VANGUARDA 18# (RTP2) - (30/07/13)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

VANGUARDA 18# (RTP2) - (30/07/13)

Mensagem por Alm em Ter 23 Jul 2013, 04:28


PAVILHÃO DA VANGUARDA DA LUTA LIVRE, LISBOA

COMBATE PRINCIPAL DA NOITE

TÍTULO SUPREMO EM JOGO
STRAIGHT JOHNY vs. VINÍCIUS NUNES (c)


*****
RICARDO SOARES vs. DIOGO LOURENÇO
BRUNO & COURTEENER (c) vs. JÚNIOR DE BELO & TIAGO PESSOA PARCEIROS DE GUERRA EM JOGO
LASOMBRA vs. TOMMY BROOKS

avatar
Alm

Masculino Número de Mensagens : 4566
Data de inscrição : 01/03/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: VANGUARDA 18# (RTP2) - (30/07/13)

Mensagem por Alm em Qua 31 Jul 2013, 00:59


A Vanguarda da Luta Livre volta ao seu pavilhão em Lisboa. A imagem foca a entrada do edifício, a afiliação mais famosa da VLL, os Verno, encontra-se junto à porta de entrada comentando o que aconteceu no último evento, o Paraíso. Jorge Gante encontra-se vestido uma camisola que diz “Procura a verdade, não o verdadeiro”, enquanto Al veste uma camisola promocional dos Verno.

Quanto a Diogo Lourenço, o jovem de 17 anos, que conseguiu um contrato ao vencer Rob Este, encontra-se com uma camisa preta e umas calças de ganga.


Jorge Gante: Bem, vamos entrar finalmente nesta espelunca como uma família!

Al Gante: Diogo estás nervoso?

A cada dia que passa notasse claramente que Al trata Diogo como um filho.

Diogo Lourenço: Não. É bom estar aqui convosco pessoal! Obrigado por tudo!

Jorge: Ora essa puto. Os Verno são uma família já te disse! E agora que és lutador da VLL vamos dominar! Vai ser uma casa a arder isto.

Al: E nenhum de nós se vai queimar!

Al atira uma garrafa de água para o chão e começa a caminhar para dentro do pavilhão.

Al: Vamos rapazes, tenho de ir à casa de banho!

Jorge: Estas mulheres…

Os Verno começam a entrar na arena, batem a porta e encontram Moore SD e André Remédios encostados a um canto. Diogo Lourenço para, parecendo que protege Al, isto é, colocando-se à frente da esposa de Jorge Gante.

Moore SD: Calma calma!

O milionário ajeita o seu fato, ao levantar-se do contentor onde se sentava e aproxima-se dos Verno. Diogo Lourenço, com cara de poucos amigos tenta intimidar Moore SD.

Moore: Já disse para teres calma!

Jorge: Tipo… baza. Se vens pedir para entrarmos na tua federação de merda… tas sem sorte.

Agora é Jorge Gante que se coloca na frente de Moore SD.

André Remédios: Estamos todos a começar com o pé errado nesta situação…

Al: Os Verno não se alinham com ninguém sem ser com eles próprios e como tu não és daqui é melhor te meteres na rua já!

Diogo Lourenço está a segundos de partir para cima de Moore SD, mas Jorge Gante coloca a mão na frente do seu pupilo.

Jorge: Puto… não faças nada que te arrependas. Mas sim, a Al tem razão. Até podemos ter interesses em comum, mas Moore achas que eu me esqueço de toda a controvérsia? De todas as palavras que disseste sobre mim quando foi o Dinastia dos Guerreiros? Não!

André: Mas isto não é uma proposta do Moore…

O milionário olha para André Remédios com cara de poucos amigos.

Jorge: Não interessa, a resposta é não. E nem pensem em colocar-se no nosso caminho. Porque quem se mete com os Verno não vive para contar…

Gante, a sua esposa e Lourenço começam a caminhar deixando para trás André Remédios e Moore SD que ficam a olhar um para o outro.

André: Não tens medo que o Peter World apareça ai hoje?!

Moore SD continua a olhar para André Remédios com a mesma intensidade, o jovem lutador de Detroit não gostou da forma como o correspondente da Associação Desportiva de Wrestling lhe falou.

Moore: Neste momento, preocupo-me mais contigo que com ele. Porque “isto não é uma proposta do Moore”? Mas que é esta merda?!

André: Calma… calma… Eu posso explicar!

A imagem vai-se afastando da beira dos dois.

*****

A arena do Pavilhão da Vanguarda da Luta Livre aparece na imagem, é a primeira vez que isso acontece desde que a tour da federação começou, pelo sul de Portugal, culimando no “Paraíso”, evento no Brasil.

O público está animado e pronto para ver os lutadores de regresso a casa. A mesa de comentadores, como já tem sido habitual, é composta por Luís Barreira e Diogo Beja!


Luís Barreira: Olá a todos ai em casa! Bem-vindo a mais um evento da Vanguarda da Luta Livre aqui na RTP2. O meu nome é Luís Barreira e ao meu lado tenho o famoso Diogo Beja!

Diogo Beja: Olá pessoal! Bem… regressamos a casa e esta vai ser a minha primeira emissão, neste maravilhoso pavilhão e que evento que teremos hoje…

Luís: É verdade Diogo! Pela primeira vez o título Supremo será defendido num combate de singulares na RTP2!

Beja: É a desforra do Paraíso aqui em direto! Mas há mais! Os títulos de equipas também estarão em jogo! Com o Courteneer e Bruno Alexandre a colocarem os títulos em jogo frente a dois novatos! Será um combate bastante interessante.

Luís: E que me dizes do combate antes do evento principal?

Beja: Para mim é digno de ser cabeça de cartaz por si só!

Luís: Ricardo Soares enfrenta Diogo Lourenço num combate de singulares! Muito se falou deste combate poder acontecer e olhem… será hoje!

*Toca a música Everybody Down, faixa de Tommy Brooks*

Raquel Jacob: Senhoras e senhores, este é o primeiro combate da noite e está marcado para uma derrota, o primeiro a caminho do ringue… vindo de Buenos Aires, Argentina… pesando 97 kgs… TOMMY BROOOOOKS!

Beja: Tommy esteve ontem na Battle Royal e foi eliminado por Courteneer. Ele foi um dos últimos digo-vos já e é um lutador bem forte fisicamente, principalmente porque ele tem treino de futebol americano!

Luís: O gajo apesar de ser de ser nascido na Argentina é Neozelandês pela parte do pai e Português pela parte da mãe! Uma quebra cacos digamos assim.

Beja: Ele hoje vai-se estrear em singulares… mas vai logo estrear-se contra um lutador que ninguém quer enfrentar! Lasombra!

As luzes da arena vão abaixo, o público começa a vibrar…

*Toca a música Wolf Moon, faixa de Lasombra*

YEAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH.


Raquel Jacob: E o seu adversário… pesando 117 kgs… “o Vampiro”, “a Besta”… “a Sombra”…. LORD LASOOOOOOOOOOOOOMBRA!

Luís: No Paraíso este gajo destruiu Kevin Gunn partindo-lhe a perna, colocando aliás Gunn fora da equação.

Beja: Não digo que aprovo a situação em si, mas o Gunn à muito que merecia ter um tratamento especial, mas não tinha de ficar no estado que ficou obviamente.

Luís: O quê? Este gajo é um atentado à humanidade e vocês tratam-no como um ídolo! É isto que eu não entendo.

Lasombra caminha lentamente, chega à borda do ringue e levanta o punho direito, fazendo com que a iluminação do pavilhão volte ao normal, vemos algum sangue a escorrer pela boca.

Beja: O público apoia Lasombra porque ele segue o que diz e porque é um “justiceiro”.

Luís: Por amor de Deus! O gajo vem a deitar sangue pela boca… Que anormalidade Diogo! Esse gajo fora daqui é abatido a tiro pela polícia por canibalismo!

Beja: Não sejas idiota sim! Tommy está bastante intimidado com Lasombra, mas ainda assim estica-lhe o braço tentando cumprimentar o misterioso lutador.

*Soa a campainha*


Adelaide Rodrigues encontra-se no ringue, ela inspeciona Tommy Brooks, procurando por objetos ilegais e depois inspeciona Lasombra. O combate começa com os dois a medirem forças no centro do ringue, Lasombra ganha a frente e prende um hold bem poderoso na cabeça. Tommy é enviado as cordas, volta na direção do vampiro, Shoulder Block!

Tommy está no chão Leg drop por parte de Lasombra. Brooks rebola para as cordas e sai do ringue. Ele fica com a cabeça encostada na borda, Lasombra aproxima-se e puxa-lhe os cabelos. A oficial avisa que Lasombra não pode fazer isso, ou seja, ele enfrenta uma desqualificação, mas ainda assim puxa Brooks para dentro do ringue. O jovem é apanhado num DDT.

Lasombra diverte-se ao destruir este jovem. Mas Tommy, ao ser levantado novamente, demonstra uma enorme vontade de vencer aplicando vários socos de direita, Lasombra começa a vacilar… voltando para trás… Ele pega em Lasombra… Powerslam! Mesmo no centro do ringue. Tommy Brooks não perde tempo e vai para o cover… 1… Mas Lasombra safa-se.

Tommy levanta Lasombra, tentando não perde o impacto… Mas Lasombra revira os olhos como se acabasse de acordar… Rolling Elbow por parte de Lasombra, mas falha! Tommy foge para a parte de trás. Cover rápida… 1…2…3… Tommy Brooks vence surpreendentemente o misterioso Lasombra!


Raquel Jacob: Senhoras e senhores… o vencedor deste combate… Tommy Brooks!

YEAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH.

Beja: Bem isto eu nunca esperava! Lasombra perde para o novato Tommy Brooks! Nem o mesmo quer acreditar!

Luís: É certo que Lasombra adora impingir dor no seu adversário. Mas hoje acabou por não conseguir o mais importante… Vencer!

Beja: Repara… Tommy Brooks levanta-se e aproxima-se de Lasombra tentando-o cumprimentar.

Luís: Lasombra diz algo, não consegui perceber muito bem… e deixa o ringue, depois de dar uma palmada nas costas de Brooks.

Beja: Certamente que ele achou que Tommy foi corajoso o suficiente e na realidade foi. Aquele Powerslam foi bem aplicado, mas certamente que Lasombra, lá no fundo, está furioso por ter perdido este combate!

Luís: Bem, vamos até aos bastidores, onde temos o antigo campeão Supremo… Straight Johny!

*****

A imagem mostra a zona de entrevistas onde Straight Johny, o agora antigo campeão Supremo, se encontra junto a Pedro Lombarda com cara de poucos amigos. Ele já se encontra pronto para competir, isto é, com o seu equipamento de competição.

Pedro Lombarda: Olá pessoal, estou aqui com o antigo campeão Supremo…

Straight Johny retira o microfone da mão de Lombarda e empurra-o para o lado.

Straight Johny: Tenho estado a remexer com este pensamento na minha cabeça desde que o meu título saiu desta cintura.

A imagem aponta para a cintura do lutador de Castelo Branco.

Johny: Hoje vou recuperar o meu título isso é certo! Não vou falar de sorte ou de azar no combate contra o Vinícius no Brasil. Foi um grande combate, talvez o melhor da história da VLL.

A imagem volta a apontar para a cara Johny.

Johny: O meu objetivo é tornar-me pela segunda vez o campeão Supremo desta empresa e retirar o Vinícius da equação para sempre. E serei campeão aqui na VLL pela terceira vez! Isso mesmo, aliás eu sou o único que já teve dois títulos nesta federação!

O lutador faz o gesto do número dois com os dedos da mão direita.

Johny: E ainda assim dizem que eu não sou suficientemente bom para estar aqui. Que não sou suficientemente bom para levar o título Supremo todos os dias para casa. Isso é inveja. Inveja da minha pessoa, do meu ser. Enquanto o Vinny é apanhado na noite eu sou apanhado a fazer o quê? Talvez a treinar, talvez a cultivar a minha mente…

A imagem agora foca mesmo só a cara de Johny.

Johny: Eu sou o melhor lutador da história da VLL!

*****

Vemos os Parceiros de Guerra, David Soares Courteener e Bruno Alexandre, a caminhar para o ringue, prontos para o combate que terão a seguir, o primeiro enquanto equipa em si, no entanto ambos vão a discutir.
avatar
Alm

Masculino Número de Mensagens : 4566
Data de inscrição : 01/03/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: VANGUARDA 18# (RTP2) - (30/07/13)

Mensagem por Alm em Qua 31 Jul 2013, 01:00

*****

A imagem passa para outro lado do pavilhão onde vemos Américo Amorim, o presidente da VLL, que apareceu pela última vez num evento da federação no dia 16 de Abril deste ano. Ele encontra-se dentro do escritório de Lucas Brandão sentado na secretária do supervisor-geral.

O público recebe-o com grande ovação na arena, visto que eles observam tudo no titantron.

Batem à porta, mas nem esperam pela resposta, quem bateu entra logo. É Jack Neville, o tradutor de Kevin Gunn, que teve a perna partida à custa de Lasombra. Ele não vê Lucas Brandão e observa Américo Amorim incrédulo, não contava certamente com a presença do presidente.


Jack Neville: Desculpe senhor… Enfim! Que burro eu! Acho que ainda não nos tínhamos conhecido… O meu nome é Jack Neville, sou o tradutor oficial do lutador Kevin Gunn!

Jack aproxima-se da mesa, cumprimentando rapidamente o presidente da VLL.

Jack: Não sabe onde posso encontrar o Lucas?

Américo Amorim: Por acaso sei, em Paris, ele foi lá tratar de uns assuntos que o mesmo classificou de pessoais. Por isso… pode-se fazer à estrada.

Américo Amorim sorri… Ironicamente claro, visto que ele estava apenas a “pegar” com Neville, que entendeu perfeitamente essa piada e também esboçou um sorriso, mesmo não tendo gostado da brincadeira, mas pronto, é o presidente… temos de agradar.

Jack: Deixe lá… Mas acho que este assunto pode ser resolvido por si. Certamente que viu o “Paraíso”!

Américo: Claro jovem! Que precisas?

Jack: Como sabe o Gunn teve a perna partida, ele nem está cá hoje, à custa do Lasombra! Por isso alguma coisa tem de ser feita! O “freak” tem de pagar!

Américo Amorim fica a olhar para Jack durante alguns segundos…

Américo: A única coisa que eu posso fazer é… marcar um combate quando o Gunn voltar… contra o Lasombra!

Jack: Enfim, desculpa falar assim… mas esta dualidade de critérios mata-me! Se fosse ao contrário queria ver!

Américo: O combate era sem desqualificações homem!

Jack: O combate já tinha acabado!

Américo: Eu não tenho culpa, o Kevin Gunn é que puxou pelo Lasombra, vai negar isso?

Jack Neville fica atrapalhado e vira costas.

Jack: É impossível falar com o pessoal desta federação! Vou-me embora.

Américo Amorim fica apenas a ver, sem reação e sem se preocupar muito com a situação.

Jack Neville bate a porta e a imagem foca Américo Amorim até desvanecer.


*****

Raquel Jacob: Senhoras e senhores o próximo combate está marcado para uma derrota e é pelo título “Parceiros de Guerra”! No ringue com um peso combinado de 211 kgs… Tiago Pessoa e Júnior de Belo!

Luís: Estamos de volta aqui à zona de ação onde os adversários dos Parceiros de Guerra já se encontram prontos para combater!

Beja: Adoro ação de “tag-team” e ainda bem que os títulos voltaram! Foi uma grande medida por parte do nosso supervisor-geral Lucas Brandão. Mas pergunto-me será que ele foi a Paris por causa da conversa que ouvimos no Paraíso?

Luís: Certamente, ele está apostado em surpreender tudo e todos, por isso vamos lá ver como corre o que ele planeia. Estes dois estiveram na batalha real, onde também Courteneer e Bruno Alexandre estiveram. Ou seja já se prepararam anteriormente para se enfrentarem.

Beja: Ou pelo menos é o que se espera, que se tenham preparado.

*Toca a música Final Countdown, faixa de Bruno Alexandre*

Raquel Jacob: E os seus adversários… os “Parceiros de Guerra”… pesando ao todo 176 kgs… A equipa de David Soares Courteener e Bruno Alexandre!

Luís: Eles pelo menos não estão a descer a rampa a discutir!

Beja: No entanto também não parecem muito conectados para fazerem uma equipa. Mas é caso para ver o que eles vão fazer.

Bruno Alexandre entra no ringue com o título na mão, fazendo alto alarido, enquanto Courteener entra calmamente, quase que ignorando Bruno Alexandre.

Luís: Sem dúvida que vai dar muito gozo ver estes dois a tentarem coexistir!

*Soa a campainha*


Jorge Mesquita, o árbitro para este combate, fala com as duas “equipas” tentando descobrir quem irá começar este combate. Do lado dos campeões Bruno oferece-se e Courteener não diz que não. Do outro lado é Tiago Pessoa que entra.

Bruno abre os braços no ar, procurando que Tiago o siga, o que o mesmo faz… começa então um jogo de forças, mas rapidamente Bruno o quebra, calcando o jovem Pessoa. O público vaia Bruno, que aplica um Enzuigiri! Tag feito com David, que entra logo a enfiar uma joelhada na cara de Tiago… Passando depois a calcar várias zonas do corpo de Tiago, parando nas pernas onde faz um pequeno lock.

Tiago arrasta-se para o seu parceiro, mas Bruno entra e envia uma cotovelada em Júnior, que vai parar ao chão. O público vaia cada vez mais os campeões. O árbitro começa a avisar Bruno Alexandre que não pode fazer essas coisas. Os ombros de Tiago Pessoa ficam no chão… 1... Mas ele levanta-se logo. David larga a manobra e dá uma joelhada na cara levanta Tiago e front Backbreaker!

Cover… 1…2… Tiago safa-se! Courteener faz o tag com Bruno, que entra a disparar, atirando Tiago as cordas, ele regressa… Dropkick! Tiago está a ser massacrado, ainda para mais isolado do seu companheiro neste combate Júnior De Belo, que pede no canto para que este faça o tão desejado tag.

Tiago começa a rastejar, mas Bruno apanha-o e dá-lhe um pontapé na barriga. Bruno glorifica-se deste ato, que acaba de cometer e levanta os braços, o público vaia-o. Ele coloca-se em frente a Tiago e dá-lhe uma chapada. O público não gosta e até David Soares Courteener reprova o ato! Os campeões não se entendem. Bruno Alexandre vira-se para trás e diz para David tomar conta da sua vida.

Isso abre uma “porta” para Tiago Pessoa que consegue fazer o tag, enquanto os campeões discutem! Júnio de Bela entra rapidamente e parte logo para cima de Bruno Alexandre, começando a massacrar com murros nas costas. Ele levanta o adversário, enorme demonstração de força, atira-o ao ar e quando este vai a cair… uppercut! Júnior sobe ao canto.. Bruno começa a levantar-se… Missile Dropkick!

Cover 1…2… Bruno safa-se! Courteener está furioso, pedindo o tag! Bruno rasteja para lá, mas Júnior não o deixa chegar. Mas Bruno coloca o dedo no olho de Júnior, que fica atormentado. David Soares entra dentro do ringue começando a socar Júnior, Bruno não sai do ringue e vai ajudar o seu parceiro! Tiago Pessoa fica farto e também entra. Autêntica brawl dentro do ringue.

Tiago Pessoa envia Bruno Alexandre para fora, corre nas cordas e Suicide Dive! Fica Courteener no ringue com Júnior de Belo, o árbitro está distraído golpe baixo de David, que faz com que o adversário fique de gatas… BLACKOUT! Submissão poderosa no centro do ringue. A pressão no pescoço é tão grande… O árbitro vira-se… Júnior desiste!


Raquel Jacob: Os vencedores deste combate e ainda Parceiros de Guerra… David Soares Courteener e Bruno Alexandre!

BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUH.

Beja: Repara, Bruno Alexandre entra no ringue com os títulos na mão e é empurrado!

Luís: Estes dois tornaram-se campeões no Paraíso, mas a coisa não está lá muito famoso, as divergências são enormes.

Beja: Courteener não gostou que Bruno brincasse e avisa-o disso.

Luís: Acho que nunca vi dois lutadores tão diferentes a serem campeões de equipas como estes dois. Bruno já está no canto a festejar enquanto David deixa o ringue…

Beja: E nós vamos deixar a arena por breves momentos, para irmos até aos bastidores, onde temos… nada mais nada menos que Sebastião Fonseca e Big Bison Maniac!

******

A imagem foca Bison com o seu manager. Sebastião está pronto para fazer a parte que o compete, falar, enquanto Bison apenas se encontra de braços cruzados a seu lado. Sebastião está cum um polo, enquanto Bison tem um casaco de cabedal vestido.

Sebastião Fonseca: Mais uma derrota para Bison, não é suposto esta aberração, como muitos dizem, ser a fonte dominante desta federação?!

Bison mexe os lábios de forma sádica.

Sebastião: Eu respondo-vos… é! A razão pela qual não é? Essa não sei como vos explicar! A verdade, dura e crua da situação… é que Big Bison Maniac não é como os outros. E se prometemos impacto é isso que vamos fazer.

Big Bison Maniac: Destruição!

O berro de Bison entoa várias vezes…

Sebastião: Fui informado pelo Américo Amorim no início desta emissão que o meu cliente irá enfrentar o Per. Nada melhor que bater num incompetente como ele para voltar ao rumo que delineamos para nós. E uma coisa é certa… vai ser preciso ser-se muito Valente, para se entrar no ringue com este novo Bison!

Naquele local, escuro e sombrio, Bison retira o casaco e mostra o braço, fazendo força para se ver o músculo!

Sebastião: Dominante!

A imagem começa a desvanecer…

*****

A imagem informa-nos que este vídeo é gravado horas antes do evento começar.

O campeão Nacional Henrique Coelho surge na imagem, sempre acompanhado pela sua camisola de promoção aos Açores. Ele senta-se numa esplanada, ao chegar ao local e o empregado aborda-o. Não conseguimos ouvir, pois a câmera ainda continua a caminhar na sua direção até que para na sua frente.


Henrique Coelho: Olá meus bassards!

Henrique retira a carteira do bolso e coloca-a em cima da mesa.

Henrique: Os desafios começam a ser poucos… Por isso hoje decidi tirar folga.

Henrique, que se encontrava com uns óculos de sol retira-os da cara colocando-os em cima da mesa.

Henrique: Nada como voltar a ouvir bom português…

O discurso para… ele percebe que algo está errado.

Henrique: Bom português? O quê? Será que estou bem?! Será que estou nos Açores? Não… Estou a ficar tolo! Bom português aqui? Aqui é tudo como lá na terra do calor insuportável. Mas sempre é melhor estar aqui, que se precisar estou mais facilmente na grande ilha de S. Miguel!

O empregado chega e coloca um café em cima da mesa.

Henrique: Este café é um nojo total!

Cospe no chão.

Henrique: Enfim! Isto tudo para dizer que para a semana colocarei o meu título em jogo… contra quem quiser aparecer, tem é de ser Português não é? Por isso não há muitas escolhas em cima da mesa…

O campeão Nacional cruza a perna.

Henrique: Fico à espera bassard!

A imagem começa a desvanecer enquanto ele chama o empregado, mais uma vez.


Última edição por doherty em Qua 31 Jul 2013, 05:42, editado 1 vez(es)
avatar
Alm

Masculino Número de Mensagens : 4566
Data de inscrição : 01/03/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: VANGUARDA 18# (RTP2) - (30/07/13)

Mensagem por Alm em Qua 31 Jul 2013, 01:03

*****


A imagem mostra a bela cidade de Paris, na França, onde Lucas Brandão se encontra num café, onde temos a famosa Torre Eiffel no fundo. A seu lado encontra-se um jovem vestido de forma bastante elegante o jovem tem sotaque francês mas fala português fluentemente.

??? As minhas condições são as seguintes, quero uma oportunidade pelo título…

Lucas Brandão: Não posso fazer isso! Tens noção do que me pedes?!

O jovem levanta-se e pega num caderno que estava em cima da mesa, provavelmente o contrato do mesmo para com a Vanguarda da Luta Livre e coloca-o debaixo do braço.

??? Assim sendo não temos mais nada para falar. Passar bem.

A imagem mostra apenas Lucas Brandão bastante cabisbaixo e completamente desanimado com o que acabou de acontecer ali.

*****

Voltamos aos bastidores, onde Vinícius Nunes, o novo campeão Supremo chega à arena, com o título na mão direita e o saco de desporto na esquerda, ele é logo interpelado pelo lutador Rob Este que se encontra junto a Alberto Valente.

Rob Este: Finalmente chegaste.  

Vinícius Nunes: Cara tava um transito… vou-te contar pensei que nunca mais!

Vinícius olha para o título Supremo, enquanto Rob parece preocupado com algo.

Rob: Temos de ir ter com o Ricardo, Alberto!

Vinícius: Qual é cara?

Valente: O combate do Ricardo com o Diogo é já a seguir!

Vinícius coloca o título em cima de uma mesa, que tinha ali perto e joga o saco no chão. Enquanto dá um soco, a brincar, em Rob Este.

Vinícius: Você tem de mudar essa forma de pensar e falar! Sempre esquentado. E vai levar o Alberto nessa onda consigo!

Rob: Desta vez nada pode falhar.

Vinícius: Por favor… todos nós vimos como o Lourenço ganhou quando o enfrentou. Você teve melhor que nunca. Foi uma luta muito dura. Eu gostei do que vi de você! Acredito que tem poderio para ganhar da próxima… Por isso cara relaxe! Consigo e com Valente lá no ringue os Verno não irão tirar proveito!

Valente: Isso é verdade Vinícius!

Nisto aparece Yuri Petrov, meio alunado com o seu telemóvel na mão.

Vinícius: Olá Yuri. Como vai?

Yuri Petrov: Desculpa… antes de mais parabéns! Que tavas a dizer?!

Yuri retira os fones dos ouvidos. Ele encontra-se vestido à civil, aliás não tem combate hoje.

Vinícius: Apenas perguntando como vai isso. Mas quer saber a melhor? Rob ta achando que as derrotas é tudo culpa dele e que não presta.

Rob: Eu não disse isso…

Yuri começa a falar interrompendo Rob.

Yuri: O quê?! Ele é tolo! Foi o melhor combate da carreira dele aqui na VLL, aquele com o Diogo! Eu só ainda venci um combate e olha…

Rob: Mas tu ganhaste um combate relativamente importante. E eu? Nem me lembro qual foi a última vez que venci!

Yuri: Viste o que disse o Henrique à pouco? Porque não o desafias outra vez?

Vinícius abana com a cabeça de forma “afirmativa”, como se apoiasse a decisão.

Rob: Não, eu vou pensar bem na minha vida… vamos lá ver o que acontece.

[bValente:[/b] Se tu passas… vai ficar para mim Rob, mas mais logo trato disso!

Vinícius: Boa sorte caras! Mande um abraço a Ricardo!

Rob começa a afastar-se depois de cumprimentar os dois lutadores. Alberto segue-o. Há alguns segundos em que não se diz nada, até que Yuri olha para o título Supremo e Vinny decide intervir.

Vinícius: Você está olhando para o meu título. Fica sabendo que gostaria de te enfrentar um dia destes!

Yuri: Isso era uma honra para mim… mas acho que ainda é cedo, há mais gajos na lista que poderiam facilmente destruir-me.

Vinícius: Você fala do Moore SD?!

Ambos começam a rir.

Vinícius: Cara agora tenho de me ir preparar para o meu combate de mais logo, fica.

Yuri: Boa sorte.

A imagem começa a desvanecer, enquanto Vinícius vai embora e Yuri coloca os seus fones nos ouvidos mais uma vez, caminhando para o exterior do pavilhão.

*****

A imagem volta à arena. O público está bastante “acesso”, vários cartazes, principalmente a incentivar Vinícius, mas também outros lutadores como Alberto Valente e Ricardo Soares, este último que irá lutar já de seguida.

*Toca a música War of Change, faixa dos Verno*

BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUH.


Raquel Jacob: Senhoras e senhores… o próximo combate está marcado para uma derrota. O primeiro a caminho do ringue, acompanhado por Al Gante, ele é membro dos Verno… DIOGO LOURENÇO!

Luís: Bem que estranho Jorge Gante não vir ao ringue com o seu discípulo… Enquanto Al vem!

Beja: Certamente que isto tem um truque na manga. Este Gante é esperto…

Luís: Ui. Tu a falares bem de um membro dos Verno?!

Beja: Acredita que não digo isto pelo lado positivo…

Diogo Lourenço entra no ringue Al  aplaude, junto à borda.

Luís: Este Diogo é um sortudo, com 17 anos já se encontra na maior federação de Wrestling Europeia…

*Toca a músca Kashmir, faixa de Ricardo Soares*

YEAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH.


Raquel Jacob: E o seu adversário… vindo Londres, Inglaterra… pesando 110 kgs… “Good Old Ricky”… RICARDO SOOOOOOOOOOOOOOARES!

Beja: Bem… este será apenas o segundo combate de Ricardo aqui na Vanguarda da Luta Livre, mas uma coisa é certa… ele já meteu todo a federação a mexer! E olha… Ele vem com uma camisola de Kevin Gunn o seu compatriota!

Luís: E olha, tal como ele disse… vem acompanhado por Alberto Valente e Rob Este. Desde a Academia Nacional de Wrestling, até à Vanguarda em si… Ricardo é tópico constante aqui do pessoal. Sabem bem que a experiência dele é bastante e que se o abaterem abatem tudo!

Beja: Provavelmente é isso que Lourenço vai tentar hoje, mandar Ricardo abaixo para assim conquistar definitivamente o respeito de todos! Vamos lá ver é se o faz limpo!

Luís: Beja, lá estás tu! Ainda para mais esta aqui o Rob e o Valente, achas que algo vai acontecer?!

Ricardo entra no ringue, depois de cumprimentar alguns fãs fora do mesmo e sobe ao canto batendo palmas. Diogo Lourenço saiu, juntando-se a Al e ambos falam um com o outro. Rob Este e Alberto Valente aproximam-se dos dois elementos do Verno.

Beja: Mal posso esperar para que este combate comece! Telespectadores pela primeira vez teremos Ricardo Soares em direto em sinal aberto aqui em Portugal! Mais uma vez a RTP2 a trazer história a todos os que nos acompanham!

*Soa a campainha*


Marcos Mendes, o árbitro para este combate, já se encontra no ringue. Diogo Lourenço entra, bastante calculista… enquanto Ricardo Soares está no seu canto. O árbitro dá sinal que está tudo pronto para o início.

Ricardo Soares, o veterano treinador da ANW, aproxima-se de Diogo Lourenço, tentando cumprimenta-lo, mas o jovem é temperamental e parte logo para uma chapada. Várias chapadas fazem com que Soares perca o equilíbrio, no entanto este vai contra as cordas e fica de pé. Diogo apanha-o, coloca-se a seu lado e Russian Leg Sweep.

Cover…1… Soares safa-se. Al puxa por Diogo e manda-o ir até ao canto, onde o jovem consegue criar mais impacto. Lourenço sobe, espera que Soares se levante e Diving Crossbody! Diogo levanta-se puxa por Soares, que continua a ser massacrado, e atira-o as cordas, mas Soares dá meia volta e envia Lourenço. No entanto o jovem passa por baixo do aprendiz, continua nas cordas e… Flying Foream Smash!

O impacto continua todo do lado do jovem de Tomar, com Al Gante a ser a única a puxar por ele em toda a arena. Ricardo Soares está no chão. Diogo vai para a cover…1…2… O veterano inglês levanta o ombro esquerdo. Diogo levanta-o e começa a dar-lhe socos na zona do abdómen mas Ricardo Soares consegue contra-atacar com uma cabeçada. Diogo fica meio tonto, mas também Soares… ambos separam-se por uns segundos, a experiência do “Good Old Ricky” vem ao de cima e este aplica um Low-Angle Dropkick! Lourenço fica de joelhos. E joelhada de Ricky na cabeça de Lourenço.

Cover…1…2… Lourenço safa-se! Al Gante apanha um susto enorme neste preciso momento. Ricardo Soares começa a controlar prendendo um leg lock no centro do ringue, depois de puxar Diogo que se encontrava demasiado perto das cordas. O jovem dos Verno começa a queixar-se de dores intensas, Ricardo prende a manobra cada vez mais forte. Al bate com as mãos na borda pedindo para Diogo não desistir! E ele não desiste, o poder de resistência do jovem é enorme, que começa a rastejar para o canto. Mas este para de “lutar” e deixa as costas caírem no ringue, o árbitro aproxima-se… 1…2…2,5…

Diogo Lourenço levanta o ombro depois de parecer “apagado” e começa a rastejar com mais intensidade! Al empurra as cordas do ringue para dentro e Diogo agarra a corda inferior! O público fica frustrado e irritado com esta ação da mulher de Jorge Gante. O árbitro avisa Al que não pode tolerar este tipo de ação, Diogo Lourenço aproveita para enfiar um golpe baixo em Ricardo Soares, o veterano cai ao chão, o árbitro nada viu e vira-se… Cover por parte de Diogo Lourenço! Al Gante começa a festejar! 1…2…2,7…

Ricardo Soares safa-se, o público vai ao rubro! Al Gante não quer acreditar no que vê. Diogo Lourenço no entanto não perde tempo e levanta Ricardo, que se encontra meio “falecido”, ele apenas se safou por instinto. Diogo pega em Ricardo, fazendo alto esforço e coloca-o no ar… corre um pouco com ele dentro do ringue, até ao canto e Turnbuckle Powerbomb! Ricardo Soares fica no chão! Al acredita que agora é o fim! Diogo sobe ao canto. Al sobe à borda… Dá-lhe um beijo na cara… Diogo perdeu demasiado tempo neste movimento! Corkscrew 450 Splash!

Mas falhou! Ricardo Soares rastejou para o lado! Diogo Lourenço ficou com a barriga bem espalmada no centro do ringue. Ricardo levanta-se com a ajuda das cordas. Ricardo está já de pé e Al Gante sobe à borda, Alberto Valente e Rob Este aproximam-se e começam a intimidar a jovem esposa de Jorge Gante… Diogo levanta-se. O árbitro avisa para os três saírem… Jorge Gante aparece vindo do público com uma cadeira na mão e acerta nas costas de Ricardo Soares! O árbitro vê! E desqualifica Diogo Lourenço.


*Soa a campainha*

Raquel Jacob: O vencedor deste combate… por via de desqualificação… Ricardo Soares!

Luís: Os Verno são uma família e como família que são nunca abandonam ninguém! Mesmo que se pense o contrário!

Beja: Jorge Gante a estragar este belo combate! Mas de onde é que ele veio?! Alberto Valente e Rob tentam apanhar Al, mas ela corre para a barreira.

Luís: Isto é genial! Ricardo está no meio do ringue completamente arrebentado, o homem deu tudo o que tinha neste combate do nada foi ganhar forças extras e Jorge entra e acaba com todo o impacto. Genial!

Beja: Genial? Isto é uma treta Luís! Os Verno mais uma vez fazem das suas e mais uma vez contra o Ricardo! O que é que o homem fez?!

Luís: Vai ver os vídeos dos Verno vai! Suicide Dive por parte de Diogo Lourenço enviando Rob ao chão!

Beja: Al entra no ringue com outra cadeira… Olha… Valente entra para salvar Ricardo Soares. Esta associação entre Rob, Valente e Soares é mesmo para valer!

Luís: Os Gante deixam o ringue! Não! Eles podiam abate-lo ali! Diogo levanta-se depois de aplicar o Suicide Dive e vai ter com os seus “padrinhos”. Enquanto Alberto e Ricardo vão ter com Rob!

Beja: Mas uma coisa ficou bem presente, o que eles querem é o Ricardo Soares, nada mais.

Ricardo e Valente levantam Rob Este do chão.

Luís: Repara na cara de insatisfação de Jorge Gante, aposto que estes três vão pagar mais cedo ou mais tarde!

Beja: Isso não saberemos agora! Voltamos já depois de um pequeno intervalo! Não percam o evento principal que teremos hoje. O título Supremo será defendido num programa televisivo pela primeira vez, num combate singulares! Não percam!

A imagem começa a desvanecer com os Verno a subir a rampa de acesso aos bastidores.

*****

A imagem mostra os Parceiros de Guerra, no seu balneário pessoal, onde eles terminaram de tomar banho e se preparam para sair do edifício.

Bruno Alexandre: Espero que não me voltes a humilhar em frente a todos, aliás espero que não me voltes a humilhar de qualquer forma mesmo!

David Soares Courteener: Tu só podes estar na tanga, nós íamos perdendo o título na primeira defesa, por tua causa, por causa da tua estratégia falhada e és nabo o suficiente para teres este comportamente? Eu salvei-te! Aliás a tua carreia dentro da VLL até agora tem sido feita à minha custa!

Existe um pequeno confronto visual entre ambos, até que batem na porta.

Moore SD: Desculpem estar a chatear a vossa pequena festa…

Moore SD entra com André Remédios no balneário dos campeões.

André Remédios: Bem, porque não vou logo direito ao assunto?

Moore: Força!

Remédios: É o seguinte, como sabem vai abrir uma nova federação, a Associação Desportiva de Wrestling, num canal concorrente à RTP!

Bruno: Sou-te sincero pah! Se pagares mais…

Courteener puxa pelo braço de Bruno Alexandre com força e faz um sinal com a cara de como “Que tas a fazer?”

Remédios: Isso do preço… para já não é problema.

Bruno: Por mim temos contrato…

Courteener: Mas tu és tolo?! Nós somos os campeões daqui! Vais matar a nossa oportunidade de ir para o topo?

Courteener coloca-se em frente a Bruno Alexandre, com Moore SD e André Remédios a ficarem atrás.

Moore: Pelo que estive a ler e a perguntar isso não é problema. Os títulos nunca são propriedade de uma federação, eu posso simplesmente pegar nesses títulos e coloca-los como títulos da Associação Desportiva de Wrestling!

Bruno: Vês?!

Remédios: Bem eu vou deixar-vos pensar. Qualquer coisa e sabem onde nos contactar!

Moore SD e André Remédios deixam o balneário onde se encontravam e dirigem-se para o corredor principal.

Moore SD vai a falar com André sobre o que acabou de acontecer e encontra-se bastante confiante até que fica completamente pálido. Mas não conseguimos ver do que se trata, visto que a imagem foca a cara dele.

Um vulto começa a aproximar-se, mas Moore nem se consegue mexer até que vemos uma mão a dar uma pequena chapada na cara do milionário.


??? Tiveste saudades minhas?!

Peter World aparece na imagem! E começa a socar Moore SD, mas André Remédios coloca-se nas suas costas, dando tempo para o milionário fugir! No entanto Peter World atira André Remédios para o chão, nem se preocupando mais com ele e corre atrás de Moore SD.

A imagem desvanece assim.
avatar
Alm

Masculino Número de Mensagens : 4566
Data de inscrição : 01/03/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: VANGUARDA 18# (RTP2) - (30/07/13)

Mensagem por Alm em Qua 31 Jul 2013, 01:04

*****

A imagem foca Vinícius Nunes, o campeão Supremo, momentos antes de se dirigir para o ringue, para enfrentar, mais uma vez, Straight Johny.

Ele já se encontra equipado para competir.


Pedro Lombarda: Olá a todos. Estamos aqui junto à cortina que dá acesso para a zona de ação com Vinícius Nunes, o novo campeão Supremo! Bem Vinny, tu vais defender agora o teu título contra o antigo campeão. Esperas que este reinado seja longo ou há a possibilidade de ser sol de pouca dura?

Vinícius Nunes: Pedro eu vou ser sincero, tudo pode acontecer na VLL. E sinceramente esta vida de lutador é difícil. Straight Johny podia estar mais fraco no Paraíso e hoje estar pronto para tudo, mas uma coisa é certa. Eu vou dar tudo por tudo.

Lombarda: E relativamente a António? Ele apareceu no Paraíso. Vai voltar?

Vinícius faz uma pequena pausa para ajeitar o título na cintura.

Vinícius Cara não faço ideia! Isso não é comigo, querem saber falem com António, ainda que eu tenha tentado mudar as ideias dele. Parece no entanto que o cara quer ficar pelo Brasil mesmo, ensinando das crianças filosofia.

Lombarda: Certamente que saberemos mais dele no futuro! A ti resta desejar-te boa sorte!

Lombarda cumprimenta Vinícius, que faz um pequeno movimento de ombros e vai em direção à cortina.

*****

Um pequeno placar, no canto inferior direito, diz que esta mensagem foi gravada à minutos atrás.

Vemos Alberto Valente a sair da arena, bastante furioso, provavelmente pela forma como as coisas terminaram no combate de Diogo e Ricardo, ele saí vestido formalmente e com um telemóvel na mão.


Alberto Valente: Depois do que aconteceu hoje as coisas vão ter de mudar aqui na Vanguarda da Luta Livre, ia passar algum tempo com a minha menina, mas esta visto que esta federação se encontra cheia de injustiças. Hoje aconteceu uma, mas para a semana prometo uma coisa… Henrique Coelho vais ficar sem o título Nacional!

Alberto continua a andar até que deixa a arena entrando no parque de estacionamento do pavilhão, onde este se aproxima de um carro.

Valente: Acabei de falar com o presidente Américo Amorim e amigos… para a semana teremos uma desforra do “Paraíso”!

Valente abana com a cabeça em sinal afirmativo.

Valente: Isso mesmo pessoal! Alberto Valente enfrenta mais uma vez Henrique Coelho pelo título Nacional! Justiça será feita… finalmente!

Alberto que já se encontrava sentado, levanta a perna e fecha a porta ligando o carro, até desaparecer. A imagem continua a grava-lo durante uns segundos até que começa a desvanecer.

*****

A imagem volta à zona de ação onde Luís Barreira e Diogo Beja se encontram para comentar o último combate da noite, a agitação no público é visível com vários cartazes de apoio ao novo campeão, Vinícius Nunes, mas será que o mesmo conseguirá mante-lo frente ao homem de onde o tirou passado uma semana?

Luís: Bem este público está ao rubro!

Beja: Quase que faz lembrar o Paraíso, a nossa legião de fãs aqui por Lisboa continua a crescer e uma coisa é certa… mais ninguém leva este tipo de ação até vossa casa como a VLL!

Luís: Em breve vamos ter concorrência não é? Mas isso nunca será a VLL!

*Toca a música Movement, faixa de Straight Johny*

BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUH.


Raquel Jacob: Senhoras e senhores este combate é pelo título Supremo! O primeiro, a caminho do ringue, vindo de Castelo Branco, ele é o candidato… pesando 90 kgs… STRAIGHT JOOOOOOOOOHNY!

Beja: Straight Johny certamente que desde que perdeu o título que não se encontra nos seus melhores dias! Mas a decadência do antigo campeão começou bem mais cedo.

Luís: No entanto aquela vitória sobre Frederico de Queirós não deixou sombra para dúvidas! Ele a certa altura foi o melhor que aqui tivemos.

Beja: Mas já não o é e a forma como ele desce a rampa, bastante irritado denota isso mesmo!

Straight Johny entra no ringue e manda calar o público com o indicador junto à boca, mas isso leva apenas a que as pessoas se irritem ainda mais.

Luís: São todos uns mal educados aqui!

*Toca a música “Até Quando?”, faixa de Vinícius Nunes*

YEAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH.


Raquel Jacob: E o seu adversário… vindo de Salvador da Bahia… pesando 130 kgs… ele é o Campeão Supremo da Vanguarda da Luta Livre! VINÍCIUS NUUUUUUUUUUUUUUUUUUNES!

Beja: Reparem na vibração que vai nesta arena! Vinícius Nunes é aplaudido de pé por todos!

Luís: Com o Straight Johny, que deu tanto à casa, que ta aqui desde o primeiro dia… não fizeram isto!

Beja: Talvez porque as ações do mesmo não sejam para tal, não sei, digo eu!

Vinícius entra com o título na cintura mas a meio da rampa coloca-o no ombro e cumprimenta várias pessoas na plateia.

Luís: Aqui podem ver pessoal! O Hulk Hogan da VLL! Que fascinante! Que original!

Beja: Não sejas idiota!

Luís: Vinícius entra no ringue e ainda tem a audácia de cumprimentar Straight Johny!

Beja: Audácia? É apenas fairplay man!

*Soa a campainha*


Afonso Martins pega no título Supremo e eleva-o bem no alto, mostrando que hoje o que interessa, mais uma vez, é o magnifico título da VLL.

Straight Johny e Vinícius começam o confronto com um jogo de forças no centro do ringue que Vinícius, obviamente vence. Straight Johny fica de joelhos no ringue e coloca a mão na boca limpando um pouco do suor que já escorre. O calor dentro do pavilhão por esta altura é enorme, ele sabe que ou vence hoje ou provavelmente não volta a enfrentar Vinícius enquanto este for campeão, com o título em jogo.

Johny levanta-se cuidadoso. Vinícius aproxima-se mas o ex-campeão dá um soco no estômago de Vinícius que anda para trás. Johny dá uma patada no joelho de Vinny, que fica de joelhos, corre nas cordas e Dropkick. Vinícius vai ao chão e Johny rapidamente prende-o num Camel Clutch. Vinícius procura as cordas mas está bastante longe das mesmas.

Ainda assim ele começa a rastejar, o público apoia-o e Johny faz toda a força do mundo para Vinny não rastejar, mas é o que ele faz até que… Johny larga a manobra, quando percebe que terá de romper e salta no ar caindo com uma cotovelada nas costas de Vinícius Nunes!

Straight Johny vai para fora do ringue e puxa Vinícius, notasse que o lutador de Castelo Branco treinou bastante durante esta semana para chegar aqui nesta forma física. Vinícius fica na borda, com o corpo para dentro do ringue mas com a cabeça de fora e Johny cai sobre ele num leg drop. As cordas fazem o efeito de amparar a queda de Vinícius que se fica a queixar bastante da zona lombar.

Johny volta a entrar no ringue arrasta um pouco de Vinny e atira a cabeça do campeão contra o tapete. Prende um Chin Lock. Mas desta vez prende-o com bastante intensidade até que Vinícius consegue livrar um braço e dar uma cotovelada em Johny, esta é tão bem dada que Johny vai logo ao chão.

Vinícius aproveita e levanta-se. Ele prende Johny pelas costas. German Suplex! Grande impacto. No entanto Johny rebola para fora do ringue.  Vinícius não perde tempo e vai atrás dele. Chapadas no peito de Johny que fica contra a barreira. O público apoia esta decisão de Vinícius e torce pelo Brasileiro.

Vinícius empurra Straight Johny para dentro do ringue. Johny levanta-se rapidamente, como se até ao momento tivesse fingindo a dor, corre nas cordas e apanha Vinny a entrar! Dropkick mesmo na cara, quando Vinícius estava de joelhos. Cover…1…2..

O campeão Supremo safa-se! Johny levanta-o e dá uma cabeçada. Seguido de um backbreaker! Nova cover…1…2…2,5!

Vinícius volta a levantar o ombro! Enorme poder de luta por parte do campeão. Johny encosta-o ao canto agora e começa a massacrar com várias cotoveladas e joelhadas, ele vai tentar o “Straight End” manobra que não correu muito bem no Paraíso. Ele coloca-o na corda superior. Vinícius desperta e dá um soco no abdómen do antigo campeão. Johny rebola para trás, Vinícius coloca-se no topo da corda! Que vai ele fazer? Joelhada mesmo na cara do lutador Straight Edge!

Straight Johny cai no chão… Cover! 1…2… Safa-se!

O público não quer acreditar no que vê. Straight Johny safa-se desta manobra mesmo manhosa por parte de Nunes. O campeão não perde o ânimo e levanta Johny. Chokeslam! Mesmo no meio do ringue. Cover…1…2…2,5… Outra vez! Straight Johny está a aguentar com tudo o que Vinícius lhe oferece. Johny é levantado mais uma vez, o público começa a dizer para ele ficar deitado e simplesmente desistir… Vinícius pega Brazilian Bomb!

Cover…1…2…3….


Raquel Jacob: Senhoras e senhores… o vencedor deste combate… e ainda campeão Supremo da Vanguarda da Luta Livre! VINÍCIUS NUNES!

Luís: Straight Johny é o maior de sempre! Viste o que ele aguentou agora no fim?!

Beja: Meu Deus… é preciso dar mérito ao ex-campeão. Straight Johny aguentou com uma avalanche durante tanto tempo…

Luís: Repara em Vinícius… que arrogância!

Beja: Arrogância?! Ele esta a ajudar o Johny a levantar-se depois deste combate!

Luís: Foi uma boa sequência isso é certo, Paraíso mais Vanguarda 18. Vamos ver o que se segue.

Beja: Isto é que é falta de desportivismo. Johny empurra Vinícius e abana com a cabeça em sinal negativo. Isto é frustração total!

Luís: Johny vai ao chão. Ele ainda se encontra atordoado.

Beja: Bem por hoje é tudo! Até à próxima Vanguarda!

A imagem ainda fica um pouco no ar com Vinícius Nunes a tentar chegar perto de Straight Johny mas o árbitro e envia-lo para trás, a imagem começa então a desvanecer com Johny encostado ao canto, sentado no chão e Vinny do outro lado… com o título na mão!
avatar
Alm

Masculino Número de Mensagens : 4566
Data de inscrição : 01/03/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: VANGUARDA 18# (RTP2) - (30/07/13)

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum