energia, vai às cordas e lança-se para Frederico com um Suicide Dive! Gunn regressou cheio de energia e está a descarregar em Frederico!

Jack Neville incentiva Gunn a castigar Frederico que se encontra caído. O britânico aproxima-se do primeiro campeão Supremo e começa a dar-lhe socos antes de o atirar para dentro do ringue. Gunn sobe ao ringue e efectua a cover, mas Fred safa-se antes do 2! Gunn levanta Fred e ataca com um European Uppercut, Fred cai, Gunn vai às cordas e ataca com um Knee Drop antes de mais um assentamento, 1…2! Fred escapa novamente no 2.

Gunn não dá tempo para Fred respirar e coloca-o num Cross Armbreaker! O português esperneia e grita com dores mas tenta resistir e chegar às cordas. Do lado de fora do ringue, Jack Neville grita para Fred desistir mas o português não lhe dá ouvidos e alcança mesmo as cordas. Gunn ignora e continua a pressionar o braço de Fred até Marcos Mendes quase chegar ao fim da contagem. Já livre da manobra, Fred passa por baixo da terceira corda e fica no apron a recuperar a sua condição enquanto Kevin Gunn discute com o árbitro. Jack Neville aproveita esta distração e tenta agredir Fred mas o português pontapeia-o! Gunn percebe a situação e corre para Fred mas este baixa-se e puxa a primeira corda fazendo Gunn cair fora do ringue!

Fred desce do ringue e ataca com uma Elbow na nuca de Kevin Gunn! Gunn movimenta-se à volta do ringue à medida que leva com socos e pontapés de Fred que finaliza com um Neckbreaker! Fred agarra em Gunn e atira-o para dentro do ringue, entra também ele em ringue e ataca o britânico com um German Suplex! Assentamento e Gunn safa-se no 2!

Fred começa a levantar Gunn e leva com uma cotovelada na barriga. Gunn aproveita este momento para começar uma sequência de fortes pontapés que termina com um Spin Kick! Assentamento, 1…2… Fred levanta o ombro! Gunn agarra imediatamente no braço de Fred e coloca-o num Arm Lock. Apesar das dores o português consegue se levantar mas sempre com o braço preso. O rosto de Frederico passa uma imagem de dor mas também de luta já que ele consegue livrar-se das mãos de Gunn com a ajuda de alguns pontapés! Lança Gunn às cordas e ataca com um Dropkick! Gunn levanta-se, Fred agarra-o, atira às cordas e ataca com um Flapjack! Assentamento 1…2… Gunn livra-se da derrota!

Os dois lutadores levantam-se e Fred aplica um Fisherman Suplex! Antes que Gunn se levante, Fred aplica-lhe um Arm Bar e incentiva-o a desistir! O londrino tenta chegar às cordas debaixo de aplausos de Jack Neville e vai rastejando até conseguir mesmo alcançar as cordas e livrar-se da manobra. Os dois lutadores levantam-se, Fred golpea uns socos e pontapés, vai às cordas e no regresso leva com um High Knee de Gunn! Fred levanta-se e leva um German Suplex, volta-se a levantar e cai em mais um German Suplex, volta a levantar-se e leva com um último German Suplex, desta vez com uma ponte! 1…2… Fred ainda consegue ter forças para escapar!

Fred encosta-se às cordas e leva com uma clothesline que o atira para fora do ringue! Os lutadores aproveitam este momento para se recuperarem, Gunn no ringue e Fred fora dele. Marcos Mendes começa a contar mas neste momento Gunn descia ao ringue para começar a trocar socos com Fred. 1…2….3…4… Gunn agarra em Fred para um Suplex mas é o português que o levanta para um Suplex que é transformado num Facebuster! Gunn cai de cara em cheio fora do ringue! O árbitr continua a sua contagem 5…6… Fred volta ao ringue…7…8… Gunn começa a levantar-se…9… Gunn consegue entrar no ringue!

Fred atira-se a Gunn e começa a atacá-lo, ergue-o para um Fisherman Suplex! Assentamento, 1…2… e Gunn usa as pernas para se livrar! Fred tenta colocar Gunn no Gogoplata mas o britânico retalia e começa a atingir Fred com socos na cabeça antes de o levantar para um Backbreaker! Assentamento, 1…2… Fred escapa!

Os dois levantam-se e Gunn atinge com uma sucessão de pontapés em Fred para depois aplicar um DDT! Fred rebola até fora do ringue, Gunn vai às cordas ganhar balanço e atira-se para mais um Suicide Dive, só que o português evita e Gunn vai contra a mesa de comentadores! Gunn fica mal e Fred volta para dentro do ringue. Neville vai prestar apoio a Gunn enquanto Fred sorri dentro do ringue. 1…2…3…4…5…6…7… Gunn começa a erguer-se …8…9… com a ajuda de Neville, Gunn entra no ringue! Fred que estava sentado enconstado a um canto não queria acreditar!

Os dois lutadores levantam-se lentamente e encontram-se no centro do ringue para mais uma medição de forças. O duelo está equilibrado e Gunn desfere um pontapé na barriga de Fred, levanta-o e aplica um Running Powerslam! Gunn agarra no seu adversário para um STF! Fred grita e tenta a todo o custo chegar às cordas! Com muito esforço, o português consegue alcançar as cordas e obrigar Gunn a desfazer a manobra.

Gunn levanta Fred e prepara um Piledriver mas o português consegue derrubar o britânico e atingi-lo com um Dropkick quando este se levantava! Gunn cai parto das cordas e Jack Neville sobe ao apron para puxar por ele e incentiva-lo a levantar-se. Gunn começa a erguer-se e Fred corre para ele para aplicar um Bullhammer Elbow! Mas não! Gunn baixa-se e é Jack Neville que leva com a potente cotovelada de Fred! Gunn aproveita este momento e aplica um roll-up! É O FINAL DO COMBATE, GUNN APANHOU FRED NUM ROLL-UP RAPIDÍSSIMO! 1…2…3! NÃO! Fred livra-se mesmo no final! Gunn levanta-se e corre imediatamente para Fred, mas o português encosta-se às cordas e lança Gunn para fora do ringue mesmo em cima de Jack Neville! Fred deita-se no ringue cansado enquanto Gunn e Neville estão caídos fora do ringue.

Os britânicos levantam-se e Gunn prepara-se para entrar no ringue, mas Fred já estava à espera dele. O português vai às cordas e corre para Gunn, mas é o Razorblade que ataca com um Dropkick! Assentamento, 1…2…2,5 Fred escapa! O português foi surpreendido com este golpe de Gunn mas ainda tem forças para continuar!

Os lutadores já cansados levantam-se e trocam uma vez mais alguns socos antes de Fred lançar Gunn para o canto e começar lá alguns ataques na barriga do britânico. Fred afasta-se, ganha balanço e corre para Gunn, só que o Razorblade evade, vai às cordas e ataca com um Running High Knee! Fred cai e Gunn ataca com um Knee Drop! Gunn não fica satisfeito, levanta o seu oponente e aplica um Piledriver! Pode ser o fim! 1…2…3! Ainda não! Fred tinha o pé na corda! Gunn não quer acreditar!

Fred rebola até fora do ringue e Gunn vai atrás dele, agarra-o, atira-o e encosta-o à barreira de segurança para começar a distribuir socos na cabeça de Fred mesmo em frente ao público! Volta a agarrar nele e atira-o para dentro do ringue, sobe também e prepara um Vertical Suplex Powerbomb mas Fred contra-ataca com um Hurricanrana! Os dois lutadores ficam no tapete queixosos e começam a levantar-se aos poucos. De pé, os dois começam a correr um para o outro e colidem no ar ao tentarem os dois um cross body!

Os dois ficam caídos e o árbitro começa a contar 1…2…3…4… Fred rasteja até ao canto..5…6…7… Os dois lutadores começam a levantar-se…8… Gunn está de pé e Fred continua encostado ao canto. O britânico aproveita este momento e corre para Fred, mas o português acerta-lhe com uma Bullhammer Elbow! GUNN CAI E FRED AGARRA-O PARA O GOGOPLATA! Os dois estão mesmo no centro do ringue, pode ser o fim! Fred tenta aplicar o Gogoplata mas Gunn reverte para o ROYAL LOCK! É FRED QUEM FICA PRESO E A GRITAR DE DORES MESMO NO MEIO DO RINGUE! Fred grita e luta mas não resiste perante este Kimura de Gunn! Gunn sai vitorioso deste combate!


Raquel Jacob: O vencedor deste combate é Keeeevin Guuuuuuuuuuuuuuuuuuunn!!!


Beja:
Mas que grande combate! Gunn regressou e venceu!


Luís:
Venceu e agora vai participar na Câmara dos Horreres no main-event do Ressurreição Suprema!

Beja: Qualquer um destes dois podia ter vencido este combate e ser uma ameaça ao título do Bangalter, mas hoje o Gunn foi o melhor. Veremos o que nos trás este seu retorno à VLL.

Luís: Para já trouxe uma vitória e uma chance de conquistar um título que ele tanto perseguiu na VLL! Estou ansioso pelo Ressurreição Suprema!


Beja:
Kevin Gunn, Vinícius Nunes, António Andrade, Yuri Petrov, Diogo Lourenço e claro, Michel-Baptiste Bangalter! São estes os nomes que vão entrar na Câmara dos Horrores pela disputa do título Supremo no Ressurreição Supremo! Não percam!

A imagem termina com Kevin Gunn a conversar com Jack Neville no centro do ringue e a fazer sinal para o público de quevai conquistar os títulos. Passam os créditos e a imagem termina.
avatar
vlladmin

Número de Mensagens : 511
Data de inscrição : 30/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: VANGUARDA 45# Especial Pré-Câmara dos Horrores (RTP1) - (25/03/14)

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum