Poder Popular (PPV7#) - (22/12/13)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Poder Popular (PPV7#) - (22/12/13)

Mensagem por vlladmin em Qui 19 Dez 2013, 06:23



PAVILHÃO MULTIDESPORTOS DE COIMBRA
2.239 LUGARES 
|22 de Dezembro de 2013

COMBATE PRINCIPAL DA NOITE
COMBATE PELA FINAL DO TÍTULO SUPREMO (ESTIPULAÇÃO ESCOLHIDA PELO PÚBLICO)
??? vs ??? vs ???

*****

ANÍBAL FRAGAS VS DANIEL LOBO (ÁRBITRO ESPECIAL ESCOLHIDA PELO PÚBLICO)
CAIM EZEQUIEL VS THE MOORE SD (ESTIPULAÇÃO A ESCOLHA ESCOLHIDA PELO PÚBLICO)
YURI PETROV VS ARSÊNIO FUINHA (NON-TITLE MATCH, ESTIPULAÇÃO A ESCOLHA ESCOLHIDA PELO PÚBLICO)
ANTONIO ANDRADE VS VINÍCIUS NUNES (MEIAS-FINAIS DO TORNEIO)
DARREN KEANE VS KEVIN GUNN (MEIAS-FINAIS DO TORNEIO)
MICHEL-BAPTISTE BANGALTER VS MIKE ORZAN (MEIAS-FINAIS DO TORNEIO)
avatar
vlladmin

Número de Mensagens : 511
Data de inscrição : 30/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Poder Popular (PPV7#) - (22/12/13)

Mensagem por vlladmin em Seg 23 Dez 2013, 08:37

Surgem na imagem os acontecimentos chave da Vanguarda #36 dando destaque aos vencedores dos combates, que avançaram para a fase final do torneio. Aparecem os momentos finais dos combates de cada um dos semi-finalistas que hoje se irão defrontar: Mike Orzan, Michel-Baptiste Bangalter, Darren Keane, Kevin Gunn, António Andrade e o ex-Campeão Supremo, Vinícius Nunes. Depois desta apresentação aparecem pequenos resumos do que levou aos outros três combates da noite: Arsénio Fuínha vs Yuri Petrov, Caim Ezequiel vs Moore SD e ainda Aníbal Fragas vs Daniel Lobo.

A imagem passa então para a rampa de acesso ao ringue, onde está a banda Saiif Adell, prontíssima para tocar o tema deste Evento Especial da VLL. E começam.



A banda faz uma excelente actuação, repleta de energia e perfeita em termos técnicos, deixando o público ansioso pelo início do Poder Popular.

Beja: Boa noite a todos vocês, fãs da Vanguarda da Luta Livre, eu sou o Diogo Beja e tenho aqui ao meu lado, o Luís Barreira, e estamos aqui hoje para em directo de Coimbra para vos transmitir um espectáculo bastante especial...o muito aguardado Poder Popular!

Luís: E temos um cartaz recheado de muitos combates. Combates esses de que ainda nem sequer nós, a equipa de comentadores da VLL, sabemos quais serão as estipulações. Pois bem, não falta muito para sabermos, porque eu já fui informado de que o nosso Presidente e o nosso Supervisor-Geral virão aqui neste início de show para expor os resultados de todas as votações!

*Toca o tema da Vanguarda da Luta Livre*

Santiago Guerreiro e Augusto Lousada caminham lado a lado, cada um com um microfone, rumo ao ringue. O Supervisor-Geral tem também um papel na mão. Os dois são recebidos com apupos mas Augusto Lousada, em particular, é francamente insultado.

Guerreiro (de forma entusiástica): Boa noite, boa noite.

O público não reage.

Guerreiro: Então, uma recepção tão fria agora, depois da forma calorosa como receberam as minhas palavras na passada terça-feira? São um público complicado vocês, mas ainda assim um público que no que toca à noite de hoje teve um papel importantíssimo. Porque sim, podem ter mudado muitas coisas no mundo da VLL, mas as coisas que estão bem feitas não são para ser mudadas. E por esse mesmo motivo decidi manter o conceito deste espectáculo de hoje, que em muito me aguarda. E por hoje não vos irei importunar mais, deixo o resto ao cargo do Supervisor-Geral Augusto Lousada, que tem aqui os resultados das votações.

Lousada chega-se à frente com o papel na mão, pronto para dizer os resultados. O público apupa-o por uns momentos, mas depois pára, querendo saber os resultados.

Lousada: É bom ver um pouco de respeito...Pois bem, cá está o que vocês querem saber. As vossas decisões são as seguintes... No que toca às semi-finais do torneio pelo Título Supremo, o primeiro combate será o que irá opor Mike Orzan a Michel-Baptiste Bangalter. Suponho que aqui quiseram o combate menos...digamos, pessoal, a acontecer primeiro. Depois seguir-se à o combate entre os britânicos, Kevin Gunn e Darren Keane, que têm tido uma rivalidade bem acesa! E por último o confronto familiar entre dois homens que, no passado, muita tinta fizeram correr aqui na VLL, António Andrade contra Vinícius Nunes!

Ouve-se o cochichar entre os elementos do público, que discutem os resultados das votações.

Lousada: No que toca à estipulação dos restantes combates...no frente a frente entre Arsénio Fuínha e o Campeão da Vanguarda, Yuri Petrov, vocês decidiram que se um membro dos DeLuxe interferir no combate, então Arsénio Fuínha não poderá competir pelo Título da Vanguarda enquanto o russo for campeão...francamente, boa escolha. No que toca a Moore SD e Caim Ezequiel, a vossa vontade foi banir Micael e Miguel das proximidade, e o árbitro do combate entre Aníbal Fragas e Daniel Lobo é...nada mais, nada menos do que Gabriel Martins!

O público continua a conversar. O ruído das conversas sobe de tom.

Lousada: E a estipulação do combate final, da ameaça tripla que irá decidir o novo Campeão Supremo...envolve ter o título suspenso por cima do ringue. Sim, isso mesmo, será um combate de Escadote!

YEAAAAAAAAAAAAAAH!!!

O público agora sim, explode, satisfeito com a estipulação do Combate Principal do Evento Especial. Os gritos e os aplausos são bem audíveis.


Guerreiro dá um toque no ombro de Lousada e chega-se ele à frente.

Guerreiro: Muito bem, vejo que ficaram verdadeiramente satisfeitos com a estipulação da Ameaça Tripla. Mas claro que ficaram, afinal foram vocês mesmos e outros fãs que a escolheram, não é assim? E nós só estamos aqui para vos dar o que querem. E por isso, peço desculpa, porque afinal há momentos esqueci-me de vos informar de uma outra coisa...

Guerreiro faz um compasso de espera, para criar suspense.

Guerreiro: O combate entre Darren Keane e Kevin Gunn é um combate entre dois britânicos durões, que estão habituados a verdadeiras lutas de rua. Um combate que, mais do que pessoal como o Sr. Lousada muito bem o disse, tem tudo para ter doses industriais de violência. E creio que é isso que vocês querem ver nesse combate? É isso que esperam dele, não é assim?

O público não responde, mas parece interessado nas palavras de Guerreiro.

Guerreiro: Eu sei que sim. E a verdade é que um simples combate normal entre esses dois homens tem tudo para correr mal, corremos o risco de uma dupla desqualificação e assim da inexistência de um terceiro elemento na nossa grande final, para além disso um combate normal acaba por ser uma limitação enorme na quantidade de espectáculo que podemos ver entre esses dois...e por isso eu declaro que a semi-final entre Darren Keane e Kevin Gunn...passa a partir de agora a ser um combate Street Fight!

O público fica verdadeiramente boquiaberto com a declaração de Santiago Guerreiro. Fica um momento calado e só depois mostra o seu contentamento, para satisfação de Guerreiro e Lousada. Os dois homens saem do ringue e voltam para os bastidores.

***

A imagem passa para os bastidores do pavilhão Multidesportos de Coimbra, ela foca MooreSD acompanhado de uma bela jovem morena de seu nome Melissa. Ambos estavam a andar pelos bastidores. Ao que tudo indica, o “Rock City Agression” está a dar uma visita guiada pelo pavilhão de Coimbra, que recebe hoje o Poder Popular, o último PPV da Vanguarda em 2013, à sua amiga. Enquanto andavam a imagem seguia-os e captava tudo o que diziam, ambos comunicavam em inglês.

Encontravam-se neste momento a passar pela zona dos balneários.

MooreSD: Esta é a zona dos balneários.

Melissa: É aqui onde se mudam e estão antes dos combates?

MooreSD: Sim e não, muita gente gosta de vaguear pelas instalações antes dos combates, de ir tomar qualquer coisa antes. Vamos andando.

Ambos se deslocam para outra secção dos bastidores.

Melissa: E tu, Moore, que é que costumas fazer?

MooreSD: Gosto de vaguear também.

Sem ser notado Caim aparece por trás de Moore e atinge vezes sem conta Moore com seu cajado e a jovem rapariga grita por socorro bem alto. Caim fica a olhar para Moore e fica a falar sozinho enquanto Melissa continua a berrar com medo.

Caim: Fiz que me pediu! Mostre-me o caminho!

Caím parece que está a escutar alguma coisa.

Caim: Mas não posso fazer isso! É crime! Não posso!

O “escolhido de jesus” está aterrorizado sem razão.

Caim: Sim é verdade, você é que sabe… então se você diz…

O israelita pega na mão de Melissa e começa a correr puxando-a e levando-a de arrasto deixando Moore no chão a queixar-se bastante da cabeça.

***

Luís: A vingança de Caim continua!

Beja: Um absurdo! A rapariga não tem nada com a rivalidade de Caim e de Moore!

Luís: Não sei, a única coisa que sei é que agora chegou o grande momento! Primeiro combate das meias-finais, Mike Orzan vs Michel-Baptiste Bangalter, é agora que veremos a passagem do francês para a grande final!

Beja: Não sei, Luís, Orzan foi a grande surpresa do torneio, eliminou um dos favoritos, Henrique Coelho, e depois eliminou um dos homens mais experientes da VLL, Rob Este.

Luís: Meh... Primeiro ele ganhou com ajuda do Verme e depois com a ajuda do Petrov...

Toca a música de Mike Orzan.

YEEEEEAAAHH

Raquel Jacob: Essa luta está programada para uma derrota e é válida pelas meias-finais do torneio do título supremo! Primeiro, Juneau, Alasca, pesando 110 KG, Mike Orzan!

Beja: É isso, Mike Orzan vem disposto a brilhar! Ele que vai lutar mesmo dizendo que não ia lutar por causa das lesões, ou seja, por causa dos fãs, mudou de ideia!

Luís: Coitado, vai perder rapidinho, até me lembro do primeiro combate entre ambos! E agora ele está lesionado, era suposto não aparecer, mas à última hora resolveu voltar... Quantos segundos é que irá aguentar hoje?

Beja: As circunstâncias são outras...Ele pode estar afectado, mas apesar disso, tem uma outra preparação que não tinha na altura do primeiro combate.

Luís: 'Tá bem, 'tá bem. Vai apanhar mais uma sessão de porrada, é o que é.

Toca a música dos DeLuxe.

BOOOOOOOOOOOOOOOOOOO!!!

Raquel Jacob: Acompanhado pelos DeLuxe! Pesando 89 KG, vindo de Bobigny, Seine-Saint-Denis, França, Michel-Baptiste Bangalter!

Luís: Adoro estes gajos! São o futuro da CIA!

Beja
: Mais uma vez juntos, Orzan terá que ter cuidado para não ser trapaceado como foi o Verme.

Luís: Não vi nada na terça!

Beja: Ninguém viu, mas todos sabem o que os Deluxe aprontaram e foi desse modo que Bangalter está aqui.

Luís: Mas quando Vinícius entra com o seu gangue, tu não reclamas!

Beja: Porque a Aliança é para defesa, os Deluxe estão ali para ajudar o Bangalter.

Luís: Como se Bangalter precisasse de ajudar para ganhar a esse rookie... Mas olha é Senshov! Não! Cuidado Michel! Cuidado! O irmão do Orzan!

Beja: Michel não gosta nada disso, olha de cara feia para o árbitro, também pudera, irmão do Orzan.

Senshov sobe ao ringue e examina os lutadores. Ambos estão limpos. Arsénio, Eustass e Delmar ficam atentos no canto de Bangalter.

Combate começa com uma hold no meio do ringue, Orzan vence e Bangalter sai do ringue. Orzan vai na caça de Bangalter, mas o francês volta no ringue e acerta vários pisões em Orzan, até que o árbitro os separa. Orzan tenta novo enfrentamento, mas Bangalter coloca o seu dedo no olho esquerdo de Orzan, Senshov fala com Bangalter, mas o mesmo afirma que não fez nada. Orzan ainda sentindo o olho procura por Bangalter, mas o francês executa um Running Swinging Neckbreaker no americano, vai para a cover, mas Orzan se safa antes do dois. Bangalter continua a castigar Orzan com pisões, espera o mesmo se levantar e é Enziguri do francês em cima de Orzan, agora não tem mais jeito! 1-2, espera! Senshov hesita... Agora vai para a última contagem, mas Orzan já se safa. Bangalter olha para o árbitro sem entender e começam a discutir.

Enquanto Senshov e Bangalter discutem, Delmar derruba Orzan no chão com um Clothesline potente sem que o árbitro veja, e logo depois volta para o seu lugar. Bangalter vê e vai para a cover, 1-2-2,5! Orzan se salva, Bangalter critica a contagem do árbitro mais uma vez. Senshov disse que fez o movimento certo. Bangalter se volta para o combate e acaba levando um belly-to-belly suplex, depois o segundo e o terceiro! Orzan vai para a cover, mas Bangalter sai antes do dois. Bangalter vai de novo em direção do árbitro reclamar que a contagem foi rápida, nisso Eustass ia entrar no ringue, porém o árbitro vê e o manda para o seu lugar! Orzan vai para outra ofensiva e aplica um Bulldog seguido de um Running Enziguri, vai para a cover, 1-2, 2,4! Bangalter se safa e mais uma vez vai para fora do ringue.

Orzan espera um pouco, mas vai atrás de Bangalter, ele vai com tudo em cima do francês, mas o francês é esperto e desvia do ataque de Orzan e o joga contra o poste de sustentação do ringue! Orzan fica em sérios apuros, Bangalter volta para o ringue e espera a contagem do árbitro. Orzan com dificuldades volta, mas leva pisões e murros de Bangalter, Orzan empurra para longe, mas Bangalter volta e aplica um Piledriver! Agora não dá mais, 1-2-2,7! De novo Orzan se safa, os Deluxe reclamam do árbitro mais uma vez, impressionante como Senshov parece estar sob pressão!

Bangalter e Orzan voltam a rodar no ringue, os Deluxe ameaçam entrar, e Senshov tenta contê-los! Nisso Bangalter aproveite a aplica um low-blow! Eustass sinaliza para o árbitro, vai para a contagem... 1.... 2.... Senshov parou, inacreditável! Bangalter vai em cima enquanto Orzan se contorce de dor. Bangalter disse que vai embora caso Senshov continue com essa atitude, os dois não param de discutir por vários momentos. Orzan se recupera e executa um roll-up sobre Bangalter! Orzan vai vencer, 1... 2... 2,7....! Bangalter sobrevive e os Deluxe ficam aliviados.

Orzan e Bangalter começam a se esmurrar no meio do ringue, mas Orzan leva vantagem e é Chokeslam Backbreaker em cima de Bangalter e depois Right powerfull punch and high left kick em cima do francês! Vai para a cover, 1......... 2............ 3......... Não! Bangalter estava com o pé na corda, impressionante! Orzan anda para trás e fica se lamentando, era uma vitória importantíssima para o afro-americano!

Orzan continua a forte pressão com boa seqüência de murros na cara de Petrov e encaixa seu ótimo Right powerfull Punch seguido do High Left Kick, é mais uma vez a cover, é agora, 1..... 2..... 3! Nada disso! De novo? É repeteco? Orzan fica furioso pela história se repetir! De novo o pé na corda salva Bangalter, agora é Chokeslam Backbreaker mais uma vez! Cover! 1.... 2.... 2,8! Safa-se Bangalter! É domínio total de Orzan, agora é um Running Enziguri! Não tem mais jeito! 1...... 2......... 2,7! Orzan está atordoado, é quase um massacre!

Orzan volta ao ataque, mas Bangalter o surpreende com um Puissance (p Black Crush do Kenta Kobashi)! Parece que é agora! 1............ 2................ Senshov hesita, mas 3! Vitória para Michel-Baptiste Bangalter.


Raquel Jacob: E o vosso vencedor e primeiro finalista...MICHEL-BAPTISTE BANGALTER!

Luís: Nem com o Senshov o Orzan venceu o Bangalter! Grande!

Beja: O Delmar bem que o ajudou durante o combate e ainda tivemos aquele golpe baixo, mas, realmente, essa história do Orzan com o Senshov anda estranha.

Luís: O que importa é que sabemos nosso primeiro finalista!

Beja: Sim, sim... Mas Moore SD está com os paramédicos depois de um forte ataque de Caim Ezequiel, será que ele vai poder lutar?

Luís: Não sei, mas é isso mesmo que vamos ver agora!

***

A acção passa-se agora no gabinete médico. Roberto da Luz vai tratando de Moore SD, que está deitado numa marquesa.

Roberto: Mauro, vai por mim, tu hoje ficas quieto, não vais lutar.

Moore levanta-se da marquesa subitamente.

Moore: É o quê, Roberto? É claro que vou lutar. Se fosse em circunstâncias normais até podia seguir o teu conselho, mas o Caim merece uma paga, merece e vai tê-la.

Roberto: Calma, deita-te lá que eu ainda não te desinfectei a ferida, só a limpei.

Moore volta-se a deitar enquanto Roberto tira o betadine do armário e com um pouco de algodão vai desinfectando o golpe que Moore tinha na cabeça.

Roberto: Mas a sério Mauro, pensa no que te digo, tu precisas de descanso depois disto…

Moore: Roberto… não há nada que me digas que me fará mudar de ideias, o Caim levou a Melissa, eu vou levá-la de volta e dar-lhe a surra da vida dele. Estamos entendidos?

Não se ouve uma palavra da boca de Roberto e Moore volta a levantar-se da marquesa, desta vez pegando no casaco que estava nas costas de uma cadeira.

Roberto: Mauro! Eu ainda não acabei…

Moore: Nem vais acabar… eu trato-me sozinho.

Moore dirige-se à porta, abre-a e sai da sala, ficando Roberto da Luz de mãos a abanar. A câmara foca-o até a imagem desvanecer.

***

Beja: Isto tem tudo para correr errado...espero que o louco do Caim não faça nada trágico nesta noite. Alguém tem que o apanhar.
Luís: É a palavra de Deus, Beja...a palavra de Deus.

Beja: O tanas que é, Luís. E não brinques com isto, esta situação não tem piada nenhuma, aquela mulher não tem nada a ver com isto.

Luís: Tens razão, e por esse mesmo motivo nem cá devia ter estado hoje. O erro foi do Moore.

Beja: És tão louco quanto o Caim...

***

A imagem passa para os corredores do backstage da VLL onde vemos Gabriel Martins, usando roupa casual, a caminhar. O lutador vai andando com as mãos nos bolsos aparentemente descontraído até que o entrevistador Zé Maravilha surge a caminhar a seu lado, de microfone.

Zé Maravilha: Boa noite, Gabriel. Podes-me dar algumas palavras em relação ao combate que irá opor Daniel Lobo e Aníbal Fragas mais logo e do qual tu serás o árbitro?

Gabriel Martins continua o seu caminho, ignorando Zé Maravilha, que o persegue.

Zé Maravilha: Só umas palavrinhas, Gabriel. Há rumores de que tu e o nosso Supervisor-Geral têm uma relação algo próxima, tens alguma coisa a dizer sobre isso? Irás beneficiar Aníbal Fragas?

Do outro lado de Gabriel Martins aparece agora Augusto Lousada, que coloca a sua mão em cima do ombro de Martins.

Lousada: Zé, se não te importas vou to roubar...

Lousada e Gabriel Martins começam a caminhar mais rápido, enquanto Zé Maravilha pára, ficando com o olhar fixo na câmara.

Zé Maravilha: Bem, há imagens que falem muito mais do que palavras.

Ao longo vê-se Gabriel Martins e Augusto Lousada a entrarem por uma porta nos corredores.

***

Momento Off Cam

Martins e Lousada estão na sala técnica, um lugar preenchido por pouco mais a não ser visores, botões e manípulos.

Gabriel Martins: Porque é que me trouxeste aqui?

Lousada: Primeiro porque me assegurei que aqui as câmaras estão desligadas. Segundo porque te queria mostrar uma coisa.

Lousada dá uns passos em frente e carrega nuns botões. Aparecem dois gráficos de barras num dos ecrãs.

Lousada: Chega-te aqui e vê isto.

Martins aproxima-se e olha para o ecrã.

Martins: Mas isto é...

Lousada: O da esquerda é a votação verdadeira. O da direita é a “minha” votação.

Martins: E porque é que tu me puseste no combate? O que é que queres?

Lousada: O que eu quero é óbvio, Gabriel. Quero que dês uma mãozinha ao Fragas.

Martins: Porquê eu e não o Reid ou o Eduardo Santos?

Lousada: O Reid...digamos que ele é inconstante. O Eduardo é mole, tu és diferente. Tens garra e és inteligente, pareces-me a pessoa certa para a tarefa.

Martins: E o que é que eu tenho a ganhar com isto? Diz-me.

Lousada: Gabriel...Gabriel...o teu mal é quereres ganhar sempre alguma coisa e desejares ter resultados imediatos. Mas, se queres que te diga, tens bastante a ganhar com isto. Primeiro de tudo, visibilidade, que aparentemente nem depois daquele excelente combate com o Vinícius na terça-feira conseguiste ganhar plenamente. Toda esta história com o Fragas e o Lobo está a chamar a atenção do público, a subir audiências, e tu serás notado simplesmente por estares envolvido num combate que os põe frente a frente. Depois se fizeres a coisa bem feita ganhas duas coisas: uma oportunidade de te redimires da porcaria que fizeste depois do último Vanguarda nos corredores e, consequentemente, a minha confiança em ti atingiria um novo pico, tal como a minha vontade de apostar em ti.

Gabriel olha para Lousada de forma desconfiada.

Martins: Por outras palavras, estás-te a aproveitar da asneira que fiz para que eu entre nos teus jogos.

Lousada: Estás a distorcer o que eu disse, Gabriel. Mas se é dessa perspectiva que queres ver a coisa, então encara antes como uma situação em que uma mão lava à outra. Eu ajudei-te e agora é a tua vez de me ajudares. Se queres que te diga, Gabriel, acho que para além de injusto até estás a ser algo ingrato para comigo. Poucos homens pegariam em alguém como tu para pôr numa modalidade como esta...e ainda para mais estou-te a oferecer todas as condições e mais algumas.

Martins suspira.

Martins: Eu farei o que tu queres, não te preocupes.

***

Estamos de volta ao ringue. A arena fica escura. De repente aparece a banda sueca de Hard Rock, Crashdïet, com o vocalista da mesma a cantar a música "Rebel" acompanhado pela banda que obtêm uma boa reacção da plateia do Pay-Per-View Poder Popular. De súbito surge Kevin Gunn na sua Harley cerrando e erguendo o punho no ar. O vocalista da banda faz de imediato sinal de respeito para com Kevin Gunn e grita um incentivo ao mesmo pelo microfone.

Kevin Gunn então vai na sua mota a descer a rampa.

Raquel Jacob: Este combate é um Street Fight, não haverão desqualificações ou count-outs. A única maneira de vencer será por pinfall ou submissão. A caminho do ringue, vindo de Londres, Reino Unido e pesando 93 quilos... Ele é o "Son of Violence" Kevin Gunn!

Beja: Eis Kevin Gunn que faz o seu regresso sem máscara na V...

De súbito surge Darren Keane a atacar Kevin Gunn pelas costas com uma Cadeirada fazendo-o cair da Harley. A música é interrompida e a banda de Rock abandona de imediato o palco. Darren Keane sorri a gritar "Acabou o Concerto!" e acerta outra cadeira em Gunn atirando-o pelo chão na rampa. Keane coloca então Gunn no ringue e o árbitro após ser coagido pelo Irlandês dá início ao combate! Darren Keane tenta de imediato o cover.. 1...2.. Gunn safa-se. Darren Keane começa então a esmurrar Kevin Gunn nas costas sem intenções de parar. Vemos o Irlandês a ir debaixo do ringue a atirar algumas armas para o ringue, desde um caixote do lixo a um sinal de stop. Darren Keane sorri para o público sendo bastante apupado e voltando para o ringue.

Keane pega no sinal de stop, espera por Gunn se levantar e acerta nele com violência na cabeça do mesmo, servindo-se do sinal de stop. Vemos Keane a pegar no caixote do lixo e a prendê-lo num dos quatro turnbuckles. Darren Keane agarra em Kevin Gunn e tenta um Irish Whip para o turnbuckle onde está o caixote... Reverse! Irish Whip de Kevin Gunn contra o caixote. Darren Keane fica algo atordoado mas no turnbuckle e o Son of Violence cerra os dentes furioso e agarra Keane pelo cabelo, pega-o numa posição de Powerslam mas... Tree of Woe no turnbuckle com o caixote do lixo! Keane parece estar em apuros... Combinação de Kicks de Kevin Gunn... O públic conta! 1! 2! 3! 4! 5! 6! 7! 8! 9!... 10! Darren Keane está algo "apagado" depois destes pontapés. Gunn  ao turnbuckle oposto... Running Front Dropkick em Keane contra o caixote do lixo!

Keane grita de dor, Gunn faz sinal que não quer o cover... Vemos o mesmo a ir buscar uma mesa e a montâ-la no centro do ringue. German Suplex na mesa!!! Keane em muitas dificuldades contra Gunn. Gunn agarra Keane pelo cabelo, puxando-o enquanto o pisa com a sua bota na cabeça! Vemos o inglês a atirá-lo então para fora do ringue. Gunn começa a tirar os monitores e a protecção da mesa de comentadores e Keane de súbito com um Low Blow!! Gunn cai no chão e Keane rasteja em dificuldades para se levantar com o apoio da barreira do público. Vemos Keane então após algumas dificuldades a pegar numa campainha, Gunn levanta-se... Keane acerta com a campainha na cabeça de Gunn!!! Cover! 1...2........ Safa-se no último segundo Gunn! Keane então leva Gunn para a mesa de comentadores... os dois estão lá em cima... Keane vai tentar uma Powerbomb na mesa de comentadores... Gunn é levantado... O mesmo começa a socar Keane na cabeça a tentar defender-se quase pela sua vida... Keane fraqueja... Gunn é largado... Gunn de súbito ergue Keane... Piledriver na mesa!!!!! A plateia está ao rubro e começa a cantar alguns impropérios devido ao que aconteceu!

Ambos os lutadores ficam caídos e os árbitros tentam checkar ambos... Faz-se um compasso de espera e Gunn começa a rastejar para o ringue... Gunn consegue... Keane levanta-se com imensas dificuldades... Gunn vai às cordas.... Suicide Dive de Kevin Gunn!!! Sensacional combate no Poder Popular! Ambos os lutadores estão exaustos... Passado bastante tempo ambos vão-se levantando a trocar murros, Keane arranha os olhos de Gunn e foge para o ringue... Kevin Gunn entra lá... Keane de súbito saca uma soqueira! Ele tenta acertar em Kevin Gunn, o mesmo desvia-se... E faz um arm bar a Darren Keane imobilizando a soqueira do mesmo!! Darren Keane grita de dor mas consegue fugir para fora do ringue livrando-se da submissão... Kevin Gunn vai atrás... 

Darren Keane tira um taco de baseball com arame farpado e um saco pequeno. O mesmo sorri e vai para dentro do ringue provocando Kevin Gunn para entrar lá. Kevin Gunn tenta entrar mas Keane ameaça com o taco de baseball. Gunn então vai para debaixo do ringue e aparece do outro lado conseguindo entrar no ringue surpreendendo Keane! Ambos olham um para o outro bastante desgastados, Keane tenta acertar em Kevin Gunn com o taco de arame farpado, Kevin Gunn desvia-se... Drop Toe Hold! Keane larga o taco de baseball com arame farpado! Gunn pega no taco e faz um olhar a sorrir para Keane que está no chão e olha em pânico ao perceber o que poderá acontecer... Kevin Gunn começa a atacar o mesmo com o taco de baseball com arame farpado punindo-o bastante nas costas. O inglês então não satisfeito começa a arranhar Keane na testa com o taco, sangrando imenso!! Keane fica a contorcer-se de dores no chão e vemos Kevin Gunn a abrir o saco de Keane... São píoneses! Gunn espalha-os no chão...

Isto vai ficar feio para Keane. Vemos Gunn a gritar com Keane e a dar-lhe palmadas na cabeça... "I am the one and only Son of Violence you mother fucker!" Oh meu deus... Kevin Gunn ergue Keane, com o taco de baseball com arame farpado... Side Russian Leg Sweep servindo-se do taco! Keane está completamente KO! Kevin Gunn faz sinal a plateia que o combate vai terminar... O mesmo levanta Keane... Oh meu deus... Gunn faz sinal para o Gunnplex... GUNNPLEX! Keane caí nos pioneses! Gunn faz a bridge para a cover... 1..2...3!!!


Raquel Jacob: O vencedor deste combate... o "Son of Violence"... Kevin Gunn!!

Luís: Que sessão de pancadaria gratuita. Tiro o chapéu aos dois lutadores. Grande, grande combate!

Beja: Estou completamente sem palavras... Mas de qualquer forma, Kevin Gunn avança para a final do título Supremo. O problema é... O quão desgastado está Kevin Gunn depois de uma guerra destas no ringue para ter um combate pelo título?

Luís: Veremos. Poderá ser uma grande desvantagem para o Inglês.

Vemos Kevin Gunn bastante combalido no ringue a tirar a soqueira a Darren Keane e a subir com ela ao turnbuckle erguendo-a no ar e a festejar a sua vitória à medida que a imagem desvanece.

***


avatar
vlladmin

Número de Mensagens : 511
Data de inscrição : 30/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Poder Popular (PPV7#) - (22/12/13)

Mensagem por vlladmin em Seg 23 Dez 2013, 08:41

Regressamos do intervalo com a imagem focada na mesa dos comentadores.

Luís: E estamos de volta do intervalo. E ainda falando do que aconteceu há pouco...excelente vitória para Kevin Gunn.

Beja: Kevin Gunn voltou para mostrar que merece oportunidades e ele está fazer para tê-las!

Luís: Agora vamos ver o que acontece no caso Caim Ezequiel, parece que ele tem um recado para Moore e para todos nós!

Beja: Espero bem que esse tresloucado não tenha feito nada à miúda...

***

A câmera foca Caim Ezequiel que está com Melissa, amiga de Moore, Melissa está sentada e amarrada em uma cadeira e sua boca está amordaçada. Caim fica atrás dela e olha para a câmera de maneira estranha.

Caim: Moore! Moore! Moore! Tu não sabes o que dizes meu caro, tu não sabes de nada! As voz sabe! Sim, eu sei! Vou fazer isso!

Caim passa a mão no rosto de Melissa.

Caim: Esse bonito rosto, esse rosto pagão! Pagão é você Moore! Você é pagão! A voz me diz que eu vencerei você, vencerei e limparei todos os seus pecados, você pagará por tudo o que fez! Você pagará pela ADW, você pagará Moore! Eu juro! Eu juro!

Caim Ezequiel olha mais uma vez passa perto de Melissa, a moça se assusta e treme de medo, mas Caim sorri de maneira extremamente doentia, eu olhar é perdido, parecia um lunático por completo.

Caim: Moore, soube que você ficou mal pela justiça divina! Deus me usou para lhe castigar e eu fiz com todo o gosto, pois sabia que suas maldades deveriam ser combatidas, precisava lhe mostrar que agir da maneira que você age não compensa! Moore! Moore! As vozes pedem a sua destruição, as vozes pedem a sua destruição! Sim, eu vou destruí-lo! Vou derrota-lo dessa vez! Eu juro! Eu juro! Pare de caçoar de mim, pare! Você sabe que eu vou ganhar dele.

Caim gira pela cadeira, onde Melissa está sentada e amarrada, feito louco.

Caim: Eu juro! Eu juro! Parem com isso! Eu juro! Eu sei que vou e você vai ver! Vocês todos vão ver, é eu aposto! Aposto! Não! Não aposto! Apostar é pecado e Moore que é o pecador!

Melissa olhava para Caim horrorizada.

Caim: Deus! Me ajude! Voz! Me ajude! Moore, eu vou lhe destruir hoje, estás debilitado e isso foi apenas o início do castigo divino! Eu me castiguei por causa de ti, e agora você sofrerá a ira de Deus!

Caim mostra marcas de auto-punição nos braços e pernas.

Caim: Viu Moore, e garanto que você vai ficar pior! Muito pior!

A imagem desvanece.

Beja: Perturbador! Pobre Melissa!

Luís: Pobre Moore também, Caim está em ótima forma, ele quer mesmo vencer, gosto disso!

Beja: Aquilo foi acima do desporto Luís, tu és parvo mesmo, tenho pena daquela pobre jovem! Mas parece que tem mais coisa a acontecer fora do ringue!

Luís: Vamos mostrar os DeLuxe SAD! Devem estar a comemorar a grande vitória de Bangalter.

Beja: Deve ser...

***

Os DeLuxe estão no balneário de Michel-Baptiste Bangalter, o clima de euforia era muito grande, finalmente Bangalter estava na final do torneio e muito perto de ser o campeão supremo e realizar as ambições dos DeLuxe.

MBB: Finalmente meus caros, a hora de Michel-Baptiste Bangalter como campeão acontecerá!

Sebastião: Verdade, finalmente Bangalter e os Deluxe alcançarão o grande objetivo!

Eustass: Só falta o Lucas aqui... Mas não importa, Bangalter será o novo campeão supremo, eu e Delmar somos os Parceiros de Guerra, somos o grupo mais dominante da história da Vanguarda de Luta Livre! Qual Verno, qual quê?

Todos riram da piada de Eustass.

Sebastião: Essa final...além de estarmos todos do lado de Bangalter, o Gunn vai altamente combalido após essa street fight brutal com o Darren Keane! E Vinícius e Andrade darão tudo por tudo no combate deles!

MBB: Verdade, mas aquele Senshov meteu-me impressão, não gostei da atitude dele...Quem é que aquele plebeu russo pensa que é para me tentar tramar?

Eustass: Não viste? Ele é o irmão do Orzan, por isso é que o ajudava.

MBB: Miseráveis! Quer dizer que queriam aprontar pra mim? Como podem? Lousada queria mesmo me ferrar ao me botar contra aquele idiota!

Sebastião: O Eustass está certo, o Senshov é o Ricardo, está bem diferente como árbitro, mas sim, era o irmão do Orzan que tava no vídeo dele em que dizia que estava com medo de ti.

MBB: Só sei que quando eu for campeão, vou exigir que ponham esse infeliz na rua...

Delmar: Ouvi dizer que foi o último combate que ele arbitrou.

Todos olharam surpresos, era muito raro Delmar falar.

MBB: Verdade? Tanto melhor... Bem amigos, vou me preparar para a final! Vejo a todos depois que vencer o título!

Todos riram e cumprimentaram Bangalter e o chamavam de campeão supremo.

MBB: Ah, esqueci, tu vais combater Arsénio! Boa sorte para ti contra o Yuri, depois de o venceres, terás a oportunidade pelo título! E com Michel-Baptiste Bangalter como campeão supremo, Eustass Kid e Delmar Bento como Parceiros de Guerra e tu como campeão da Vanguarda...Bem, seremos mesmo, como disse o Eustass, o melhor grupo de sempre da VLL!

Arsénio: Obrigado campeão! Não te preocupes, do russo cuidarei eu bem, irei vencê-lo de maneira definitiva e duas vezes!

MBB: Então, estão dispensados, deixe-me mentalizar a minha vitória! Adeuzinho! Ah, e não precisam entrar no ringue antes do meu combate, só entrem depois, não preciso de ajudar para vencer esses dois fracassados!

Eustass: Achas mesmo? Não sei... A final deve ser disputada...

MBB (rindo de maneira arrogante): Mas nenhum deles está à minha altura... Ouviram? Eu ganho sozinho!

Todos assentiram, sem muita convicção, mas saíram e deixaram Bangalter a gabar-se de como ele será o campeão supremo.

A imagem sai de Bangalter e volta aos comentadores.

Luís: Esse Bangalter tem estilo!

Beja: Acho que ele não devia contar vitória tão cedo!

Luís: Pois eu acho, nem mesmo com o irmão de Orzan a arbitrar, o cara venceu Bangalter, Bangalter é uma máquina!

Beja: Menos Luís, menos...

***

Beja: Esses Deluxe...

Luís: O que foi?

Beja: Nada, nada... Mas parece que finalmente teremos a última meia-final! Agora, mais uma vez teremos o confronto dos primos! Será dessa a definitiva?

Luís: Claro que sim! Andrade vai mostrar que é o melhor!

Beja: Não tenho tanta certeza, da última vez que eles se enfrentaram o Vinícius venceu de maneira definitiva!

Luís: Aquilo foi uma palhaçada, concurso de cabo de guerra? Jesus!

Raquel Jacob: Essa luta é de uma derrota e é pela última meia-final do torneio do título supremo! Primeiro, vindo de Salvador-Bahia, Brasil, pesando 140 quilos, Vinícius Nunes!

Toca a música ‘Até Quando’ faixa de Vinícius Nunes.

YEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEAAAAAAAAAAAHHHHHHH

Beja: Parece que vem determinado o Vinícius.

Luís: Mas vai perder na mesma, não temos mais cabo de guerra, agora é wrestling de verdade!

Beja: Vinícius que vem de uma série de resultados incrível, já são quatro meses sem derrota e vem em uma sequência de cinco vitórias e um empate!

Luís: Empate que foi mais derrota pela sova que tomou de Aníbal Fragas!

Raquel Jacob: E seu oponente, vindo do Rio de Janeiro Brasil, pesando 128 quilos, António Andrade!

YEEEEEEEEEEEEEEEAAAAH/BOOOOOOOOO

Beja: Reação mista para Andrade, mais uma vez!

Luís: É que Andrade é uma pessoa normal, tem os que gostam dele e os que não gostam, não é como outros que querem ser visto bem por todos.

Beja: Tem certa verdade no que diz, mas o povo gosta do Vinícius pela sua autenticidade, porém ele tem seus haters também...

Luís: É impressionante, até quando eu falo do Andrade tu tens que meter o Vinícius no meio, é muito amor!

Beja: Cala-te, sei muito bem o que querias insinuar!

A oficial desse combate é Adelaide Amaral.
Vinícius e Andrade se encostam depois de se rondarem, Vinícius aplica uma gravata em Andrade, mas o carioca joga o baiano nas cordas, porém o brasileiro usa o ombro para derrubar Andrade. Andrade se levanta, mas acaba por sofrer um Spinebuster poderoso de Vinícius! Vinícius manda Andrade se levantar e o mesmo sorri, os dois vão para outro enfrentamento de força, Andrade pega impulso nas cordas, mas Vinícius pula e desvia, depois Andrade tenta novamente e Vinícius usa o ombro novamente para derrubar Andrade.

Andrade e Vinícius mais uma vez ficam rodando no ringue, vão para o jogo de força e Vinícius joga Andrade no chão! Andrade se irrita e sai do ringue, mas volta logo a seguir, ele finta um chute e consegue um ótimo European Uppercut! Depois outro e mais um. Vinícius vai para o chão, António vai para a cover, 1...... 2..... Nada feito! Vinícius sai muito bem. Andrade vai para outra estratégia, pega Vinícius pelo pescoço e desfere vários Knee Lifts e depois um Sholderbreaker seguido de um forte Cult Of Hell (Firesman’s carry sit ou powerslam)! Agora não tem mais jeito, António vai avançar para a final! 1-2, 2,5! Vinícius se agüenta bem.

António derruba Vinícius um takedown, pega Vinícius pelo braço é Grief Of Stereotype (Armbar). Vinícius está longe das cordas, ele tenta se arrastar, mas António aperta bastante a posição, parece que Vinícius vai desistir pela primeira vez. Agora é dessa, Vinícius levanta a mão! Não! Inacreditável! Ele levanta António e joga ele no chão do ringue e se livra da pressão no braço! Bela manobra do ex-campeão supremo.

Andrade olha de maneira assustada para Vinícius e depois sorri. Vinícius e António mais uma vez se estudam, porém Vinícius foi muito rápido e aplicou uma seqüência incrível! Dois Gutwrench Suplexes, um forte Back to Belly Piledriver e por fim Bahia Slam (Spinning side slam)! Essa cover é a definitiva, 1….. 2….. 2,7! António escapa por muito pouco!  

O público se agita, esses dois sempre proporcionam grandes combates, António consegue dois bons Vertical Suplexes, agora um Powerslam destruidor! Vai para a cover, Vinícius escapa antes dois, Andrade vai novamente para a cover e Vinícius novamente se safa antes do dois. António fica revoltado, mas Vinícius se levanta e tenta o Roll Up, António se safa e dá um roll-up em cima de Vinícius que se salva, o público vai ao delírio, os dois se mostram dispostos a ganhar.

Vinícius consegue a sua seqüência brutal, três Germans suplexes seguidos, National Slam (Sidwalk Slam) e um brutal Chokeslam. Agora Vinícius aguarda António se levantar, todo mundo sabe o que está vindo, é o Falling Powerbomb de Vinícius, o Braziliam Bomb. António se levanta, é pontapé na barriga do brasileiro, e vai para o Braziliam Bomb, mas António sai e aplica um Chokeslam em Vinícius, momento crítico para o baiano! António não espera Vinícius se levantar completamente e aplica o IntelectualDriver (Piledriver)! È a grande manobra de António! Acerta em cheio! Vinícius desaba no meio do ringue! Cover! 1..... 2..... 3! António vence!

Não! Não! Vinícius colocou o pé na corda e se safou um milésimo de segundo antes! Incrível! António não acredita, vai questionar Adelaide, nisso Vinícius se recupera! Roll Up! Cover! 1..... 2..... 3! Vinícius Nunes avança para a final!


Raquel Jacob: O vencedor e último finalista do torneio do título supremo! Vinícius Nunes!

Beja: Que combate! Esses dois juntos sempre dão show!

Luís: Muita intensidade entre os dois, mas aquela contagem foi errada, António deveria ter vencido!

Beja: Não foi, Vinícius colocou o pé na corda no último segundo! Depois conseguiu um Roll-Up provicendial!

Luís: Olha só? António estende a mão para Vinícius!

António estende a mão para Vinícius, Vinícius fica meio sem entender, mas apertou a mão do seu primo. Depois disso António levantou a mão de Vinícius e os dois foram aplaudidos, António saiu do ringue, desolado, enquanto Vinícius festejava com o público.

Beja: António mostrou desportivismo, mas não gostou nada de perder! É só olhar para a cara dele!

Luís: Ninguém gosta de perder e acho que ele foi injustiçado!

Beja: Ao que parece vamos agora para um novo intervalo. Até já pessoal.

***

avatar
vlladmin

Número de Mensagens : 511
Data de inscrição : 30/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Poder Popular (PPV7#) - (22/12/13)

Mensagem por vlladmin em Seg 23 Dez 2013, 08:45

A imagem retoma directamente nos bastidores, onde foca Vinícius, com cara de poucos amigos, no balneário a desenrolar umas fitas à volta da mão depois do seu combate e com o público a ter uma boa reação ao ex-campeão supremo que acabara de ganhar a António Andrade, passado alguns segundos quando ele acaba de desenrolar as fitas, lá se levanta e aparece Yuri Petrov com o título da Vanguarda no seu ombro.

Yuri: Boa vitória perante o António, é mesmo assim campeão.

Vinícius: Obrigado Yuri, foi uma batalha bastante difícil.

Yuri: Deve ter custado um bocado apertar-lhe a mão no fim, não?

Vinícius: É sempre assim, discutimos e detestamo-nos e no fim somos outra vez bons amigos, acho que já é de família.

Yuri: Parabéns e já que é certo que vais estar na final, se quiseres eu posso ir para o teu canto apoiar-te e ajudar se alguém aparecer para te lixar.

Vinícius: Obrigado Yuri, mas não é preciso, você tem é de tomar cuidado com o Fuínha, você tem de se focar nele, viu?

Yuri: Se tu o dizes.

Vinícius: Digo mesmo, ele é perigoso, eu já o enfrentei e sei que terás que ter total olho nele, ouça o que eu digo!

Yuri: Tudo bem, espero mesmo que sejas o novo campeão supremo.

Vinícius: Também espero, mas não será fácil, o Gunn é um dos lutadores mais duros que já passaram na Vanguarda, o Bangalter é um bom lutador e ainda por cima tem os Deluxe SAD do lado dele, bem, isso vai ser mesmo muito difícil, mas trabalharei para vencer, como sei que você vai trabalhar e vai vencer Arsénio Fuínha!

Yuri: Podes apostar! Podes apostar!

Entretanto a pessoa encarregada de chamar os lutadores para lutar chama pelo Yuri que irá lutar a seguir.

Yuri: Bem, fica bem Vinícius.

Vinícius: Boa sorte e ganhe essa batalha Yuri, estou torcendo para dares cabo desse canalha.

Yuri dá uma palmada amigável no ombro direito e de Vinícius, despede-se do brasileiro com um aperto de mão e dirige-se à saída do balneário.

***

Luís: Moore parece que está mesmo desesperado!

Beja: Não é para menos, sua amiga foi sequestrada pelo maluco do Caim Ezequiel!

Luís: Então, ele que ganhe o seu combate e recupere a sua mulher... Mas vamos voltar à ação no ringue, quem está faminto por oportunidades é Arsénio Fuínha, ele quer ganhar de Petrov de qualquer jeito assim como fez Antonio Andrade.

Beja: Não será igual, pois Arsénio não contará com a ajuda dos Deluxe, Petrov não terá essa preocupação! Tudo isso graças a grande estipulação trazida no Poder Popular, se os Deluxe interferirem, jamais Arsénio terá oportunidade pelo título da Vanguarda enquanto Petrov for campeão.

Luís: Péssima estipulação, preferiria muito mais que fosse pelo título, eu mesmo votei nessa opção.

Beja: Uma pena...

Toca a música de Arsénio Fuínha.

BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUHHHH

Raquel Jacob: Essa luta é de uma derrota, primeiro, pesando 91 KG, vindo de Alfama Lisboa, Arsénio Fuínha!

Luís: Adoro esse homem, esse que deveria ser o novo campeão da Vanguarda, não o amigo do Vinícius!

Beja: Como se o Petrov não merecesse o título que tem.

Raquel Jacob: O seu adversário, pesando 135 quilos, vindo de São Petersburgo, Rússia, o campeão da Vanguarda, Yuri Petrov!

Toca a faixa de Yuri Petrov

YEAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHH

Beja: Petrov vem com cara de poucos amigos!

Luís: Deve ser medo!

Beja: Medo? Petrov sempre se mostrou corajoso e determinado!

Luís: Sei não, o coitado fugiu tanto do Arsénio e do Andrade e enfrenta os dois de seguida? Já perdeu do Andrade, agora deve perder de Arsénio e esse reinado será bem curto...

O oficial desse combate é Jorge Mesquita.
A ação começa com Petrov irado, derrubando Arsénio no chão com um forte takedown. Yuri golpeia Arsénio com muita volúpia, percebe-se bem a ira de Yuri contra o seu oponente. Yuri continua a desferir socos poderosos em Arsénio que só faz se proteger, isso acaba apenas porque o árbitro os separa com dificuldade. Arsénio aproveita a distração de Petrov e meteu uma chapada na cara do russo. Petrov se irrita ainda mais e vai como um trem desgovernado para cima de Arsénio, esse desvia facilmente e aplica um Suplex em Petrov! 1-, mas Petrov saiu muito fácil, o russo está irado e Arsénio sai do ringue para respirar e conter a ira do russo.

Yuri vai atrás de Arsénio, mas Arsénio é esperto e volta no ringe, o russo vai atrás e Arsénio aplica um Big Boot potente seguido de um Legdrop! Cover, 1.... 2.... 2,2....  Petrov continua na luta. Arsénio não perde tempo e aplica um Spinning Side Slam em Petrov, vai para a cover, mas dessa vez Yuri sai antes do dois. Petrov, ainda irado, mais uma vez vai com tudo para cima de Arsénio e aplica um fortíssimo Irish Whip, ele chama de Russian Whip, isso tira Arsénio do ringue. Yuri vai para a caça, derruba Arsénio com as costas do chão depois e um forte takedown e já aplica o Russian Bear Hug, e depois joga Arsénio no chão e o arrasta de volta para o ringue!

Yuri não vai para a cover, ele quer bater mais em Arsénio, a raiva é muito grande do russo perante o vigarista! Yuri espera Arsénio levantar e aplica um fortíssimo DDT no membro dos Deluxe, vai para a cover, 1-2-2,6! Nada feito, Fuínha sobrevive de maneira fantástica! Petrov não desiste e aplica um potente Enziguri! Agora não tem mais jeito! 1.......... 2................ 2,5! Fuínha se mostra extremamente resistente!

Petrov e Fuínha começam a distribuir murros na cara um do outro, porém Petrov é mais forte e coloca Fuínha no canto com seus vários murros, e depois aplica diversos taekwondo kicks! Fuínha vai para o chão, nova cover para Petrov, mas Fuínha sai pouco antes do três! Que batalha, Petrov pega Fuínha para executar a sua Bigorna (Jumping Piledriver)! Agora não tem mais jeito, mas Fuínha escapa no meio da execução, roll-up rápido do portugês, 1...... 2..... 2,4! Petrov se esquiva antes!  

Fuínha tenta sair do ringue, mas Petrov não deixa e aplica um Clothesline potente! Agora não tem mais jeito, 1-2, nada feito! Petrov e Fuínha estão em uma guerra, mas é outro roll-up de Fuínha, mas Petrov se safa antes dos dois! Os dois já mostram sinais de cansaço por causa dessa luta extremamente intensa e bem movimentada.

Fuínha ronda Petrov, provoca o russo, esse vai para cima de qualquer forma, o Verdadeiro Professor aplica mais um Roll-Up, mas nada feito, Petrov reverte em um Crossface! Crossface para o russo, Fuínha está perto das cordas, mas a pressão é muito grande, tem grande potência física o russo, agora Petrov aplica a manobra com toda a força e disposição que lhe resta, Fuínha levanta a sua mão, parece que vai desistir! Não! Fuínha se arrasta até a corda e a segura! O árbitro faz a contagem e separa os dois lutadores.

Petrov vai pra cima de Fuínha, mas leva um Spinebuster! Spinebuster potente de Fuínha! Agora High Impact Elbow Smash (Sumário)! Atinge Petrov em cheio! É agora não tem mais jeito, 1..... 2..... (Petrov bota o pé na corda)..... 3! Vitória para Arsénio Fuínha!


Raquel Jacob: O vencedor do combate, Arsénio Fuínha!

Luís: Isso! Isso! Sabia que ele venceria!

Beja: Erro grave de Jorge Mesquita, Petrov colocou o pé na corda antes do fim da contagem!

Luís: É pá! O Petrov está a chorar com o árbitro! Que coisa feia!

Beja: Qualquer um reclamaria se fosse prejudicado dessa forma.

Luís: Parece que tem algo a acontecer na sala do nosso grande Sr.Lousada!

Beja: Quem será que o procura? Vamos ver!

***

A imagem passa para o gabinete do supervisor-geral da VLL, Augusto Lousada. Ele estava sentado na sua cadeira a olhar para um poster, que está pendurado na parede está atrás de si. Lousada fazia um gesto com as mãos dando sinal que estava a pensar, a porta estava fechada e estava interdita a toda a gente com Eduardo Santos a não deixar passar qualquer pessoa até que Moore, que recebe uma reação mista da plateia, vai lá e entra à força com Eduardo a tentar empurrá-lo para trás sem qualquer sucesso, Moore estava bastante chateado e a sua força parecia crescer.

Eduardo: Desculpe meu senhor.

Augusto: Deixe-o estar aqui, mas feche a porta, por favor.

Eduardo Santos sai do gabinete de Lousada e fecha a porta.

Augusto: Não estava interdito?!

MooreSD: Tu vais falar comigo, ouviste?! Não quero saber se estava interdito porra nenhuma!

Augusto: Presumo que venhas falar do Caím…

Augusto Lousada tentava adivinhar o que fazia ali o “Rock City Agression”.

MooreSD: Sim venho falar com ele, exijo que faça alguma coisa àquele canalha!

Augusto começa-se a rir e tenta parar, mas cede.

MooreSD: Está a rir porquê?! Ele cometeu um crime! Ele raptou a minha amiga!

Augusto: Isto para mim é engraçado…

MooreSD: Acho que tem pouco de engraçado!

Augusto: Se me vieste pedir para fazer algo, aviso-te já que não vou mexer um dedo.

MooreSD: Não vai?!

Augusto Lousada voltava a rir.

Augusto: A história está engraçada percebes? Se está engraçada, o público gosto logo dá audiências, estou-me a fazer entender?

O público mostra a sua insatisfação com o que Lousada acabou de dizer.

MooreSD: Seu…

Augusto: Estou a lucrar com isto tudo Moore… Agora faz-me um favor e mete-te a andar daqui para fora!

Moore ficara ainda mais chateado, mas obedece ao Supervisor-geral e sai do seu gabinete com um ar de alguém com a paciência a passar todos os limites.

***

A imagem retorna às imediações do ringue.

*Toca Keep Me There, faixa dos DeLuxeSAD*

Beja: E o que vem a ser isto agora?

Luís: Não vês? É a faixa da maior afiliação da história desta federação!

Aparecem os Parceiros de Guerra, Delmar Bento e Eustass Kid, o público começa a vaia-los compulsivamente.

Beja: Reação bem negativa para os nossos campeões.

Luís: O que eu considero inaceitável digo-te já! Respeito é o que eles merecem. Sem dúvida a equipa que tem colocado os títulos com interesse…

Beja: Sinceramente o que eles fizeram até agora?

Luís: Não é evidente?

Beja: É claro. Ajudar o Bangalter a sair por cima ao longo deste torneio! 

Eustass aproxima o seu título da cara de um dos fãs que se revolta com ele, Delmar entra logo no ringue. Eustass continua um pouco na borda a reclamar.

Luís: Este público nem o jovem primo do Lucas Brandão consegue respeitar… Ingratos! 

Eustass acaba por entrar e pedir um microfone.

Eustass Kid: Calem-se imediatamente! 

O público vaia ainda mais alto.

Eustass: Já viste Delmar? É fácil fazer com que este público nos odeie! Fabuloso! 

O mesmo começa a sorrir compulsivamente enquanto Delmar, com o título na cintura, ao contrário do seu parceiro que o tem no ombro, dobra os braços.

Eustass: Nós viemos aqui com apenas um propósito, como todos já sabem no próximo dia 11 de Janeiro esta grande federação, que acolhe a grande organização que é a DeLuxeSAD faz um ano. Até lá a VLL irá ter uma pequena interrupção. Muitos dizem que é para se descansar. Mas dentro da nossa equipa pensamos que é para festejar aquilo que os DeLuxe irão conquistar hoje.

Delmar abana a cabeça em sinal afirmativo enquanto o público continua a vaiar.

Eustass: Por isso mesmo, nesse evento especial, estamos dispostos a colocar o título em jogo contra quem aparecer! Seja o regresso de Marcos e Hunt, coisa que não vai acontecer… Seja o Vinícius e o seu amado primo!

Novos sorrisos, desta vez Delmar junta-se a Eustass, tentando conter-se. O público vaia.

Eustass: Na realidade estaremos lá mas ninguém irá aparecer, pois todos tem medo de ser esmagados pela “Parede” e terem de acabar no “cirurgião”! 

Eustass atira o microfone ao chão e o público vaia-o compulsivamente. Os Parceiros de Guerra deixam o ringue.

Beja: Bem… Por isto não esperava eu.

Luís: Isto sim é humildade! Quem podia pedir mais destes dois? Quem quiser que se faça à vida agora!

Beja: Só eu acho que há uma carta na manga?

Luís: Sim Judas, só tu.

Beja: Bem, os DeLuxe já foram para os bastidores e a Raquel entrou no ringue...creio que já todos sabemos o que vai acontecer agora. Espero que corra tudo pelo melhor.

***

Toca a música de Caim Ezequiel.

BOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO

Raquel Jacob: Essa luta é de uma derrota, primeiro, 'O escolhido de Jesus', vindo de Jerusalém Israel, pesando noventa quilos, Caim Ezequiel!

Luis: Ele não veio com a rapariga!

Beja: Só faltava isso, sequestrador religioso, temos de tudo na VLL!

Luis: O homem só queria se vingar pela forma como Moore o eliminou no torneio.

Toca a música de Moore SD.

Raquel Jacob: E seu adversário, vindo de Detroit, USA, pesando 97 quilos, Moore SD!

YEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEAH/BOOOOOOOOOOOOOOOOOOO

Luis: Moore vem magoado, Caim é favorito...

Beja: Moore faria o mesmo, mas o que o Caim fez foi pura covardia.

Luis: Verdade, mas Caim está cada vez melhor, cada vez mais brutal, é disso que eu gosto!

Beja: Tu és mesmo parvo, pá!

Afonso Martins é o oficial designado para o combate.
Assim que Peralta manda soar a campainha Moore parte com tudo para cima de Caim, atirando-o ao chão, para depois o atacar com socos violentos. Caim consegue-se esgueirar por debaixo da corda, saindo do ringue tirando tempo para se recompor. Moore não quer esperar e ataca o israelita com um Suicide Dive. O público puxa por ele com tudo. Moore pega em Caim e atira-o contra a barreira. A contagem vai nos 6 e Moore entra e sai do ringue para a quebrar. Moore levanta Caim novamente para o atirar aos degraus mas Caim contra-ataca e passa uma rasteira a Moore que lhe volta a abrir a cabeça, desta vez com mais gravidade.

Caim Ezequiel levanta Moore e empurra-o para o ringue. Caim sobe o canto e aplica um Double Axe Handle em Moore SD. Caim está no controlo e coloca as mãos na cabeça, sorrindo sadicamente como que estivesse a ouvir as tais vozes. Moore levanta-se e é apanhado por uma Clothesline três vezes seguidas, seguindo-se um German Suplex potente, Moore cai aparatosamente e refugia-se no apron. Caim vai lá mas Moore apanha-o com uma cotovelada, salta por cima das cordas e apanha o israelita com um Dragon Suplex. Cover: 1… mas Caim safa-se antes do dois. Moore levanta-se antes de Caim e grita, esperando que este se levante, mas antes de isso acontecer, Caim levava um pontapé na nuca. Moore empurra o israelita para o canto, onde lhe aplica uma sequência de Chops no peito, mais agressivo que o normal… Moore levanta Caim para um Superplex mas Caim empurra Moore. De seguida Caim voa pela segunda vez, desta com um Elbow Drop na testa de Moore que nesta altura tem a cara completamente vermelha. Cover rápido: 1…2… mas não, Moore levanta-se rapidamente e faz outro grito de guerra, os fãs apoiam-no mais que nunca neste combate enquanto o sangue lhe escorre pelo peito.

Moore pontapeia o abdómen de Caim e aplica um Straight From Detroit, para depois dar fortes cotoveladas no rosto de Caim. Moore leva a mão ao seu rosto e limpa o sangue ao braço. Moore vai para um Superkick mas Caim apanha-o nos ombros, roda e atinge Afonso Martins com os pés de Moore, mandando o árbitro para fora do ringue. Scoop Slam de Caim que se apercebe do que fez e vai buscar uma cadeira. Moore levanta-se a custo e tem uma cadeirada à sua espera, Moore não cai e em vez disso incentiva Caim que lhe dá outra cadeirada, mas de seguida um Superkick surpreende Caim ao projectar a cadeira para a face do israelita.

Moore atira a cadeira para fora do ringue e levanta Caim para um Muppet Show, porém este solta-se dos braços de Moore e contra-ataca para um Backstabber. Caim tenta o pin mas o árbitro está fora do ringue. Caim vai chamar Afonso Martins e leva-o para o ringue, porém quando volta Moore apanha Caim com um Rolling Elbow e de seguida tenta prender um Crossface mas Caim contra-ataca para um Roll Up antes de Moore aplicar a manobra. Moore debate-se mas Afonso Martins Conta: 1…2….3! Caim vence, Moore não acredita.


Raquel Jacob: E o vencedor deste combate… Caim Ezequiel!

Luís: Eu sabia! Eu sabia! Caim desforrou-se de Moore da melhor maneira. Moore está furioso!

Beja: Eu também estaria se me roubassem a namorada e depois ainda me vencessem num combate.

Luís: Eles não são namorados…

No ringue Caim tem a sua mão a ser levantada por Afonso Martins, enquanto isso, Moore, atrás de Caim volta a pegar na cadeira e olha Caim quase possesso.

Beja: Olha agora, isto ainda está longe de acabar, Luís!

Luís: Há necessidade disto, pergunto-me eu? Perdeu… mereceu perder.

Caim vira-se e tem Moore à espera com uma cadeirada. Muppet Show em seguida deixa Caim plantado no chão.

YEAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH!

Beja: Caim teve a sua paga por agora…

Luís: Por agora dizes bem, ainda há muita tinta a correr entre estes dois.

Moore sai do ringue e de cara ensanguentada, agarrado ao rosto, com a cadeira na mão direita vai subindo a rampa.

Moore: Melissa!

Luís: Onde é que ele vai agora!?

Beja: Parece-me óbvio não?

A imagem desvanece.

***

A câmara filma o parque de estacionamento exterior do Pavilhão Multidesportos de Coimbra. Um Volkswagen Golf IV de cor cinza estaciona no único lugar vago e há um zoom na imagem que capta perfeitamente os dois homens a sair do carro: Daniel Lobo e Mayhem.

Ambos começam a caminhar na direcção do pavilhão.


Mayhem: Hoje é o dia, Daniel. E finalmente tiveste uma boa noite de sono depois de tanto tempo.

Lobo: O pior inimigo de um bom sono é a indecisão, velho. E agora sinto que sei verdadeiramente o que tenho que fazer.

Os dois dão à volta ao pavilhão, não entrando pela porta principal.

Mayhem: Alguma epifania?

Lobo: Andei a rever os vídeos do Fragas. Lembras-te da ida da Sera ao apartamento dela? Lembras-te do medo nos olhos dela quando ele a segurou e abanou? Lembras-te depois, no próximo vídeo, da forma como ele se foi aproximar dela e daquele miúdo num espaço sem ninguém?

Mayhem: Perfeitamente. E pensaste que esse é um perigo que ninguém tem que viver, certo?

Lobo: Exacto.

Os dois entram por uma porta das traseiras.

Lobo: O sadismo que ele mostrou contra o António e o Vinícius, isso é verdadeiro. Estou cansado de tentar entender onde é que acaba o controlo do Lousada e começa a liberdade do Fragas. Vou-me focar naquilo que todos nós vemos.

Mayhem: Os dois focos da prisão: reabilitação do indivíduo para a sociedade e a protecção dessa mesma sociedade do criminoso, até que ele esteja pronto para a reintegrar.

Lobo: E deixar um homem como o Fragas a andar por aí, sozinho, próximo de mulheres e de crianças...é demasiado. Se ele tivesse mostrado mudança. Mas nem por isso. Eu esperei o que pude, e nem por isso ele me mostrou o que quer que seja. Pois bem, hoje ele não fugirá para o topo do monte, hoje ele ter-me-á mesmo à sua frente.

Os amigos continuam a caminhada pelos corredores.

Mayhem: Sempre gostei destes momentos antes dos combates. Os últimos passos antes de chegar à rampa, é uma sensação diferente de todas as outras.

Lobo: Os derradeiros momentos de preparação para a guerra. O prelúdio da decisão, em que a adrenalina começa a subir e a mente se foca definitivamente no objectivo.

Mayhem assente, os dois homens aproximam-se da entrada para a rampa.

***

A imagem torna a passar para o ringue. Gabriel Martins já está junto a Raquel Jacob no meio do ringue. Tem a farda de árbitro e aguarda que esta chame os dois competidores.

Raquel Jacob: Este é um combate com um árbitro especial convidado, que está já aqui no ringue...Gabriel Martins.

Martins ergue o punho para receber uma reacção francamente negativa do público. O árbitro especial não parece, no entanto, minimamente incomodado com o facto.

Beja: O público não deve estar à espera de uma arbitragem propriamente isenta de Gabriel Martins, e daí estas vaias.

Luís: Mas porque não, Beja? O rapaz é um antigo jornalista. Isenção e imparcialidade são princípios de qualquer bom jornalista.

Beja: Luís...Eu não vou comentar. Toda a gente sabe o que sabe e viu o que viu.

Raquel Jacob: E apresentando agora o primeiro lutador deste combate, acompanhado por Mayhem, ele vem de Odivelas, Portugal, e pesa hoje 109 quilos...DANIEL LOOOBOOOOOO!!!

*Toca Enae Volare Mezzo, tema de Daniel Lobo*

O público está dividido na sua recepção a Daniel Lobo, com os aplausos e gritos de apoio a misturarem-se com os apupos e assobios.

Beja: Este homem não é consensual...O público apoia a coragem que ele mostra ao impôr-se a Fragas e Lousada, mas não conseguiu aceitar a brutalidade do seu ataque pelas costas a Fragas para o eliminar do torneio...e muito menos as palavras menos simpáticas que endereçou ao público há umas semanas.

Luís: Sabes como é que eu resumiria este rapaz numa palavra, Beja? Louco. Só um louco é que faria o que ele está a fazer. O Sr. Lousada fará certamente o melhor para corrigir o seu comportamento.

Lobo entra no ringue e troca olhares intensos com Gabriel Martins.

Raquel Jacob: E o seu adversário, vindo directamente da Cela 88 da Prisão do Linhó, pesando hoje 102 quilos...ANÍBAL FRAGAAAAAAAAAAAS!!!

*Toca The Day I Tried To Live, tema de Aníbal Fragas*

Fragas é recebido praticamente só com apupos pela multidão que o rodeia enquanto desce uma das muitas escadas de acesso da bancada do pavilhão, sendo apenas apoiado por uma pequena parte do público o apoia.

Beja: A dureza das palavras de Aníbal Fragas em relação à situação de Lobo com a sua falecida irmã a reflectirem-se aqui. É uma rivalidade bastante particular esta, daí estar a fazer correr tanta tinta.

Luís: Quanto a mim é tudo muito simples, o Lobo é um miúdo traumatizado que não é capaz de aceitar que as pessoas merecem uma segunda oportunidade. Dureza nas palavras do Aníbal? Talvez. Mas a verdade, sobretudo.

Lobo olha para Aníbal com os olhos cheios de raiva, enquanto este desce a escadaria das bancadas. Quando Fragas entra no ringue parece focar a sua atenção na anunciadora de ringue, Raquel Jacob.

Beja: O Fragas está a pedir o microfone à Raquel?

Lobo atira-se para cima de Fragas, atingindo-o com golpes de antebraço nas costas. Raquel Jacob aproveita a situação para sair do ringue.

*Gabriel Martins manda soar a campainha e o combate tem o seu início oficial*

Lobo continua a atingir Aníbal com golpes nas costas até que o encosta contra um dos cantos do ringue, onde começa a socá-lo na cara. Fragas não responde ao ataque, preferindo defender a cabeça conforme pode. Martins interfere e afasta Lobo do homem de Lousada. Lobo lança um olhar menos simpático a Gabriel Martins, que por isso se mostra intimidado. Fragas sai do canto meio a cambalear e Lobo vai a correr na sua direcção para um novo ataque, mas o condenado consegue escapar à ofensiva do extremista com um Hip Toss bem aplicado.

Fragas parece gritar a Lobo para que este pare e o oiça, mas este não parece disposto a fazer tal coisa, levanta-se de imediato e volta a correr na direcção de Fragas, Clothesline... mas Fragas desvia-se e acerta-lhe com uma joelhada no abdómen, parando Daniel Lobo. Snapmare de Fragas... e prende Lobo num Chinlock bem restritivo, Aníbal Fragas parece ter evoluído a sua técnica dentro do ringue desde que o vimos na última vez. Lobo ataca consegue escapar do Chinlock e os dois homens colocam-se de pé. Lobo derruba Fragas com um Takedown e começa a socá-lo. Novamente aparece Gabriel Martins, que tira Lobo de cima de Fragas.

Fragas parece estar-se a recompor. Cá vai Lobo de novo, mas Fragas rasteira-o. E vai para a cabeça de Lobo no chão de novo, prendendo-o num Side Headlock. “Ouve-me Daniel, ouve-me, raios!”, grita Fragas, ele parece estar mais interessado em acalmar o adversário que combatê-lo. Lobo consegue livrar-se também do Side Headlock de Fragas, Martins observa a situação com uma expressão confusa. Lobo vai a correr para um Running Bicycle Kick em Fragas, mas este consegue passar por baixo da perna de Lobo, evitando o pontapé. E agora é Fragas que derruba Lobo com um Headlock Takedown, no momento em que este se vira.

“Que é que estás a fazer? Explica-me o que estás a fazer, Lobo! Pára e fala comigo.”, volta a gritar Fragas. Lobo consegue rolar para cima de Fragas e soltar-se, acabando por reagir mais depressa e se colocar por cima de Fragas... e começa a encher o adversário com socos. E novamente Martins tira Lobo de cima de Fragas. Martins ameaça Lobo, que se ri na cara dele e vira costas. Martins berra, Lobo ignora-o... MARTINS ATACA LOBO PELAS COSTAS! Mayhem entra no ringue! Mayhem agarra em Martins e tira-o de cima de Lobo. Martins investe de novo, mas Mayhem corta o ataque com uma poderosa Clothesline, mandando o árbitro especial a rolar para fora do ringue. Mayhem sai do ringue atrás de Martins para que este não entre de novo, Lobo volta ao ataque em Fragas. É o caos no ringue e na rampa de acesso, os quatro lutadores entraram numa sessão de pancadaria!


Beja: Vêm aí os seguranças!

Luís: Não os separem idiotas, deixem-nos fazer o que têm a fazer!

Beja: Repara na expressão de Lobo, com os seguranças a arrastá-lo para fora do alcance de Fragas, ele está possesso!

Luís: Isto não pode ficar por aqui, larguem-no!

Beja: Mas que...Eu não entendo, o que raio se passou aqui?! O Fragas nem parecia ter vontade de lutar? Que raio se passou?!

Luís: Seja o que for, acabou nesta autêntica batalha campal...E sabes que é que isto pede, Beja? O nosso último intervalo, antes do grande combate principal...

***



Última edição por vlladmin em Seg 23 Dez 2013, 09:16, editado 2 vez(es)
avatar
vlladmin

Número de Mensagens : 511
Data de inscrição : 30/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Poder Popular (PPV7#) - (22/12/13)

Mensagem por vlladmin em Seg 23 Dez 2013, 08:46

A emissão recomeça no escritório de Santiago Guerreiro. Vemos o novo presidente da Vanguarda da Luta Livre ao computador na sua secretária. O mesmo interrompe o que está a fazer e levanta-se, caminhando para o centro da sala.

Santiago: Boa noite Vanguarda! Como é, estão a gostar do Poder Popular até agora?

SIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIM!

Santiago (com um sorriso): Eu também estou… e como o meu objectivo é deixar-vos contentes trago-vos uma última novidade antes do combate principal…

O público reage expectante à tal novidade que Santiago vai anunciar.

Santiago: Pois então, no dia 11 de Janeiro teremos uma Vanguarda especial. Trata-se do primeiro aniversário da VLL e, nesse dia, os dois derrotados do combate principal desta noite irão enfrentar-se pela oportunidade de lutar de novo pelo título.

YEAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH!

Santiago: Gostaram da novidade, parece-me. Resta-me desejar-vos um resto de PPV espectacular. Boa noite. Espero que apreciem a Ameaça Tripla.

A imagem desvanece.
***

A câmara foca o ringue com a apresentadora Racol Jacob e o árbitro com o título Supremo da Vanguarda da Luta Livre nas suas mãos.

*Toca a música Rebel, tema de Kevin Gunn*

Raquel Jacob: Senhoras e senhores… este combate de Escada é uma ameaça tripla e é pelo Título Supremo da Vanguarda da Luta Livre! Introduzindo primeiro vindo de Londres, Reino Unido, com 93kgs... o "Son of Violence" Kevin Gunn!

Luís: Coitado. Não tem hipótese nenhuma depois do combate que teve.

Beja: Acho que não deviamos descartar Kevin Gunn deste combate para já Luís...

Luís: É humanamente impossível ele ter pretensões a ganhar este combate depois da guerra que teve com o Keane. Impossível!


Kevin Gunn entra no ringue sem a sua Harley e bastante dorido com mazelas evidentes do combate anterior com Darren Keane.


*Toca a música Até Quando?, theme de Vinícius Nunes*

Raquel Jacob
: Senhoras e senhores… introduzindo de seguida, vindo de Salvador, Bahia,com 130 kgs... Vinícius Nunes!

Luís: E ai vem o Super-Homem pela milésima vez.

Beja: Grande reacção para Vinícius Nunes. O público ama e respeita este grande atleta.

Vinícius Nunes surge cumprimentando bastantes fãs e entra no ringue algo bem fisicamente devido à sua grande capacidade atlética.

*Toca a música La Chanson des Vieux Amants, tema de Bangalter*

Algum fogo-de-artifício cai do céu, dourado e brilhante. Michel entra, sozinho, aos 37 segundos da música, com um casaco que diz nas costas “De Luxe”.

Raquel Jacob: E por último...vindo de Bobigny, Seine-Saint-Denis, França pesando 89kgs... o "De Luxe" Michel-Baptiste Bangalter!

O espetáculo de luzes e de pirotecnia termina e este vira-se para o ringue. No ecrã gigante passam várias imagens, sempre com tons dourados e vintage. Paris e Bangalter são os temas do vídeo. Este caminha então tranquilamente para o ringue com alguma sobranceria e confiança.

Luís: Sem dúvida o favorito! Não dúvido nada que este homem será o vencedor hoje e o novo Campeão Supremo da Vanguarda da Luta Livre!

Beja: Veremos Luís. Veremos... A concorrência é forte e acho que estão todos em plano de igualdade.

Os três lutadores estão no ringue e o árbitro no centro levanta o título Supremo da Vanguarda da Luta Livre sob a cobiça dos três pretendentes ao título que estão no ringue.


*Soa a campainha*

Os três lutadores ficam a olhar uns para os outros perante o ruído monumental do público. O combate começa com Bangalter a tentar acertar um soco à traição a Vinicius. Vinicius bloqueia e começa a esmurrar sem dó nem piedade o francês. Kevin Gunn assiste mas quer também participar e empurra Vinicius esmurrando então ele Bangalter. Vinicius não gosta e empurra com autoridade Kevin Gunn para o chão esmurrando Bangalter no turnbuckle. Kevin Gunn levanta-se e acerta uma cotovelada na nuca de Vinicius que fica atordado começando uma briga feia entre os dois, que é aproveitada por Bangalter para ir "apanhar ar" fora do ringue. O brasileiro e o inglês não desarmam da sua briga em trocas de murros, Bangalter entretanto tira um escadote enorme debaixo do ringue e entra com ele no mesmo.

Vemos Bangalter a correr com o escadote, ambos os lutadores já presentes no ringue se viram e são derrubados pelo escadote! Bangalter sorri e provoca os adversários. O mesmo monta de imediato o escadote no centro do ringue mas Vinicius levanta-se e agarra a cabeça de Bangalter contra o escadote! Bangalter fica atordoado... Vinicius Nunes acerta-lhe com um German Suplex! Vinicius faz sinal que vem ai outro e agarra o francês em posição de German Suplex... Kevin Gunn vem por trás e agarra Vinicius Nunes também... German Suplex em cadeia! Vinicius e Bangalter ficam no chão!! Kevin Gunn não perde tempo e tenta de imediato subir a escada para agarrar o título Supremo... Bangalter rasteja e agarra as pernas de Gunn! Vinicius levanta-se e começa a esmurrar Gunn nas costas que cai do escadote...

Bangalter e Vinicius começam a "brigar" um pouco no centro do ringue... Vinicius tenta uma clothesline em Bangalter... O mesmo devia-se, Running Swinging Neckbreaker de Bangalter em Vinicius! O francês começa a ganhar vantagem neste combate pois parece ser o homem mais "fresco"! Bangalter agarra em Kevin Gunn fora do ringue e atira o mesmo de ombro contra o poste, Kevin Gunn fica no chão bastante queixoso e notoriamente exausto ainda do seu último combate. Bangalter tenta então levar outro escadote para o ringue... Coloca-o e começa a subir... Vinicius Nunes começa também a subir no outro escadote que já havia sido lá colocado... Ambos trocam bastantes socos... Vinicius Nunes de súbito agarra Bangalter... Bahia Slam do escadote!!! Ambos os lutadores ficam caídos no chão e Kevin Gunn não é diferente fora do ringue... O público está ao rubro e vemos Bangalter e Vinicius ainda caidos no ringue e Kevin Gunn lá fora rasteja para dentro do ringue!

Kevin Gunn olha e vê Bangalter e Vinicius caídos no chão e tenta muito esforçadamente subir o escadote... Bangalter de súbito levanta-se... Vai as cordas... Springboard Enziguri! Kevin Gunn está cáido outra vez e o De Luxe ganha alguma vantagem... Vinicius Nunes consegue também levantar-se e tenta derrubar o escadote mas antes de o fazer Bangalter que já havia subido alguns degraus salta para o ringue... Clothesline falhada de Vinicius... Bangalter vai as cordas... Head Scissors em Vinicius! Bangalter faz o sinal para o Augmenter! Vinicius está algo confuso... Bangalter vai à 3ª corda... Falha o Augmenter caindo no chão!! Vinicius Nunes vê a situação e já bastante desgastado vai procurar o seu finisher! Vem ai o Brazilian Bomb... Efectuado com autoridade! Bangalter fica plantado no centro do ringue...

Vinicius Nunes está a tentar agarrar o título subindo a escada... Kevin Gunn de súbito vai à corda... Dropkick na escada fazendo Vinicius cair!! Kevin Gunn dá uma espécie de último fôlego... Agarra em Vinicius Nunes... German Suplex!! Dois Germans... Chega ao terceiro!! Kevin Gunn está em brasa e o público reage de forma mista... O "Son of Violence" vai à terceira corda... O que vai sair daqui? Shooting Star Press em Vinicius Nunes!!! O público nem quer acreditar, grande atletismo de Gunn que arruma um pouco com Vinicius!! Bangalter já se levantou e aplica um DDT em Gunn! Bangalter sobe ao escadote... Bangalter vai ganhar o combate!! Vemos Bangalter já bem no topo com uma mão no título... Kevin Gunn num esforço quase acima do humano sobe e agarra Bangalter, que tenta à mesma tocar no título para o tirar sem sucesso! Kevin Gunn acerta com a cabeça de Bangalter no topo do escadote! Bangalter fica zonzo.. Kevin Gunn acerta um uppercut e Bangalter cai para fora do ringue de forma violentíssima embatendo ainda na corda superior antes de cair!!! Os médicos vão checkar Bangalter.. Kevin Gunn vai ser o novo campeão!!! Vinicius Nunes sobe também o escadote... os lutadores trocam socos... Vinicius Nunes leva a melhor aproveitando o desgaste de Kevin Gunn...

Kevin Gunn cai do escadote para o chão do ringue com uma notória exaustão... Vinicius Nunes vai ganhar o título... Ele agarra no título Supremo e retira-o!!! Sim! Vinícius Nunes está no topo do escadote já com o título Supremo nas mãos erguendo-o!


*Soa a campainha*

Raquel Jacob: O vencedor deste combate de escada... e o NOVO... Campeão Supremo da Vanguarda da Luta Livre... Vinícius Nunes!!

Luís: Não! Outra vez o super-homem campeão não!

Beja: Sensacional esforço de Vinícius Nunes! Grande combate mas claramente ninguém tem uma alma de campeão como a deste brasileiro! Fantástico e merecido!

A imagem passa alguns highlights do combate passando depois a focar Bangalter bastante mal tratado no ringue e Kevin Gunn completamente exausto sentado na zona central das cordas no ringue com as mãos na cabeça enquanto se vê Vinicius Nunes no topo do escadote a erguer o título! Começa a cair bastante fogo de artifício em redor ao ringue e alguns papelinhos. A imagem desvanece e este Pay-Per-View termina com Vinicius Nunes a festejar no topo do escadote perante o apoio incansável dos fãs!
avatar
vlladmin

Número de Mensagens : 511
Data de inscrição : 30/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Poder Popular (PPV7#) - (22/12/13)

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum