VANGUARDA 21# (RTP2) - (20/08/13)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

VANGUARDA 21# (RTP2) - (20/08/13)

Mensagem por Alm em Qua 14 Ago 2013, 09:48


PAVILHÃO DA VANGUARDA DA LUTA LIVRE, LISBOA

COMBATE PRINCIPAL DA NOITE

PARCEIROS DE GUERRA EM JOGO
DELMAR & COURTEENER (c) vs. ROB ESTE & ALBERTO VALENTE


*****
DIOGO LOURENÇO vs. VINÍCIUS NUNES
MOORE SD vs. ???
CAIM EZEQUIEL vs. MARKUS SILVA
avatar
Alm

Masculino Número de Mensagens : 4567
Data de inscrição : 01/03/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: VANGUARDA 21# (RTP2) - (20/08/13)

Mensagem por Demichelis em Qua 21 Ago 2013, 03:08




Regresso do evento Vanguarda ao seu pavilhão. Pequeno fogo-de-artifício no stage, a música da federação continua a tocar. Depois de uma pequena volta pelas bancadas, onde o público exibe vários cartazes e principalmente uma grande exaltação vamos até ao ringue, onde lá se encontra o presidente Américo Amorim, o supervisor-geral Lucas Brandão e os lutadores Alberto e Rob.

Américo Amorim: Bem-vindos a mais um evento da Vanguarda pessoal!

YEAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH. 

Américo: Vamos abrir este evento com uma conversa que sinto ser do interesse de todos. Como sabem hoje o Parceiros de Guerra vai estar em jogo no evento principal. Os campeões Delmar Bento e David Soares Courteener…

BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUH.

Américo: Vão colocar os títulos em jogo, devido à cláusula de competição da VLL, contra estes dois homens que estão aqui! Rob Este e Alberto Valente!

YEAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH.

Américo: Nós temos de os vencer! Isto não se trata de um combate entre o Rob Este e o Valente contra o Delmar e o Courteener! Isto é um combate VLL contra ADW!

Lucas Brandão: É verdade!

Américo: Não me interrompas Lucas.

Lucas fica irritado, pela forma como Américo fala com ele.

Américo: A VLL é algo único, algo bonito. Algo que eu construí para vocês ai em casa e principalmente para quem nos quer ver ao vivo! Temos uma escola chamada Academia Nacional de Wrestling, onde os melhores treinadores possíveis e imaginários trabalham diariamente com os alunos e qualquer um de vocês pode ser aluno! Só é preciso amar este desporto! 

YEAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH.

Américo: Podem insultar-nos, podem mandar-nos abaixo. Podem criar federações. Mas nós vamos prevalecer!

Américo, super ovacionado, passa o microfone para Alberto Valente.

Alberto Valente: Isto que o nosso presidente acabou de dizer é verdade! Eu trabalhei para estar aqui, porque a VLL é o melhor sítio para se estar! Eu e o Rob, hoje… vamos recuperar os Parceiros de Guerra!

Rob chega-se à frente no ringue, ele que se encontrava mais atrás junto do Lucas Brandão.

Rob Este: Isso mesmo Alberto! Vamos mostrar aqueles rafeiros de que é feita uma federação com pedigree como diz o Vinícius! 

YEAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH.

Valente: A Vanguarda da Luta Livre é para todo o sempre pessoal! Podem contar com isso! O Delmar pode ser forte, mas não tem o espirito de competitividade que eu e o Rob temos! Então o Courteener…

Rob: O Courteener é o que já todos sabemos não é?! Quarta-feira já nos vamos ver livre dele. Mas uma coisa é certa, ele não vai chegar lá como Parceiro de Guerra! Porque hoje eu e o Valente vamos derrotar a ADW! 

Lucas Brandão pede um microfone a uma assistente, que se encontrava perto do ringue, surge na frente de Américo e começa a falar.

Lucas: Agora se me permitem, como supervisor-geral da Vanguarda da Luta Livre tenho algumas coisas a dizer. Espero seriamente não ser interrompido pelo presidente!

Américo Amorim fica a olhar para o seu “empregado” com cara de surpreendido.

Lucas: Hoje recebi uma proposta, pouco usual, no mundo do wrestling. Geralmente as promoções têm medo de falar disto. Nós até somos pessoas bastante para a frente, visto que neste momento andamos com a concorrência cá dentro!

Lucas ri-se, Américo parece não entender onde o supervisor-geral quer chegar e o Valente e Rob deixam o ringue por esta altura, subindo a rampa de acesso aos bastidores, olhando para o ringue.

Lucas: Recebi uma proposta, vinda da ADW… desafiando o Vinícius Nunes para aparecer no primeiro evento da federação deles. Para defender o título Supremo!

“BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUH”

Américo: Espero bem que não tenhas aceitado isso Lucas!

Lucas: Achas mesmo?! Mas ainda assim…

Américo fica irritado, com as palavras finais de Lucas, que parece ter ideias que não agradam a Américo. Lucas coloca a mão no ombro de Américo.

Lucas: Sabes que eu sou o primeiro a chegar em dia de evento para colocar tudo em ordem, que sou o último a sair todos os dias do escritório. Eu amo a VLL, mais do que nunca. Mas não posso passar ao lado do que pode vir a ser a melhor forma de nos superiorizarmos em relação aos outros! 

Américo: Mas queres virar vilão ou salvador da pátria? Não podes simplesmente fazer o teu trabalho?! 

Lucas Brandão fica apreensivo, o público manifesta-se, tanto positiva como negativamente, depois das palavras de Américo. Grande tensão no ringue, Lucas parece nervoso, andando de um lado para o outro.

Lucas: Temos de ir com isto para a frente Américo! Somos cobardes é?! 

Américo: Ir com o quê?! É adiar para Setembro o combate do Moore SD pelo título, ele ser aqui na Vanguarda e simplesmente esperar para que o Vinícius não perca! 

Lucas: O combate será efetivamente no dia 15 de Setembro! 

Américo fica um pouco aliviado e o público manifesta-se positivamente. Lucas esboça um sorriso!

Lucas: Em PPV! Num evento chamado Colisão!

Américo: Parece-me bem, afinal não havia nada de preocupante aqui. Assustaste-me! Vá agora vamos embora, precisamos de dar lugar ao primeiro combate da noite! 

Américo dá uma palmada nas costas de Lucas, enquanto começa a caminhar para fora do ringue.

Lucas: Mas esse evento será um especial ADW vs VLL…

Américo Amorim vira-se para trás espantado enquanto o público reage todo surpreendido.

Américo: O quê?! O quê?! Só podes estar a gozar com a minha cara Lucas! O que é que foste fazer?!

Lucas: Eles queriam o Vinícius num evento deles, achei que o melhor a fazer era colocar a VLL a terminar com a federação… no primeiro evento deles!

Lucas parece entusiasmado e convicto das suas palavras.

Américo: Em PPV? Com aqueles degenerados?! Tu és maluco? Queres matar a VLL?! Só falta dizeres que o vencedor fica com tudo!

Américo está bastante furioso enquanto Lucas Brandão parece pouco contente com a situação, ele esperava a compreensão do presidente.

Lucas: Sim é isso mesmo! E não, não quero ser o vilão! Muito menos quero ser o herói! Eu só quero o bem da VLL! E isto é a única forma de sermos a força dominante! Destruindo a concorrência! Não percebes Américo?!

Américo: Ter concorrência é bom, não como a ADW, concorrência desleal, mas é isto que temos. O que tu foste fazer é suicídio! 

Lucas atira o microfone ao chão, o público não sabe bem como reagir, o mesmo acaba a ir para os bastidores a passo largo. Enquanto Américo faz sinal para cortarem a emissão.

*****


A imagem foca Pedro Lombarda, na zona de entrevistas, com Afonso Azevedo e o seu filho, Santiago. Ambos parece que se colocaram um pouco à pressa para esta entrevista.

Pedro Lombarda: Olá a todos ai em casa. Estou aqui com uma das novas equipas da VLL, os Azevedo. Pai e filho entram no ringue, para uma transmissão de valores e principalmente de conhecimentos.

Afonso Azevedo: É verdade Pedro!

Lombarda. Querem-nos falar um pouco do que vos motiva ao vir para a VLL?

Santiago Azevedo: Falando principalmente por mim é o desafio de competir na maior federação de wrestling Europeu. 

Afonso: Quanto a mim só posso dizer que o meu grande objetivo é mesmo preparar o meu filho para o futuro desta modalidade, nada melhor que a VLL para tal!

Lombarda: Parece-me justo.

Pedro Lombarda parece fazer “tempo”, olhando para uns cartões que tem na mão.

Lombarda: Relativamente ao desafio da equipa Sychoflash. Algum comentário?!

Afonso parece incentivar o seu filho a falar.

Santiago: Nós não soubemos desse “desafio” anteriormente, se não tínhamos aceite logo. Ainda nos estamos a habituar a tanta movimentação aqui na VLL!

Afonso sorri para o filho.

Afonso: Posso dizer que aceitamos o desafio! E que na sexta-feira os iremos enfrentar no webshow, por isso sintonizem! 

Santiago: Isso mesmo!

Lombarda: Bem, daqui é tudo! Voltamos à zona de ação!

*****


A imagem foca a mesa de comentadores.

Luís Barreira: Antes de mais olá a todos, a situação aqui na VLL está critica pessoal. 

Diogo Beja: É isso mesmo. O meu nome é Diogo Beja e ao meu lado tenho Luís Barreira. Este é o Vanguarda vinte e um. 

Luís: As coisas não parecem nada bem para o lado de Lucas, como acabamos de ver.

Diogo: É verdade! O supervisor-geral chatou-se com o presidente Américo Amorim e deixou o ringue sem dar explicações. Tudo isto depois de ter marcado um ADW vs VLL intitulado de Colisão em… PPV!

Luís: Eu sei que tenho vindo a defender a ADW várias vezes, mas nunca na minha vida eu faria algo do género. É mesmo suicida como disse o Américo.

Diogo: Esperamos por mais desenvolvimentos sobre esta matéria ao longo do show de hoje. Mas agora temos um combate entre Markus Silva, que na semana passada enfrentou Henrique Coelho, pelo título nacional…

Luís: Que agora se chama título da Vanguarda!

Diogo: Isso mesmo! Markus vai enfrentar o estreante Caim! 

A imagem mostra que ambos já se encontram no ringue.

Luís: Ele pode ser estreante aqui na RTP2, na Vanguarda, mas ele tem vindo a aparecer no webshow, que eu apresento com o Eduardo Santos, no site oficial da VLL! E tem dado boas indicações!

*Soa a campainha*


O oficial David Peralta deu o combate por iniciado! Markus e Caim envolveram-se numa troca de socos, mas Caim acabou por levar a melhor e deixar Markus um pouco atordoado. O israelita Caim lançou-se as cordas, avançou com toda a força para cima de Markus e Clothesline. Markus ficou no chão, completamente estendido. Já Caim Ezequiel continuava em pé a gritar para os céus palavras que ninguém conseguia decifrar. Nisso o jovem devoto começa a atacar Markus violentamente com socos repetidos, e após alguns desses socos aplicou um belo German Suplex. Markus estava novamente no chão.

Caim sorria, triunfante, enquanto começava a atacar novamente Markus, só que desta vez era um ataque diferente: Psicológico. Quando Markus estava a levantar-se Caim teve a ousadia de cuspir para cima do corpo do adversário, deixando o Finlandês furioso mas que não lhe serviu de nada pois mal ficou em pé: Caim voltou a ofensiva. Markus furioso deixou uma brecha na defensiva e Caim aproveitou isso para aplicar um fortíssimo Uppercut que deixou o Finlandês pela a terceira vez no chão. Mas o Israelita não perdeu tempo e foi até ao canto, subindo até a terceira corda, e depois de apontar para os céus deixou Markus se levantar e aplicou um Double axe handle. Pela a quarta vez naquele combate o atleta de Varkaus estava no chão e Caim tornava-se mais poderoso e mais ousada nas brincadeiras que fazia com ele. 

Humilhar era o objetivo do Israelita, que foi pisar com força a cabeça do seu adversário até cuspir novamente no corpo do oponente. Ia repetir a dose, Caim sobe até a terceira corda e estava pronto para mais um Double Axe Handle. Num salto incrível não conseguiu atingir Markus, que estava preparado, e num movimento de acrobacia conseguiu fazer uma espécie de body slam mas que acabou num Roll-Up. 

1... 2... 3..


Raquel Jacob: O vencedor deste combate… Markus Silva!

Luís: Caim é levado num erro! Mas cá para mim o Markus puxou os calções! Aposto!

Vemos a repetição, enquanto Markus festeja fora do ringue, visto que Caim se encontra dentro do mesmo completamente furioso. A repetição mostra que foi uma vitória limpa do lutador finlandês.

Luís: Estás a ver Diogo? Eu disse! Eu vejo ali um pequeno puxão nos calções.

Beja: Tu consegues ver o que mais ninguém vê, mas ao mesmo tempo ser o maior cego do mundo. Impressionante Luís!

Luís: Impressionante é o facto do Caim ter sido roubado do seu primeiro combate aqui na Vanguarda! Isso sim!

A imagem começa a desvanecer com Markus Silva em foco.

*****


A imagem neste momento foca o balneário dos Verno, Al encontra-se sentada, encostada no cacifo a olhar para o seu telemóvel, provavelmente numa rede social ou algo do género. Num outro canto vemos Diogo Lourenço a fazer algumas flexões, enquanto Gante, sentado numa cadeira que se encontra ao contrário, dá algumas indicações ao seu “afilhado”.

Jorge Gante: Tu vais lá dentro e colocas o ritmo do combate bastante elevado. E qualquer coisa já sabes… Eu estou lá!

Al olha para ambos.

Al Gante: Tu e eu amor. 

Jorge levanta-se e vai ter com Alexandre, enquanto Diogo também se levanta e veste uma camisola preta.

Diogo Lourenço: A sério pessoal. Eu não sei como agradecer.

Gante: Vais lá dentro e destróis o Vinícius!

Lourenço: E é isso que vou fazer. Não só por vocês, mas também pelo que ele me fez na semana passada.

Al: Diogo… tu és nós. Nós somos tu. Aqui não há individualidades. Somos só um. Somos os Verno!

Gante dá um beijo a Al e para a meio.

Gante: Verno…

*****


Num outro lado do pavilhão encontramos Yuri Petrov, mais propriamente no refeitório onde o mesmo avista Peter World, que se encontra facilmente frustrado, provavelmente por não ter um combate.

Yuri Petrov: Então World. Como vais?!

Peter World fica a olhar incrédulo para o lutador Russo.

Peter World: Estás muito contente, para quem não tem combate hoje e perdeu na semana passada, para o teu suposto mais rival aqui dentro…

Yuri: É. Eu sei ver na vida as coisas boas, tu é que parece que não o sabes.

Yuri senta-se na mesa, junto a Peter e coloca um livro, que provavelmente veio a ler pelo caminho em cima da mesma.

Yuri: Estive quase a desistir disto tudo. Sou-te sincero, mas aconteceram umas coisas ao longo da semana que me fizeram mudar de ideias.

World: Olha comigo não é assim. Perdi a oportunidade da minha vida no último evento, a minha vida pessoal anda uma miséria, como todos sabem e não vejo um futuro. Aliás nem tenho combate hoje, mas mandaram-me vir cá para assinar uns autógrafos. Por amor de Deus. Ninguém quer um autografo meu! Estava melhor em casa.

Yuri levanta-se, preparando-se para ir embora.

Yuri: Isso dizes tu, mantem-te fiel a ti mesmo, que irá sempre alguém gostar de ti.

Straight Johny: Que conversa de duas meninas apaixonadas. 

Straight Johny aparece na imagem, com um fato bastante elegante.

World: Mas que queres tu?!

World levanta-se como uma flecha.

Johny: Nada nada. Só me rio com a vossa insignificância e com a forma como vocês tentam se colocar lá no topo. Nenhum de vocês foi campeão aqui dentro para estar com tanto paleio de “não desistas”.

Yuri: Tu é que devias desistir. De campeão a nada. Não é?! Nós ao menos não chegamos lá ao topo e encostamo-nos na bananeira. 

Straight Johny fica furioso com as palavras de Petrov e dá-lhe um estalo, de seguida os lutadores começam a batalhar no meio do refeitório. Straight Johny pega num tabuleiro que estava lá perto e tenta acertar em Yuri, que se baixa. World tenta separa-los, enquanto vários seguranças e funcionários fazem o mesmo. 

Depois de alguns segundos de tensão lá conseguem.


Yuri: Johny espero bem que tu saboreies este momento! Vocês pensam que eu sou um Russo inofensivo. Mas não! Eu… 

Yuri está a ser agarrado por cinco seguranças e mesmo assim tenta retaliar.

Yuri: Eu vou-te apanhar! E visto que estamos numa de desafios lançados! Eu lanço-te um! Para a semana, nós os dois… num combate sem regras. “Hardcore” aqui na VLL! Que me dizes!

Straight Johny parece que ficou um pouco irritado com as palavras de Petrov, ele que continua a ser agarrado também.

Straight Johny: Eu aceito! Eu aceito!

A imagem desvanece com os dois lutadores a serem agarrados pelos seguranças enquanto tentam voltar a lutar.

*****


De volta ao ringue, onde vemos algum público a mostrar cartazes e a “chamar” à atenção.

Luís: Este evento até agora tem sido ação pura!

Beja: Para a semana teremos um combate hardcore entre Yuri Petrov e Straight Johny! Mas agora vem um dos combates mais aguardados deste evento.

*Toca a música Omen, faixa da ADW*

BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUH.


Raquel Jacob: Senhoras e senhores, o próximo combate está marcado para uma derrota. O primeiro, a caminho do ringue, acompanhado por André Remédios e os Parceiros de Guerra… ele é da Associação Desportiva de Wrestling… “The Money Maker”… MOORE SD! 

Luís: A ADW começa a construir um roster bastante interessante. Basta bem que temos aqui Courteener, uma jovem promessa e Delmar Bento, que apesar de só mais logo o vermos em ação pela primeira vez… tem um físico impressionante. 

Beja: Sem dúvida que é preciso ter cuidado com eles. Principalmente agora, que Lucas Brandão colocou tudo em risco!

Luís: Sem dúvida que Remédios e Moore estão contentes com isto. Mas eles também podem perder a federação deles! Só que simplesmente não querem saber! Porque sabem que são fortes neste preciso momento.

Moore SD entra no ringue, faz uma pequena pirueta, gozando com o público de seguida e diz para os seus “companheiros” irem para os bastidores que não precisa deles.

Beja: A música continua a tocar aqui na arena, enquanto os campeões e Remédios sobem a rampa vaiados.

Luís: Sinceramente não sei o que esperar. Quem será o homem?! 

Beja: Não sei… mas vamos saber agora!

A imagem foca o titantron, toda a arena encontra-se expectante.

Luís: Aposto que vai ser um zé ninguém!

*Toca a música Ain’t No Grave, faixa de António Andrade*

YEAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH.


Beja: O quê?! 

Luís: Não pode ser! Mas António? Ele estava fora da VLL! Ele estava no Brasil! 

A música toca durante alguns segundos, sem que ninguém esperasse por tal o mesmo entra e ainda maior alarido no pavilhão.

Raquel Jacob: E o seu adversário… fazendo o seu regresso à Vanguarda da Luta Livre… pesando 128 kgs… vindo do Rio de Janeiro… ANTÓNIO ANDRADE!

Beja: António Andrade, como é reconhecido agora encontra-se a caminho do ringue. Eu nem acredito no que vejo! 

Luís: Impressionante mesmo! Moore SD está incrédulo! Ele e eu!

Beja: Quem diria… 

António entra dentro do ringue e começa logo a atacar Moore, para a euforia do público, soa a campainha.



António Andrade soqueia, com grande violência, o prodígio da ADW que vai ao chão. Ele pega em Moore e Vertical Suplex. Cover rápida… 1… Mas o Americano safa-se. 

António levanta-se e recebe um enorme apoio do público. Moore SD tenta fugir para fora do ringue, mas António apanha-o e levanta-o. European Uppercut! Moore fica encostado ao canto. Delmar e Courteener começam a descer a rampa. António afasta-se e Moore SD consegue fugir para fora do ringue. O árbitro começa a contagem. Ambos começam a circular o ringue e a contagem vai até aos 10. António vence este combate.


Raquel Jacob: O vencedor deste combate, por desqualificação… António Andrade. 

Beja: Delmar, Courteener e Moore sobem à borda do ringue! Eles vão atacar em conjunto o regressado António!

Luís: A ADW com um plano de jogo inteligente! 

*Toca a música Horns Up, faixa de Rob Este*

YEAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH.


Beja: Rob e Valente descem a rampa a todo o gaz! 

Luís: A ADW foge pelo meio do público!

Beja: Eles fogem agora… mas mais logo dois deles terão de enfrentar Rob e Valente pelos Parceiros de Guerra. 

Luís: Por agora também correu bem a António, mas de que se tratará este regresso?! 

Beja: Certamente que vamos descobrir no futuro, agora vamos a um curto intervalo. Voltamos já pessoal!

*****




*****


Regresso da emissão com António Andrade, junto do seu primo, Vinícius Nunes, que parece ter chegado mesmo agora ao evento. Ambos encontram-se no corredor que vem do parque de estacionamento e vai dar aos vestiários comuns.

Vinícius Nunes: Eu não sabia que você vinha cara! Aliás eu não sabia que tudo isto que você me contou estava acontecendo! Se não eu tinha vindo mais rápido!

António Andrade: Eu queria assim mesmo uma surpresa. 

Vinícius: Mas você está bem? 

António: Ótimo. O cara nem me tocou. Foi bem fraco.

Ambos começam a rir até que aparece Ricardo Soares, o veterano da VLL e treinador da Academia Nacional de Wrestling.

Ricardo Soares: Desculpem interromper esta pequena reunião. 

Vinícius: Pode se juntar Ricardo!

Ricardo, com a sua camisola a promover a ANW, junta-se aos dois.

Ricardo: Antes de mais bem-vindo de novo à VLL! O Vinícius fala muito de ti.

António: Fala mal certo?!

Mais uma risada entre ambos.

Ricardo: Nada disso. Ele fala de ti e da infância que ambos passaram juntos. Também da vossa equipa lá no Brasil. Ele até queria que tu voltasses só para irem atrás dos Parceiros de Guerra!

António: Que legal Vinícius, depois de tudo o que eu te fiz…

Vinícius: Esquece lá isso, o que interesse é que tu voltaste e voltaste para o lado certo! 

António: Finalmente viu….

Ricardo: Foste logo meter-te com a ADW. Não queres paz, esta visto.

António: Eu querer quero, mas tinha de o fazer. O Lucas me contatou para eu vir para cá e eu pedi esta luta contra o Moore, mas ele fugiu. Agora que sei que haverá um ADW vs VLL quero fazer parte! Estou empenhado. Vou salvar aqui que mais preso neste momento. Porque vocês aqui me deram uma família! Mesmo no Paraíso, quando fui lá para te congratular Vinny!

O campeão Supremo, que leva o título na cintura, fica feliz pelas palavras do primo.

Vinícius: Muito obrigado Tony Filosofia! Agora me vou preparar para o meu combate, já me atrasei chegando aqui e perdi muita coisa, não posso perder mais. Quer vir comigo? Botamos a conversa em dia no meu balneário.

António: Vamos.

Ricardo: Por falar nisso… boa sorte Vinícius! O Diogo é novo, mas é um osso duro de roer! Confia nisso.

Vinícius: Eu sei, não pense nem por um segundo que eu vou vacilar! Porque não vou. E você e o Gunn?

Ricardo: Irei tratar disso num vídeo talvez amanhã ou depois. Tenho andado ocupado com a ANW. O povo tem passado por lá com frequência agora, sejam alunos ou lutadores da VLL… Como deves imaginar, isto anda difícil!

António: Cuidado Vinny! Ainda fica sem o seu título! 

Os primos despedem-se de Ricardo, que continua o seu caminho, enquanto os brasileiros ainda ficam um pouco ali parados.

*****


Nos bastidores, depois da sua derrota, Caim Ezequiel procura alguém para converter, bastante irritado por Markus Silva ter vencido apenas com um rollup, depois de ele ter controlado o combate todo.

Caim Ezequiel: Isto não está certo. Deus é Razão. Deus é VIDA! Porque mais ninguém ouve minha mensagem? Necessito converter alguém. A Palavra de Deus tem de ser espalhada!

Circulando também pelos bastidores, aparece Jorge Faria, ainda claramente perturbado com os testes toxicológicos.

Jorge: Jovem, é aqui que estão as análises anti-doping?

Caim: ...Não.

Jorge: Foda-se, MAS ENTÃO É ONDE? É que eu não posso sair daqui sem encontrar isso, senão estou na merda!

Caim: Calma rapaz. Não se deixe levar pela tentação. Tenha fé, acredite que vai dar certo. Deus acolhe todo o mundo, se você se arrepender verdadeiramente…

Jorge: Ah arrependo-me, arrependo-me! Arrependo-me de não ler as merdas que assino! Puta que pariu mais à minha dependência às substâncias ilícitas!

Caim: Jovem, Deus perdoa e Deus ajuda! Você pode derrotar seu vício! Porque não se junta a nós e não reza com a gente? Deus te recebe de braços abertos.

Jorge: Foda-se, olha, não largues a droga também que não é preciso. Deixa estar que quando te derem o resultado das análises e acusares estupidez no sangue também vais com o caralho como eu.

Caim: Jovem, na Bíblia Sagrada, Salmo 68, verso 20, diz: "O nosso Deus é o Deus da salvação; e a DEUS, o Senhor, pertencem os livramentos da morte." Só Deus o pode ajudar!

Jorge: Ah pois, acredito, só um milagre é que me tira desta embrulhada que estou metido. Puta que pariu mais á minha inabilidade em rejeitar um canhão! Mas Deus ajuda mesmo?

Caim: Sim! Em Salmo 84, verso 11, diz: "Porque o SENHOR Deus é um sol e escudo; o SENHOR dará graça e glória; não retirará bem algum aos que andam na retidão." Só Deus o pode ajudar neste momento de angústia.

Jorge Faria fica incrédulo com as palavras de Caim e começa a apontar para ele, enquanto se ri.

Jorge: Foda-se, estás mesmo todo queimado, moço.

Caim: Você tem de ter mais atenção no que diz. Tanta profanidade não o levará á eterna felicidade...

Caim fica bastante irritado com Jorge, mas mantem a calma nas palavras, enquanto o lutador de Lisboa fica mais uma vez incrédulo e com tom de gozo nas palavras.

Jorge: Espera lá que tu quando descobrires que afinal toda a matéria é apenas energia condensada numa só vibração lenta, que somos apenas uma consciência a atravessar-se a si própria, subjetivamente, que não há tal coisa como a morte, que a vida é apenas um sonho e que és apenas a imaginação de ti próprio... Aí é que deixas de beijar o cu a Deus e juntas-te aqui ao clube dos drogados!

Caim: Você fala blasfémia! Você não tem vergonha na cara, seu vagabundo?

Num momento de pura raiva, Caim começa a atacar violentamente Jorge, deixando o estendido no chão.

Caim: Talvez você não fale tanta besteira agora...

Caim coloca-se em cima de Jorge, que está deitado no chão, de pernas abertas.

Caim: Deus é todo poderoso! 

*****


Voltamos ao ringue, onde a imagem foca o stage.

Luís: Tudo a postos para ver o Vinícius enfrentar o mais novo dos Verno?!

*Toca a música War of Change, faixa dos Verno*

BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUH.


Raquel Jacob: Senhoras e senhores, o próximo combate está marcado para uma derrota. O primeiro, a caminho do ringue… acompanhado pelos Gante… pesando 87 kgs… vindo de Tomar… DIOGO LOURENÇO!

Beja: Os Verno acompanham o seu prodígio até ao ringue que terá mais um excelente combate esta semana. Sem dúvida que muitos jovens gostariam de estar na pele de Diogo, que enfrenta hoje o campeão Supremo!

Luís: Isto comprova o que eu acho do Lourenço. Um lutador cheio de talento e que felizmente se encontra nas mãos certas!

Beja: Nas mãos certas?!

Luís: Sim! O Gante é uma mente genial, não digas que não. Mas hoje estamos aqui para o Diogo Lourenço!

Diogo aproxima-se do ringue com Al, enquanto Jorge dá a volta e vai até à mesa de comentadores sentando-se de seguida.

Jorge Gante: Então Luís como vai isso?! Contente por veres o teu lutador favorito sentado a teu lado?!

Luís: É uma honra sem dúvida Gante. O que te trás por aqui hoje?!

Beja: Blasfémias…

Gante: Queres algo Beja?! Bem Luís o que me leva a esta mesa hoje é comentar o combate do Diogo Lourenço, jovem promessa do wrestling Português! Ele que tem tido combates fenomenais. Contra grandes lutadores. Como o Ricardo Soares! Ouvi dizer que o Gunn o desafiou. 

Beja: É verdade.

Gante: Esse Gunn é patético então. Simples.

*Toca a música Até Quando, faixa de Vinícius Nunes*

YEAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH.


Raquel Jacob: E o seu adversário… vindo de Salvador da Bahia… pesando 130 kgs… ele é o campeão Supremo da Vanguarda da Luta Livre… VINÍCIIIIIIIIIIIUS NUUUUUUUUUUUUUUUUUUNES! 


Soa a campainha! 



O oficial para esse combate é a Adelaide Amaral. Vinícius e Diogo fazem um teste de força que é facilmente vencido por Vinícius. Vinícius está com vontade de acabar logo com a luta e manda logo o Bahia Slam. Foi para a cover 1-2... Mas Diogo conseguiu se safar. Vinícius tenta outra ofensiva com um takedown e cobriu Diogo com uma sequência de cotoveladas, só parando porque o árbitro os separou, enquanto isso Diogo colocou dois dedos no olho de Vinícius. O árbitro advertiu o Diogo depois dessa manobra e disse que depois disso, o jovem dos Verno seria desqualificado. 


Diogo aproveitou que Vinícius estava com dor no olho direito e acertou vários socos e depois aplicou um Springboard Clothesline, mas Vinícius se safou antes do dois. Diogo depois acertou um swinging neckbreaker em Vinícius e quando Vinícius estava se levantando, SET UP ENZUIGIRI! ERA PARA ACABAR, 1-2-2,7! VINÍCIUS ESCAPA POR MILAGRE, PARA DESESPERO DE JORGE GANTE.  


Gante sai da mesa de comentadores e discute com o árbitro, Diogo aproveita e acerta um golpe baixo no campeão. Jorge aponta para o roll up de Diogo, o árbitro vai contar mas Vinícius escapa novamente. Gante aproveita e volta para a mesa de comentários, elogiando o seu pupilo por dominar o campeão supremo. Vinícius vai para o canto e Diogo vai aproveitar para acertar um Missile Dropkick, mas falha! Era a abertura de Vinícius queria. Primeiro o baiano ataca com vários German Suplex, foram 4 em sequência, depois veio o National Slam, Vinícius esperou o Diogo se levantar e Chokeslam! Vinícius fez sinal para o público de que vinha Brazilian Bomb. Diogo se levantava lentamente, Vinícius lhe deu um pontapé no estômago, mas Al Gante começou a berrar, distraindo o campeão e Diogo aproveitou e lhe deu um Scoop Powerslam! Vinicius caiu no chão, perto das cordas, Diogo foi para a terceira corda. CORKSCREW 450º SPLASH BEM APLICADO! Diogo foi para a cover, 1-2-3. Vinícius botou o pé na corda, mas o árbitro não viu. Vitória para Diogo Lourenço.   


Raquel Jacob: O vencedor deste combate… Diogo Lourenço! 



Beja: Um absurdo! Vinícius colocou o pé na corda, a contagem deveria ter sido interrompida!  


Luis: O Diogo não tem a ver com os erros do árbitro, fez o que deveria fazer e conseguiu uma grande vitória. Olha ele festejando com os padrinhos, que cena bonita! 


Luis aponta para Diogo Lorenço que sai comemorando com a Al Gante e o Jorge Gante, que já tinha saído da mesa de comentadores. Enquanto isso o campeão supremo estava sem acreditar no que estava acontecendo.


Beja: Só se for para ti!  


Luis: Só para mim? Tu não aprecias uma festa familiar? E depois eu que sou o mau da fita!  


Beja: De qualquer forma o evento principal é o embate entre os parceiros de Guerra Courteener e Delmar, defendo seus títulos contra Rob Este e Alberto Valente, vamos ver a preparação dos desafiantes.  




***** 

A imagem foca Alberto Valente e Rob Este no balenário, se preparando para o combate de logo mais. Alberto está de pé, enquanto Rob está de cabeça baixa se concentrando. 

Alberto: Tu sabes que festejamos bastante a nossa mudança, mas agora o foco é vencer o título dos Parceiros de Guerra. 

Rob (ainda de cabeça baixa): Eu sei! Vamos vencer! 

Alberto: Muita gente pode não acreditar mais em nós, por causa das derrotas para o Coelho! Mas agora levamos outra vida e estamos com tudo para sermos campeões! 

Rob: Sim, estamos! 

Rob se levantou e os amigos deram um aperto de mão, o que foi a última coisa a ser mostrada nesse segmento. 




***** 





Vinícius Nunes está furioso e está andando pelos bastidores a procura de Ricardo Soares. Para a sua sorte, eis que Vinícius encontra Ricardo no meio do caminho.  


Ricardo: Olá Vinícius, soube que tu perdeste por causa de um erro da oficial. 


Vinícius: Olha Ricardo, eu simplesmente não aguento mais os Verno, não posso perder mais o meu tempo com eles, tenho que me concentrar no Moore SD, meu rival de momento e nos seus parceiros da ADW, não posso perder mais tempo com Gante e seus comparsas! 


Ricardo: Mas, o que tu queres? 


Vinícius: Que aceite logo o desafio do Jorge Gante, para ele sossegar de vez... 


Ricardo: Eu nunca recusei um desafio, nem mesmo do Gante, mas eu quero combater com o Kevin Gunn agora, acho que o Gunn é um desafiante mais interessante. 


Vinícius olhou para Ricardo, sorriu um pouco sem graça e deu um tapinha nas costas do veterano.


Vinícius: Você é quem sabe... Mas cuidado, pois o Jorge fará de tudo para transformar a sua vida em um inferno. 


Ricardo: Estarei pronto para o Jorge.  


Vinícius saiu de cena, deixando Ricardo pensativo sobre o próximo passo que tomaria na VLL. 

***
avatar
Demichelis

Masculino Número de Mensagens : 2383
Idade : 24
Data de inscrição : 22/06/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: VANGUARDA 21# (RTP2) - (20/08/13)

Mensagem por Demichelis em Qua 21 Ago 2013, 03:56

*****



A imagem volta a focar o ringue da Vanguarda, onde está praticamente tudo pronto para o main-event.


Luis: Finalmente chega o grande momento dos Parceiros de Guerra defenderem seus títulos, e é a estreia do Delmar. 


Beja: Verdade Luis, mas os adversários são muito bons. Rob Este e Alberto Valente são muito experientes e isso pode fazer a diferença. 


Luis: São dois falhados!  


*Toca a música Horns Up, faixa de Rob Este*   



Raquel Jacob: Essa luta é válida pelo título dos Parceiros de Guerra. Entrando primeiro os desafiantes, pesando 102 KG, Rob Este!!! E o seu parceiro, pesando 107 quilos Alberto Valente!  


YEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHHHHHHHHHHHHHH 


*Toca a música Omen, faixa da ADW*  

Raquel Jacob: Representando a ADW, os atuais parceiros de guerra! Pesando 78 quilos, Courteener e seu novo parceiro, pesando 138 quilos, Delmar! 


Soa a campainha! 

O combate começa com Courteener e Alberto Valente no ringue. Alberto Valente começa a puxar pela plateia enquanto Courteener e Delmar comentam negativamente sobre a Vanguarda da Luta Livre com André Remédios que está no ring-side. Courteener começa a fazer gestos obscenos para o público e Alberto Valente ataca-o com uma série de murros. Alberto Valente levanta Courteener e aplica-lhe um Standing Dropkick! Valente tenta o cover mas o árbitro afirma que Courteener tem o pé debaixo da corde, Valente tenta levanta-lo e Courteener atira-o para fora do ringue fazendo sinal com a cabeça! Delmar e Remédios aproximam-se mas Rob Este vai a correr e aplica um Running Higk Knee Strike em Delmar! Courteener apercebe-se o perigo e mantem-se no ringue, Alberto Valente regressa ao mesmo.


Alberto Valente entra no ringue e Courteener começa a dar-lhe uma série de pontapés antes que Valente recupere a compostura, Courteener tenta então de imediato aplicar-lhe um sleeper hold à medida que Delmar já está no canto correspondente à sua tag team. Valente com o apoio do público começa a levantar-se e a tentar fugir do Sleeper Hold com algumas cotoveladas na barriga, consegue libertar-se a salta para o tag com Rob Este! Rob Este entra no ringue com uma série de clotheslines em Courteener! Courteener combalido cai para perto do turnbuckle mas consegue fazer o tag com Delmar que entra no ringue com a sua impressionante estampa atlética. Rob Este tenta levanta-lo mas Delmar sorri e acerta-lhe com uma cabeçada. Vai ás cordas e... Shoulder Block! Tenta a cover.. 1..2.. Rob Este safa-se e procura de imediato tentar o tag com o seu parceiro.


Delmar fica demasiado confiante e Rob Este sorrateiramente consegue o tag com Alberto Valente, Alberto Valente começa com impeto com alguns murros e efectua um Dropkick, Delmar vacila mas não cai! Alberto Valente vai ás cordas e tenta um novo dropkick que atira Delmar para o seu canto! Alberto Valente tenta agarrar Delmar e Courteener de súbito sem o árbitro se aperceber arranha os olhos a Valente! Rob Este não gostou e entrou no ringue e toda a gente está a trocar murros! Isto deixou de ser um combate e tornou-se uma briga de rua!


Rob Este e Courteener rebolam para fora do ringue a trocarem socos de forma algo violenta! O árbitro procura restabelecer a ordem no ringue acalmar os dois lutadores enquanto que dentro do ringue sobram Delmar e Valente! Entretanto vem André Remédios e aplica um golpe baixo em Valente! Ele de súbito volta para fora do ringue ao se aperceber que o árbitro se vai virar novamente para a acção dentro do ringue! Delmar agarra Valente que está bastante queixoso do golpe baixo de André Remédios e aplica um Chokeslam! Com autoridade! Delmar faz o cover.. 1... 2.... E André Remédios fora do ringue prende o pé a Alberto Valente! O árbitro não vê! ...3!

Raquel Jacob: E os vencedores e ainda Parceiros de Guerra! Courteener e Delmar! 

BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHH 


Luis: Mais uma grande vitória para os Parceiros de Guerra, a ADW começa a dominar! Moore foi comemorar com eles! Que bonito!


Beja: Tu és cego! Ganharam por batota, o Remédios prendeu os pés do Valente! 

Luis: Só sei que eles ganharam de novo!  


Antes do povo se recuperar dessas emoções, Courteener, pega o microfone e começa a falar. 

Courteener: Podemos dizer que a VLL acabou! A ADW domina isso aqui! E é assim que sairemos daqui! Como campeões! Como Parceiros de Guerra! Então está decretado o fim da VLL!  


Moore SD (mandando um beijinho): Isso é para ti Vini! Depois que eu pegar o teu título, nada restará mais disso aqui! O Courteener está certo! A VLL acabou e nós vamos embora!

Moore, Delmar, Remédios e Courteener hesitam, pois Antonio Andrade aparece com outra pessoa que não é estranha! 

YEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEAAAAAAAAAAAAAAAAHHHHHHH


Beja: Quer dizer, eles não podem! Olha só! Antonio Andrade e GONÇALO FERRAZ!!! 


GONÇALO! GONÇALO! GONÇALO!


Luis: Que absurdo! Esse falhado por aqui de novo! Pensei que tinha me livrado de vez desse fracasso de ser humano!


Os 4 voltam para o ringue, mas Rob Este e Valente estão também por lá e nisso Gonçalo e Antonio também chegam no ringue. Quando todos estão por lá, começou uma grande confusão com os membros da ADW contra Gonçalo, Antonio, Rob e Valente. André Remédios consegue fugir, mas os outros membros estão levando a pior. 


Luis: Isso é uma covardia, 4 contra 3! 


Beja: Isso porque o covarde do André Remédios fugiu! 


Luis: Mas o Remédios não é lutador! Olha só os membros da ADW foram jogados para fora do ringue! Que falta de respeito! 


YEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEAAAAAAAAAAAAHHH


Beja: Enfim... Tu não mudas! Mas por hoje é só, até a próxima semana no Vanguarda 22! 


A transmissão acaba com Antonio, Rob, Alberto e Gonçalo saudando o público, enquanto André Remédios tenta reunir os membros da ADW

  
avatar
Demichelis

Masculino Número de Mensagens : 2383
Idade : 24
Data de inscrição : 22/06/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: VANGUARDA 21# (RTP2) - (20/08/13)

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum