PARAÍSO (PPV5#) - (21/07/13)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

PARAÍSO (PPV5#) - (21/07/13)

Mensagem por Alm em Qua 17 Jul 2013, 04:45




MARACANÃZINHO, RIO DE JANEIRO, BRASIL
11.800 LUGARES
|21 DE JULHO DE 2013|



COMBATE PRINCIPAL DA NOITE

COMBATE PELO TÍTULO SUPREMO
STRAIGHT JOHNY (c) vs. VINÍCIUS NUNES


*****
DIOGO LOURENÇO vs. ROB ESTE
ALBERTO VALENTE vs. HENRIQUE COELHO (c) TÍTULO NACIONAL EM JOGO
BIG BISON MANIAC vs. KEVIN GUNN vs. LASOMBRA vs. YURI PETROV NO DQ
MOORE SD vs. PER GJORK BERGFALK


******

PRESHOW: BRUNO ALEXANDRE vs. DAVID SOARES COURTEENER vs. IGOR MATOS vs. JONHY UNSTOPPABLE vs. JÚNIOR DE BELO vs. TIAGO PESSOA vs. TOMMY BROOKS vs. WELLINGTON SILVA BATALHA REAL
avatar
Alm

Masculino Número de Mensagens : 4567
Data de inscrição : 01/03/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PARAÍSO (PPV5#) - (21/07/13)

Mensagem por Alm em Seg 22 Jul 2013, 07:18


A imagem, que até ao momento focava o exterior do pavilhão, onde se realiza o evento “Paraíso”, com a música do evento como fundo, move-se para dentro do ringue, onde vemos um público bastante animado.

Pela primeira vez na história da federação realiza-se um evento fora de portas nacionais, sendo este “Paraíso” realizado no Brasil, mais propriamente no Rio de Janeiro. O público está emotivo e bastante audível.

A imagem foca agora os comentadores, Luís Barreira e Diogo Beja, depois de um pequeno fogo de artificio.


Luís Barreira: Senhoras e senhores… bem-vindos a um evento histórico! Diretamente do Brasil… a transmitir para todo o mundo em PPV! O meu nome é Luís Barreira e ao meu lado tenho Diogo Beja. Este é o “Paraíso” da VLL!

Diogo Beja: Isso mesmo! Estamos aqui, dentro deste maravilhoso pavilhão, junto ao maior estádio de futebol do mundo e contamos com uma das plateias mais geniais da história desta federação!

Luís: E já começamos com bastante controvérsia.

Vemos algumas imagens da Batalha Real, dos novatos, que foi apresentada, ao público da arena, antes do evento se iniciar.

Beja: Como podem ver estes dois lutadores, que se encontravam já sozinhos no ringue lutaram durante algum tempo! Daqui só poderia sair um vencedor.

Vemos David Soares Courteener a atirar Bruno Alexandre as cordas, a empurra-lo para for e a caírem os dois ao mesmo tempo.

Luís: Mas no entanto acabaram por cair os dois ao mesmo tempo, o árbitro presente não deu a vitória a nenhum deles! No entanto mais lá para a frente nesta emissão certamente que ficaremos a par de algo, visto que Lucas Brandão irá falar ao público sobre todos estes acontecimentos e principalmente o torneio que tanto se espera, aqui nesta federação… a melhor não só em Portugal, mas agora também na América do Sul!

*Toca a música Power, faixa de Moore SD*

BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUH


Raquel Jacob: Senhoras e senhores… este é o primeiro combate da noite! O primeiro a caminho do ringue vindo de Detroit, Michigan… pesando 97 kgs… “THE MONEY MAKER” MOORE SD!

Beja: Desde que anunciou que irá partir para “outra” federação que perdi todo o respeito, que já era pouco por Moore SD!

Luís: Ele tem uma visão, infelizmente a VLL não lhe permite levar essa visão mais além, ainda assim acredito que ele tenha a perfeita noção que neste momento é o maior alvo a abater aqui dentro, visto que se meteu com quem não devia!

Beja: Sim, todos aqueles que quiseram ser anti-vll até ao momento não se deram bem, tirando talvez o caso dos Verno, mas esses ainda são algo recente!

*Toca a música Hate To Say I Told You So, faixa de Per Gjord Bergfalk*

Raquel Jacob: E o seu adversário, fazendo a estreia num ringue da VLL, vindo da Suécia e pesando 95 kgs… “O Curioso” Per Gjord Bergfalk!

Luís: Este lutador para já nem me diz nada, nem sei porque merece ter um combate aqui no Paraíso, quando outros não tem essa oportunidade!

Beja: Pelo que já vi de Per, em vídeo e assim, é um excelente lutador Luís!

Luís: Pois! Mas na realidade é que se vê amigo! Vídeos? Isso é tudo editado para parecer bonito!

Beja: Estamos a emitir à menos de 20 minutos e já te estás a armar em anormal? Por amor de Deus…

Luís: Uma coisa é certa, Moore SD está aqui sozinho, sem André Remédios e isso é indicador que ele quer vencer este combate sem controvérsias!

*Soa a campainha*

» O árbitro escolhido para este combate é Jorge Mesquita.
» Per Gjord Bergfalk observa Moore SD com atenção, o milionário não gosta disso e atira-se para cima do Sueco.
» Moore consegue colocar Per no chão e começa a soca-lo. Per tenta colocar as mãos na frente, mas Moore está bastante forte.
» Per fica cansado e desvanece um pouco, Moore SD levanta-se e levanta o adversário. DDT!
» Cover… 1…
» Ainda era cedo, Per safa-se facilmente. O ex-campeão Nacional levanta-se, coloca Per de joelhos e enfia uma cotovelada bastante eficaz. Vai até ao canto e Diving Elbow Drop!
» Bergfalk fica a queixar-se bastante do peito e rebola para junto do canto.
» Moore SD vai a correr na sua direção e o Sueco desvia-se! Per de forma calculista corre nas cordas e aplica um Dropkick! Ele aproxima-se de Moore e Swinging Neckbreaker! Cover por parte de Per… 1…2… Moore SD safa-se.
» Bergfalk levanta o seu adversário, ele mostra uma enorme frescura física! German Suplex no centro do ringue! Pega novamente em Moore, que esta em apuros, Buckle Bomb… Moore bate com grande impacto no canto, Per vai para uma submissão, ainda com o milionário no ar, mas acaba num DDT.
» Moore SD arrasta-se para as cordas, Bergfalk bateu mesmo de fronha no chão.
» Moore levanta-se com a ajuda das cordas, Bergfalk com o punho tenta levantar-se. Moore não dá tempo e corre na sua direção! Superkick, com Per de joelhos!
» Per Gjord Bergfalk é apanhado no crossface! Mais conhecido como Golden Key!
» Per tenta de tudo para não desistir, mas a pressão por parte de Moore SD é enorme! Per desiste!

Raquel Jacob: E o vencedor deste combate… MOORE SD!

BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUH.

Luís: Moore SD ganha este combate de forma limpa e de forma bastante eloquente! Que pontapé!

Beja: Uma coisa é certa, Moore SD exibiu-se de uma forma fabulosa, mas Per não ficou atrás!

Luís: Perdeu! Que interessa o Benfica ter sido a melhor equipa ao longo do campeonato? Chegou ao fim e perdeu!

Beja: Lá isso é verdade. Mas certamente que ele irá tentar sair por cima no futuro!

Per está encostado ao canto, bastante desconsolado, enquanto Moore SD deixa o ringue, André Remédios aparece no stage, ele abraça Moore.

Luís: Hoje é um dia bastante especial para André Remédios, da concorrência e o seu líder Moore SD.

Beja: A partir daqui só fica mais difícil!

*****

A câmera descola-se agora para os balneários onde vemos Vinícius Nunes falando com um dos trabalhadores do pavilhão. Vinícius está com um fato de treino, da Team Nogueira, patrocinado pela Nike e com o nome Vinícius junto ao peito.

Vinícius Nunes: É muito bom estar aqui cara, estou adorando todos os momentos, ver o povo brasileiro de novo. É verdade que tenho muitos caras me apoiando lá em Portugal, mas aqui é especial.

O trabalhador, claramente brasileiro, sorri para Vinny.

Trabalhador: Deve ser mesmo bom estar na sua pele, quem me dera!

Vinícius fica sem saber o que dizer…

Vinícius: Cara… você não pode é desistir dos seus sonhos, seja rico ou pobre! Um dia você, se continuar, terá uma oportunidade e ai é agarra-la. Ta entendendo?

Trabalhador: Sim sim… o meu sonho é ser músico, eu até tenho uma banda, isto é apenas um part-time para tentar o meu sonho!

O jovem, que não aparenta ter mais de 23 anos pega na vassoura que estava encostada à parede.

Vinícius: Um dia ainda vou ouvir sua banda na rádio ou assim! Pode botar pa valer!

Vinícius cumprimenta o jovem, sorri e continua o seu caminho, pegando no saco de desporto que tinha colocado no chão, na altura em que começou a conversa.

Ele vai olhando para o corredor, onde vemos várias fotografias de feitos de várias equipas do Brasil, em várias modalidades e parece que se relembra de cada momento, até que aparece Henrique Coelho, o campeão Nacional, com uma camisola dos Açores, o título nacional na cintura e uns calções pretos da nike.


Henrique Coelho: Meu bassard! Como vai isso?

Vinícius continua a olhar para uma fotografia, da equipa brasileira de Voleibol até que Henrique lhe toca no ombro.

Henrique: Estes brasileiros são todos mal educados… Lá em S. Miguel…

Vinícius interrompe o campeão Nacional.

Vinícius: Hoje não cara, não me chateei hoje. Vá masé preparar-se pa seu combate.

Henrique: Eu não preciso de preparação!

Henrique aponta para a sua camisola.

Vinícius: Sim sim… muito bonita cara.

Vinícius afasta-se bastante pensativo, ele está no Rio de Janeiro, terra do seu primo António, onde irá ser o lutador do combate principal, contra o campeão Supremo, Straight Johny, onde se poderá tornar o primeiro campeão estrangeiro da federação. Muito peso em cima dos seus ombros, tal como já esteve em cima dos seus compatriotas. Será que Vinícius terá a sua foto neste corredor?

Henrique vê Vinícius a afastar-se e fica bastante irritado.


Henrique: Estes gajos são iguais aos continentais! Uma vergonha total! Eu sou o campeão deles… Quero respeito!

Henrique pega num dos quadros, que estava no corredor, e atira-o ao chão calcando-o.

Henrique: Viva os açores!

Na arena é percetível o desagrado do público que assiste ao evento.

*****


*****

Depois do vídeo promocional a emissão volta ao Maracanãzinho, mais propriamente à zona de entrevistas, onde Zé Maravilha se prepara para conduzir uma entrevista a Rob Este, que irá enfrentar Diogo Lourenço, no co-evento principal deste “Paraíso”.

Zé Maravilha: Bem-vindo a este maravilhoso evento no Brasil pessoal!

O entrevistador ri-se, enquanto Rob Este parece um pouco desligado das suas palavras.

Maravilha: Rob como vai isso? Pronto para um combate que pode definir a tua carreira?

Rob retira o chapéu, que tinha na cabeça, o cabelo encontra-se preso atrás, num rabo de cavalo original.

Rob Este: Zé não podia estar mais pronto, depois de todos ensinamentos que tive por parte do Ricardo Soares acredito que a minha maré de azar acabou…

Maravilha: Certamente que tu percebes muito de marés… Por isso se venceres hoje o que esperas do futuro?

Rob: Eu não espero nada mais que o que mereço. Se vencer hoje, o que acredito que irá acontecer… espero voltar para a rota do título Nacional e mostrar a todos os portugueses que realmente sou alguém aqui dentro.

Maravilha: Bem, mas hoje estamos no Brasil e o adversário é Diogo Lourenço. Assim para finalizar… és capaz de nos dizer qual a tua tática para o combate de hoje?

Rob: Antes de mais tentarei sempre lembrar-me dos ensinamentos de Ricardo Soares... O homem tem-me ajudado bastante!

Rob sorri para a câmera, quase como se tivesse a agradecer ao seu “mestre”.

Rob: Mas não posso revelar mais, certamente que ele estará a ver isto e não quero dar avanços a ninguém! Vou lá dentro para ganhar e ponto final!

Maravilha: Bem este foi Rob Este, boa sorte para mais logo!

Rob cumprimenta Zé Maravilha e coloca o chapéu de cowboy na cabeça indo embora.
avatar
Alm

Masculino Número de Mensagens : 4567
Data de inscrição : 01/03/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PARAÍSO (PPV5#) - (21/07/13)

Mensagem por Alm em Seg 22 Jul 2013, 07:29

*****

A imagem volta a focar o ringue.

*Toca a música The Point Of No Return Instrumental, faixa de Big Bison Maniac*

BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUH.


Raquel Jacob: Senhoras e senhores… o próximo combate é uma quadrilha fatal sem desqualificações e está marcada para uma derrota! O primeiro, a caminho do ringue, acompanhado pelo seu manager Sebastião Fonseca, pesando 190 kgs… BIG BIIIIIIIIIISON MANIAC!

Luís: Bison fez a sua estreia no Dinastia dos Guerreiros, mas a coisa não saiu lá muito bem, no entanto hoje tem a oportunidade de se mostrar ao mais alto nível, enfrentando três dos lutadores mais promissores da VLL.

Beja: Uma coisa é certa, este combate irá ser um dos mais imprevisíveis da noite. Porque à primeira desistência ou pinfall termina logo!

Luís: Além disso tudo vale neste combate! Certamente que será um confronto a não perder! Por isso não usem este combate para ir à casa de banho!

Bison entra no ringue e Sebastião Fonseca retira-se para os balneários.

Beja: Parece que Bison vai ficar sozinho hoje.

*Toca a música O Coro Vai Come!, faixa de tribute a Charlie Brown Jr.*

Raquel Jacob: A caminho do ringue, mais um dos participantes… vindo de Londres, Reino Unido, pesando 93 kgs… “RAZORBLADE” KEVIN GUNN!

Luís: Reação mista para Kevin Gunn que presta aqui homenagem ao recentemente falecido Charlie Brown Jr…

Beja: Isto para mim é bastante curioso, visto que ele tem sido contra Portugal…

Luís: E que tem? Tamos no Brasil!

Beja: Mesmo que eu te explicasse tu não ias querer entender, continuando… Kevin Gunn já venceu Yuri Petrov e Lasombra, dois dos participantes deste combate, que inclusive ainda não entraram. Por isso, gostando dele ou não, parece-me que parte em vantagem.

Luís: Verdade! Gunn é um lutador experimente e bastante competitivo. Certamente que este combate irá ser um desafio interessante.

*Toca a música Katiuska, faixa de Yuri Petrov*

Raquel Jacob: E o seu adversário, vindo da Rússia, pesando 135 kgs… YURI PETROV!

Beja: Não se deixem enganar pela expressão “amigável” deste Russo que vai para o ringue. Este será o terceiro combate do mesmo na VLL, mas uma coisa é certa, quando entrar lá dentro irá fazer com que as coisas não sejam tão amigáveis.

Luís: Eu sou sincero, o Yuri vem-me a surpreender, mas acho que não tem hipóteses para este combate.

Beja: Bem, parece que Yuri vai ter que esperar fora do ringue, Kevin Gunn e Bison encontram-se dentro do ringue e certamente que ele não quererá entrar lá dentro nesta fase do jogo.

Luís: Tas a insinuar que vai haver uma aliança é?

Beja: Não é isso…

As luzes da arena vão abaixo.

*Toca a música Wolf Moon, faixa de Lasombra*

YEAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH.


Raquel Jacob: A caminho do ringue… ele é a “Besta”, “o Vampiro”… “a Sombra”… pesando 117 kgs… LAASOOOOOOOOOOOOOMBRA!

Beja: Na história da VLL não há ninguém como Lasombra. É sem dúvida um dos lutadores mais misteriosos que já vi. Aliás o passado dele é bastante rico, já tive oportunidade de o acompanhar, na passagem que teve pela Espanha…

Luís: Deixa-te dessas histórias e olha masé para o que está a acontecer agora, Lasombra entra bastante colado em Gunn. Ele sente que na semana passada foi roubado..

Beja: E foi não é? Ele quererá a desforra e entra concentrado para isso, ninguém gosta de perder, e Lasombra parece que nem a feijões.

Luís: Uma coisa é certa… aqui na VLL nada é a feijões.

*Soa a campainha*

» Afonso Martins é o árbitro destacado para este combate.
» Alguma agitação no centro do ringue. Este tipo de combate é sempre imprevisível, tudo pode acontecer. Ainda para mais sem desqualificações!
» Yuri e Lasombra atiram-se para cima de Gunn praticamente ao mesmo tempo, no entanto Lasombra recolhe, isto é, deixa Yuri Petrov ir sozinho para cima do britânico.
» Bison dá um pontapé no estômago de Lasombra, o lutador misterioso fica debruçado, mas rapidamente lança um olhar ao monstro de 190kgs!
» Lasombra começa a golpear Bison na cara, fazendo com que Big Bison Maniac se desloque para trás. Do outro lado Yuri aplica um European Uppercut em Gunn e aplica-lhe logo de seguida um leg drop. O Russo mostra bastante raiva acumulada e principalmente melhoria na sua técnica.
» Lasombra continua a golpear Bison até que leva um dropkick! Bison teima em cair e começa a abanar os braços, Yuri corre nas cordas, deixando Gunn no chão, depois do leg drop, e Clothesline!
» Big Bison Maniac vai ao chão, mas não fica lá muito tempo, nem Gunn que já se levantou e agora é a sua vez de enfrentar o brutamontes.
» Kevin corre na direção de Bison mas é apanhado no ar! Spinebuster!
» Gunn vai ao chão com grande impacto e lança um grito.
» Lasombra pelas costas ataca Bison com um Backbreaker!
» Cover… 1… mas Yuri Petrov interrompe a manobra! Yuri levanta Lasombra, que rapidamente lhe dá um soco de mão fechada, Yuri vai ao chão fazendo depois um esforço para se levantar.
» Talvez ele devesse ter ficado no chão… visto que ao levantar-se é logo apanhado num Rolling Elbow.
» Yuri Petrov no chão, cover… 1…2… mas safa-se.
» Lasombra coloca-se de joelhos, ajeita o cabelo e não vê o ataque de Gunn por trás!
» Gunn com uma joelhada manda Lasombra ao chão.
» Cover…1…2… Lasombra safa-se! O público começa a puxar pelo “vampiro” e Gunn fica irritado, visto que até nem tinha sido mal recebido quando entrou.
» Kevin Gunn levanta Lasombra… DDT! Ele agora vira a besta ao contrário e aplica um STF! Vemos o contentamento na cara de Gunn!
» Mas a manobra dura pouco tempo, Big Bison Maniac aproxima-se e calca o inglês!
» Maniac pega em Gunn e Elevated Powerbomb! Cover… 1…2…2,4… Lasombra interrompe!
» Ambos estão de pé… Lasombra corre nas cordas e acaba num Overhead Belly-to-belly Suplex caindo fora do ringue!
» Big Maniac por esta altura domina dentro do ringue e começa a vangloriar-se por isso! Yuri levanta-se e começa aos socos no monstro.
» Mas Yuri já não se encontra fresco. Big Boot de Bison! Yuri cai redondo no chão! Ele começa a levantar os braços até que… Kevin Gunn tira uma soqueira das calças… Brassknuckle Punch!
» Big Bison Maniac cai redondo no chão! O público vai ao rubro… porque Lasombra acaba de entrar dentro do ringue… com uma espada de kendo!
» Lasombra dá uma stickada em Kevin Gunn que gincha de dor e sai para fora do ringue. Lasombra persegue-o!
» Gunn tenta atingir Lasombra com a soqueira, mas este devia-se à última da hora, Gunn deixa-a cair! Ambos continuam a “guerra” e começam a subir a rampa de acesso aos bastidores, trocando socos, sem sequer se lembrarem do combate!
» No ringue estão Big Bison Maniac e Yuri Petrov no chão… O público começa a puxar pelo russo.
» Ambos começam a levantar-se mais ou menos ao mesmo tempo, com vantagem para Bison que tenta apanhar Yuri, mas este foge para trás… dá uma joelhada na perna direita de Bison, este abaixa-se. A espada de kendo ficou dentro do ringue… Yuri pega nela e bate nas costas de Bison castigando-o fortemente!
» Por fim… crossface! Yuri prende a manobra, com a espada enfiada na cara de Big Bison Maniac… Sebastião Fonseca começa a descer a rampa, tentando impedir, mas mal ia entrar no ringue o seu cliente desiste!

YEAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH.

Raquel Jacob: Senhoras e senhores… o vencedor deste combate… YURI PEEEEEEEETROV!

Beja: Mas que combate mais brutal senhoras e senhores…

Luís: Desculpa interromper Diogo, mas temos de ir já para os bastidores… parece que Lasombra e Kevin Gunn continuam a sua disputa.

******

A imagem foca os dois lutadores, Lasombra e Kevin Gunn, juntos à saída do edifício numa autêntica rixa de rua.

Vários seguranças tentam impedir que a luta continue, mas ambos os lutadores estão completamente empenhados no acontecimento.

Kevin Gunn pega em Lasombra e atira-o contra o portão metálico, que dá para o exterior. Lasombra começa a sangrar. Gunn atira-se para cima dele. Lasombra acaba por o atirar ao chão com um takedown e começa a soca-lo.

Jack Neville chega e tenta colocar-se no meio, isso abre uma oportunidade para Kevin Gunn que se levante e empurra Lasombra contra uns caixotes que se encontram juntos à vedação. Lasombra fica meio que dobrado e recebe socos nas costas. Até que o “vampiro” pega num pequeno tubo que estava no chão e dá com ele na perna de Gunn, que fica queixoso.

O manager Jack Neville coloca-se na frente de Lasombra… as luzes apagam-se. Os seguranças ficam bastante preocupados com o que acaba de acontecer… As luzes voltam e nem sinal de Lasombra, no entanto escorre sangue das costas de Kevin Gunn, um dos seguranças presentes vira-o… e é possível ler-se “Não corres mais” escrito com sangue…


Luís: Meu deus… o que é que acabou de se passar aqui?!

Beja: Não sei Luís, mas foi sem dúvida uma das maiores rixas que já vi.

Luís: Alguns médios aparecem no local, mas já não há sinal de Lasombra! Gunn está no chão agarrado à perna… Isto é uma falta de desportivismo por parte de Lasombra!

Beja: Uma coisa é certa, ambos os lutadores estão completamente embrenhados um no outro! E nenhum quer ceder!

Luís: A ambulância chega, eles agora irão colocar Kevin Gunn a caminho do hospital. Quem não parece contente é Jack Neville e com razão!

Beja: Agora vamos passar ao balneário… do nosso campeão Supremo Straight Johny!

*****

Entramos agora no balneário pessoal do campeão Supremo Straight Johny, que se encontra ainda de fato e gravata, perna alçada e título no ombro.

A imagem foca agora a arena no geral, onde no “titantron” vemos Straight Johny pronto a falar, mas ainda assim com uma pequena pausa, esperando que os espectadores parem de o vaiar.


Straight Johny: Já acabou o vosso pequeno jogo?

BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUH.

Johny: Visto que nenhum de vós vai parar de se armar em chico esperto, procurando os vossos 15 segundos de fama… vou continuar.

Johny coloca o título de lado.

Johny: Hoje é mais uma dia normal, mesmo que queiram fazer deste dia algo diferente. É certo que estamos no Brasil, com um evento fora de Portugal pela primeira vez, mas “who cares”?

Johny sorri ironicamente.

Johny: E a razão pela qual eu digo que hoje é um dia normal é simples. Tudo vai continuar na mesma, eu continuarei a ser o campeão Supremo desta federação e continuarei a ser tudo aquilo que vocês querem ver!

BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUH.

Johny: Podem vaiar à vontade. Podem torcer apenas pelo Vinícius, aliás vocês estão em vossa casa e ele é daqui, quer dizer o primo é…

Johny volta a rir.

Johny: Fico até com a impressão que é capaz de acontecer o mesmo que aconteceu no PPV passado! Um brazuca que abandona. Era bom. Se eu estivesse em Castelo Branco, até podia ser que me apoiassem, não sei, não quero saber.

Johny pega no título e coloca-o em frente à câmera.

Johny: Nunca vais conseguir tirar-me isto Vinny. Nem tu, nem ninguém. A nossa história não é pessoal como tu queres, não é uma novela da Globo, simplesmente porque eu não quis. Nunca te iria deixar entrar na minha cabeça como fizeste com o António. Eu sou o maior calculista aqui dentro. Para mim o ringue é um tabuleiro de xadrez e tu… serás apenas mais um peão na minha jornada.

A imagem começa a desvanecer.
avatar
Alm

Masculino Número de Mensagens : 4567
Data de inscrição : 01/03/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PARAÍSO (PPV5#) - (21/07/13)

Mensagem por Alm em Seg 22 Jul 2013, 07:40

*****


*****

Depois da publicidade à capital Portuguesa e de alguns recaps do evento até ao momento, a imagem volta à arena.

Luís: Bem não vamos perder mais tempo! É altura para mais um dos combates da noite, desta vez entramos no primeiro com um título em jogo!

Beja: Isso mesmo! Henrique Coelho enfrenta o invicto Alberto Valente.

Luís: Será sem dúvida um combate bem disputado.

Beja: Estes dois não gostam um do outro, já é visto, mas parece que o título será mais importante aqui que a “discussão” que tem sido gerida entre ambos.

*Toca a música Solteiro, faixa de Alberto Valente*

YEAAAAAAAAAAAAAAAAH.


Raquel Jacob: Senhoras e senhores… este combate está marcado para uma derrota e é pelo título Nacional! O primeiro a caminho do ringue, o candidato, vindo de Nazaré pesando 107 kgs… ALBERTO VALENTE.

Luís: Este gajo não me convence! Digam o que disserem! Entra aqui, com uma música chamada “solteira”, namora… ou supostamente… e depois entra e as gajas só puxam por ele. Os gajos estão meio calados.

Beja: Isso é inveja?

Luís: Por amor de Deus rapaz. Achas mesmo? Este Alberto desenvolveu-se bastante na Academia Nacional de Wrestling, mas coitadinho, ao meu lado é um fraco!

Beja: Sim… porque tu se entras naquele ringue ou é para entrevistar alguém ou é para te aleijares logo.

Luís: Ainda sei mais que tu…

Beja: Acredito, mas eu ao menos tou calado e não digo estupidezes!

*Toca a música Rabo de Peixe, faixa de Henrique Coelho*

BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUH.


Raquel Jacob: E o seu adversário… vindo de S. Miguel, Açores… pesando 95 kgs… “A Sensação Açoriana”… o campeão Nacional… HENRIQUE COEEEEEEEEEEEEELHO!

Luís: Reação bastante negativa para Henrique! Não compreendo.

Beja: Deve ser preciso fazer um desenho!

Luís: Só porque ele disse mal da VLL? Por amor de Deus Beja. Ele é um lutador fabuloso e o campeão com maior reinado até ao momento na VLL!

Beja: Tens toda a razão nisso, mas as suas ações fora do ringue são uma treta.

Luís: Olha para a cara dele… sorridente e confiante! Como se nada se passa-se. Ainda acreditas que ele faz por mal é?

Beja: Isso não interessa.

*Soa a campainha*

-> O oficial designado para este combate é Marcos Mendes.
-> O combate arranca com um teste de força, sendo que Alberto Valente vence este. O público reage bem e começa desta forma um combate que prometia ser bastante animado.
-> Dois estilos diferentes, sendo que Henrique Coelho desde cedo fez sentir o seu tecnicismo.
-> O açoriano conseguiu muito bom exercer contra-ataques, de forma mais ou menos limpa, e depois de atirar Valente às cordas conseguiu aplicar um excelente Back Body Drop.
-> Cover… 1... mas Alberto Valente safava-se na primeira tentativa de vitória do campeão.
-> Arremessos de judo no ringue da Vanguarda da Luta Livre. O jovem arrogante gostava daquilo que faz!
-> Depois de se safar dum Dragon Sleeper, Valente voltou à carga neste combate!
-> O lisboeta aplicou um excelente Dropkick no campeão para fazer as delícias do público presente na arena!
-> Show-off como é Valente aventurou-se e conseguiu aplicar um belo Double Axe Handle da segunda corda.
-> Henrique Coelho está desnorteado!
-> Chance para Valente...  Sitout Suplex Slam, será?
-> Dedo no olho por parte de Henrique Coelho, dedo no olho!
-> O público apupa o campeão que está agora na frente desta animada contenda.
-> Neckbreaker do campeão que fica assim numa boa posição favorável do combate!
-> O quê agora, o que se irá seguir?
-> Poderá avançar para o Terra Nostra...
-> Grande resiliência mostrada por Valente! Um DDT do nada!
-> 1...2... não! Henrique Coelho safa-se!
-> Estão os dois no chão, Valente levanta-se primeiro e o público está ao rubro!
-> Vai à corda superior...
-> Elbow Droooop... não! Henrique Coelho desvia-se e conseguiu evitar sofrer um duro golpe!
-> Terra Nostra, Terra Nostra! Manobra de submissão aplicada pelo campeão Nacional!
-> No meio do ringue...
-> Alberto Valente desiste, vitória para o ainda campeão nacional!

Raquel Jacob: O vencedor deste combate… e ainda campeão Nacional… HENRIQUE COELHO!

Henrique pega no título, entregue por Marcos Mendes e abraço-o enquanto Alberto Valente ainda não acredita que desistiu… mas se não o fizesse iria ser pior.

Luís: Viste? Isto sim é dar conta do recado!

Beja: Tenho de admitir que foi uma boa demonstração de coerência por parte de Henrique. Seguiu o seu plano e conseguiu vencer!

Luís: Alberto levanta-se e estica o braço para Henrique!

Beja: Isto sim é falta de desportivismo! Henrique dá uma chapada no lutador de Nazaré!

Luís: Ele é o campeão, não tem de se rebaixar para ninguém!

Beja: Rebaixar? Isto era apenas desportivismo!

Luís: Valente deixa agora o ringue, como um cãozinho abandonado, mas sabe que chega a casa e tem consolo… pena não ter o título Nacional!

Beja: És um otário!

*****

Vemos Jorge Gante, com a sua esposa, e Diogo Lourenço num dos corredores de acesso ao ringue.

Jorge Gante: Calma Diogo. É isso que tens de ter. Pensa no teu tio. Ok?

Os três abraçam-se, Jorge Gante é o primeiro a deixar o abraço, depois Al dá um beijo na face de Diogo que parece ganhar motivação extra.

Jorge: Este Rob não é nada. Ele até com o Remedy perdeu…

Alexandra começa a rir compulsivamente.

Al Gante: Diogo pensa nisto… como o teu teste final para seres um Gante!

Jorge: Um verdadeiro Verno!

Diogo Lourenço afasta-se na direção do ringue, enquanto Jorge aproxima-se de Alexandra e abraça-a.

Jorge: O puto vai conseguir…

Al: O puto é nosso!

Beijo apaixonado.

*****

Jack Neville, manager de Kevin Gunn, bate à porta de Lucas Brandão.

Jack Neville: Desculpe interromper, mas isto é demasiado importante para esperar!

Lucas Brandão: Já soube do que aconteceu entre o Lasombra e o seu cliente… o Kevin! Não posso fazer nada, era um combate sem desqualificações e os dois entraram em conflitos. Já estive aqui a pensar nesse assunto!

Jack: Sim, mas o Kevin acabou de ir para o hospital e as mais recentes atualizações é tem a perna partida!

Lucas: Há seguro…

Jack interrompe o supervisor geral.

Jack: Não interessa!

Neville está incrivelmente irritado com toda esta situação!

Jack: Já vi pessoas a serem suspensas por menos! Por isso espero que algo aconteça ao Lasombra!

Lucas: Mas quê? Isso é medo dele?

Jack: O quê? Nós somos verdadeiros britânicos! Não temos medo de nada, nem de freaks como esse vampirozeco!

Lucas fica a olhar para Jack Neville sem saber o que dizer, quase que esperando que este fosse embora, até que volta a falar…

Lucas: Pronto era só isso?

Lucas levanta-se da cadeira e começa a acompanhar Jack até à porta.

Lucas: Sabe bem que eu tenho coisas para fazer, por isso… agora tenho de tratar daquele torneio que vai haver? Sabe? Além disso tenho que tratar daqueles dois moços que supostamente ganharam a batalha real!

Jack: Isto não fica assim!

Lucas literalmente atira Jack para fora do escritório, enquanto este ainda falava.

Lucas volta para junto do computador.


Lucas: Desculpa lá, isto de supervisor-geral as vezes é confuso, eu sei. Mas continuando. Como é possível ele ainda não ter chegado ao Brasil? Eu preciso dele aqui hoje!

??? Precisas? Mas não vais ter. Sem a transferência para a minha conta esquece Lucas, já te conheço à muito tempo… Mas não estamos a falar de um lutador qualquer, não é um David Santos ou de um GTM Cool…

Lucas: Eu sei eu sei… Mas eu já paguei!

??? Não pagaste o suficiente. Não te esqueças que ele tem uma cláusula no contrato, que sempre que alguém bater o seu ordenado ele é aumentado em 5% relativamente ao que essa pessoa ganha.

A imagem continua a mostrar apenas Lucas Brandão, isto é, de frente, sendo que é impossível ver o que se passa no computador, sendo a voz a única forma de confirmar que Lucas está realmente a falar com alguém.

Lucas: Enfim… Vamos ter de nos encontrar quando eu chegar a Portugal! Isto não vai ficar assim, estas a enganar-me!

??? Viajo para Paris amanhã, tenho de ir ter com ele… Ele não está contente digo-te já!

Lucas: Não?! Mas ele ganha, não aparece… queres melhor?

??? Ele quer mostrar-se de uma vez por todas, por isso claro que sim! Fala lá com o teu patrão! Explica mais uma vez quem vais contratar!

Ouvimos o barulhinho de offline. Lucas Brandão baixa a cabeça e fica bastante pensativo até que a imagem começa a desvanecer.
avatar
Alm

Masculino Número de Mensagens : 4567
Data de inscrição : 01/03/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PARAÍSO (PPV5#) - (21/07/13)

Mensagem por Alm em Seg 22 Jul 2013, 08:01

*****


*Toca a música Still Worth Fighting For, faixa de Diogo Lourenço*

BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUH.


Raquel Jacob: Senhoras e senhores… o próximo combate está marcado para uma derrota. O primeiro a caminho do ringue, fazendo a sua estreia num ringue da Vanguarda da Luta Livre… pesando 87 kgs, vindo de Tomar, Portugal… DIOGO LOURENÇO!

Luís: História Beja! História! Diogo Lourenço vai entrar num ringue da VLL com apenas 17 anos!

Beja: Nem sei se isso é legal.

Luís: Não sabes? Tu que percebes disto tudo… Se ele vai entrar é porque é.

Beja: Pois, mas sei lá. Não tenho um bom pressentimento relativamente a este combate.

Luís: Óbvio. Pela primeira vez na vida sabes que estás perante uma força imparável e isso mete-te medo. Diogo Lourenço… repara como ele desce a rampa confiante! Perante esta multidão ele consegue manter-se calmo! Outro gajo com esta idade ia logo abaixo!

*Toca a música Burn, faixa de Rob Este*

YEAH.


Raquel Jacob: E o seu adversário… vindo de Nazaré, Portugal… pesando 102 kgs… O JUSTICEIRO… ROB EEEEEEEEEEEEEEEEEEESTE!

Beja: Este é o combate mais importante da vida de Rob Este, ele tem tudo nas mãos para parar os Verno ainda antes destes se formarem totalmente, por isso ele terá de estar no seu melhor!

Luís: No seu melhor? Ele terá de reencarnar na pele de um Hulk Hogan ou de um Bruno Sammartino, porque este moço não ganha um combate aos anos!

Beja: Mas agora tem sido treinado por Ricardo Soares, que até parece estar bastante confiante na vitória do jovem Rob.

Luís: Uma coisa é certa… nos balneários tanto os Gante como Soares estão a acompanhar este combate de perto, eles que não estarão em ação hoje estão presentes na arena para assistir a este momento único!

Beja: Rob entra no ringue e encara Diogo Lourenço, o jovem sabe que Jorge conta com ele, isso terá de pesar na sua cabeça!

*Soa a campainha*

» Adelaide Rodrigues é a oficial desse combate.
» Os dois lutadores não se cumprimentam e já vão para o hold no centro do ringue que é vencido por Rob Este, o lutador de Nazaré, que se intitula justiceiro.  
» Rob Este mostra muita vontade ao aplicar 3 closthelines seguidos, ele está disposto a sair da sequência de derrotas.
» Cover, mas Diogo escapa no 2!
» Rob tenta um dropkick, mas Diogo desvia e acerta um springboard clothesline.
» Cover agora para Diogo, mas Rob sai no 1.
» Rob vai cambaleando para as cordas e Diogo aproveita a situação para aplicar um set up enzuigiri….
» Depois Diogo aproveita a péssima situação de Rob e aplica um turnbuckle powerbomb com perfeição, e Rob cai no chão aparentemente desacordado.
» Diogo segura a perna de Rob e faz o cover, 1,2,  2,5.... Diogo fica perplexo.
» Diogo levanta Rob e acerta um swinging neckbreaker.
» Ele vai para o topo das cordas, espera Rob se levantar e acerta um Diving Crossbody, mas Rob reverte e tenta um roll up, porém Diogo escapa.
» Rob parece se recuperar e pega o Diogo e acerta um suplex, depois aplicou vários elbow drops, foi para cover… 1… 2… Diogo safa-se!  
» O Justiceiro tenta mais uma ofensiva com um spinning bulldog, agora parece que vai acabar.
» Rob faz a cover em cima de Lourenço 1… 2… 3… Rob comemora! Rob Este vence este combate… finalmente vai abaixo a onda de azar… mas o oficial avisa que o pé de Diogo estava na corda! Rob não quer acreditar!
» Este irrita-se e executa um DDT, depois um Samoan Drop… só que Diogo escapa e empurra Este para fora do ringue.
» Quanto Rob tentava voltar, eis que Diogo acerta um Suicide Dive.
» Os dois continuam a ação fora do ringue, quando Diogo acerta um belly-to-belly suplex fora do ringue, Rob geme de dor nas costas.
» Mesmo com dores Rob foi para cima com tudo, só que foi apanhado com um Scoop Powerslam.
» Diogo arrasta Este para o ringue, vai para a cover, 1…2…2,5… Este escapa de maneira milagrosa.
» Diogo pega em  Rob e começa a usar o seu koji clutch no meio do ringue.
» O público apoia Este, mas este está prestes a desistir, só que por milagre chega às cordas, e Diogo teve que desfazer a manobra.
» Diogo olha para cima sem acreditar que ainda não venceu esta contenda. Rob aproveita a distração e vai para as costas de Diogo e é Sleeper Hold em cima do protegido de Jorge Gante.
» O público grita para Diogo desistir, mas este parece que está próximo de cair desmaiado, porém ele reúne forças, não se sabe de onde e aplica um ou outro Turnbuckle Powerbomb!
» Os dois caem no chão, exaustos. Ambos levantam bem devagar e começam a trocar socos no meio do ringue, até que Rob leva a vantagem e aplica um Inverted Overdrive.
» Cover, mas Diogo se afasta facilmente.
» Diogo vai tentar outro Step Up Enzuigiri, mas Rob escapa e Inverted Tornado DDT!
» COVER, 1….2……..2,9…. Diogo tira apenas o braço direito do chão de maneira inacreditável!
Rob fica perplexo com essa situação e vai confrontar o árbitro, o árbitro fala que contou certo.
» O Justiceiro coloca as mãos na cabeça, ele não acredita no que está acontecendo, a vitória que ele tanto precisava esta a escapar pelo meio dos seus dedos!
» Foi nessa lamentação de Rob que Diogo pega-o pelos calções com um rollup quase que do nada!
1…2…3…… Diogo Lourenço vence!
» Diogo sai a correr do ringue e levanta os braços comemorando a sua vitória.

Raquel Jacob: O vencedor deste combate… DIOGO LOURENÇO!

Luís: Diogo Lourenço acaba de conseguir um contrato com a Vanguarda da Luta Livre, depois de um dos melhores combates que vi na história desta federação! Que ritmo! Que loucura…

Beja: Rob Este não quer acreditar! Luís ele foi roubado! Foi com os calções!

Luís: O árbitro não viu, por isso segue para bingo! Diogo é membro não só dos Verno, como da VLL! Bem-vindo jovem!

A emissão televisiva mostra os Gante nos corredores do pavilhão, junto a uma televisão, a observarem a vitória do discípulo Diogo.

Beja: Certamente que Jorge está contente. Aliás deve ter sido com Gante que Lourenço aprendeu esta manobra ilegal!

Luís: Diogo começa a subir a rampa, certamente que irá celebrar a noite toda com os Gante… enquanto nós vamos a mais um anuncio publicitário, para regressarmos já já… com Lucas Brandão o supervisor-geral… aqui no ringue!

*****


*****

A emissão volta com David Soares Courteener e Bruno Alexandre, os dois envolvidos no conflito da batalha real do pre-show a discutirem no centro do ringue.

David Soares Courteener: Fui eu que te enviei para fora do ringue, eu caí por azar, por isso o vencedor tenho de ser eu!

Bruno Alexandre: Tu o quê? Eu vi bem os teus pés a caírem no chão primeiro que os meus! Eu senti!

Esta conversa já dura desde que a publicidade foi exibida, ou seja, Bruno e Courteener estão a discutir faz tempo. Lucas Brandão, que já se encontrava no ringue, está encostado ao canto, bastante irritado com a conversa destes dois.

Lucas Brandão: Calem-se!

YEAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH.

Lucas: Já deu para ver que vocês os dois se entendem muito bem… E que principalmente gostam um do outro, além de que são bastante parecidos.

Bruno: Eu não sou emo para ser parecido com este gajo!

Courteener: Eu não sou emo idiota, tu é que pareces saído de um filme pornográfico com essa pinta de azeiteiro.

Bruno: Diz  que é mau!

Ambos encostam a cabeça um ao outro, até que Lucas se mete no meio para delírio do público!

Lucas: Calem-se de uma vez por todas… ou vão para a ANW e eu garanto que nenhum de vocês saí daqui!

YEAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH.

Lucas: Vou revelar o objetivo desta batalha real. Começamos a ficar cheios de lutadores… o que é genial! E por isso tinha pensado em criar um novo título de singulares, ou seja… o vencedor seria o novo campeão!

Bruno: Eu tenho de ser o campeão!

Lucas: Queres desaparecer para a ANW… está visto…

Bruno vira costas, fazendo de conta que não disse nada…

Lucas: Mas visto que não há um vencedor… não há título.

BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUH.

Lucas: Porque teremos títulos!

WHAT?!

Lucas: Isso mesmo! Lembram-se dos Parceiros de Guerra?! Pois bem Bruno Alexandre e David Soares Courteener… são os novos Parceiros de Guerra da Vanguarda da Luta Livre!

Luís: O quê?! Não acredito!

Bruno: Eu e este animal emo?!

Courteener: Chefe eu não quero fazer equipa com este gajo!

Lucas: Eu não quero saber disso… e agora deixem o ringue que tenho outro assunto a tratar!

Lucas faz um olha ameaçador para ambos e os novos campeões de equipas deixam o ringue… obviamente que a discutir.

Lucas: Bem agora que tenho algum sossego… tenho algo triste para vos falar. O torneio dos “rookies” foi cancelado.

BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUH.

Lucas: No entanto alguns dos participantes irão ficar na VLL… mas continuaram a ter que mostrar quanto valem. Porque à mínima coisa podem ir embora! A fasquia está super elevada! Igor Matos e Jonhy Unstoppable… infelizmente vocês foram parados e estão fora!

O público começa a rir.

Lucas: A razão pela qual o torneio foi cancelado é simples! Porque já não era surpresa, a culpa foi do Américo! Que acabou estragando tudo! Isto dos títulos de equipas, o Parceiros de Guerra, é uma surpresa boa e é assim que vou manter as coisas. Aproveitem o resto da noite!

Lucas atira com o microfone para o chão, bastante confiante das suas palavras e deixa o ringue, com aquela confiança de quem já fez o seu trabalho. O público parece meio confuso, pelo torneio ter sido cancelado, mas parece ter gostado da decisão dos títulos de equipas.

*****


Estamos nos bastidores onde vemos Pedro Lombarda segurando um microfone.

Pedro  Lombarda: Boa noite a todos, eu estou aqui com o lutador da VLL e treinador da ANW, Ricardo Soares, que está prontíssimo para responder a umas perguntas no rescaldo deste combate que tivemos entre Diogo Lourenço e Rob Este.

A imagem afasta-se, enquadrado agora também Ricardo Soares. O lutador da VLL usa a sua camisola promocional.

Ricardo Soares: Boa noite, Pedro.

Pedro Lombarda: Ricardo, todos sabemos que tu e o Rob Este se juntaram numa parceria para tentar pôr fim aos Verno. Como é que tu, e mesmo o Rob Este, que parto do princípio que já estiveste com ele, reagem à vitória de Diogo Lourenço, que acabou de garantir um contrato com a VLL.

Soares levanta a mão, como que pedindo calma.

Ricardo Soares: Antes de mais gostava de parabenizar os dois lutadores por um combate muito bom e disputado. Creio que foi um excelente confronto, capaz de emocionar o público.

Lombarda assente.

Pedro Lombarda: Sem dúvida, mais um combate de qualidade a que assistimos neste evento.

Ricardo Soares: Depois, como é óbvio, estamos tristes e desiludidos com a derrota do Rob, ninguém fica feliz por perder um combate. Mas sim, como disseste já estive com o Rob, e apesar de tudo, e do seu mau momento continuar ele está de cabeça erguida, com vontade de melhorar e de combater já de seguida, para conseguir uma vitória e começar a mudar a maré em que se encontra. Eu ajudá-lo-ei a não repetir os mesmos erros e a melhorar enquanto lutador, e estou confiante que brevemente verão um Rob Este renovado.

Pedro Lombarda: E não tens nada a dizer quanto à forma como Diogo Lourenço alcançou a vitória?

Ricardo Soares: Pedro, todos nós vimos o que aconteceu. Infelizmente o árbitro não viu. Mas isso faz parte, e tanto eu como o Rob sabíamos que o Diogo poderia tentar aproveitar uma oportunidade para fazer algo como o que fez. Não se conseguiu evitar, é pena, só isso. Não vou desvalorizar a vitória do Diogo, e acredito que o Rob também não o fará. Cada um luta com as armas que quer, eu não sou o tipo de lutador de fazer o que o Diogo fez, mas, repito, cada um luta com as armas que quer, e quando se entra no ringue tem que se estar pronto para tudo. Há que reconhecer o mérito do Diogo Lourenço, que ainda antes de fazer os seus 18 anos venceu um lutador profissional da VLL e garantiu o seu espaço no plantel da Federação. O Diogo foi dos jovens lutadores mais promissores que já tive o prazer de treinar, apesar das nossas desavenças e de acreditar que lhe falta disciplina para alcançar algo ainda mais alto.

Pedro Lombarda: E não temes a entrada de Diogo Lourenço na VLL? A sua afiliação aos Verno é conhecida, e junto aos Gante estes passam a ter uma vantagem numérica sobre ti e o Rob.

Ricardo Soares: Eu não temo nada, Pedro. Nos meus tempos já ultrapassei desafios tão grandes ou maiores que os Verno. Mais digo, eu tenho uma mentalidade positiva, gosto de ver o que há de bom em todos os acontecimentos. No meu entender isto é uma oportunidade para eu e o Diogo termos finalmente o nosso momento frente a frente, de homem para homem, num combate de singulares, já que depois de tanta choradeira parece difícil que o seu padrinho combata comigo num um para um. Deixo aqui a mensagem para o Diogo, é uma oportunidade para finalmente lhe dar pessoalmente as palavras que lhe quero dar.

Ricardo Soares sorri para Lombarda, que assente. O lutador da VLL vira costas e a imagem começa a desvanecer.
avatar
Alm

Masculino Número de Mensagens : 4567
Data de inscrição : 01/03/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PARAÍSO (PPV5#) - (21/07/13)

Mensagem por Alm em Seg 22 Jul 2013, 09:22

*****

A imagem mostra Gabriel o Pesandor, cantador brasileiro, no centro do ringue.


YEAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH.

Luís: Estamos prontos para o combate da noite!

Beja: É isso mesmo. Gabriel o Pensador no ringue e Vinícius Nunes na rampa. A combinação perfeita para alegrar todos os presentes neste evento!

Luís: Mas de poucas alegrias se farão os próximos minutos, onde o título Supremo estará em jogo!

Beja: Isso é verdade! Este é sem dúvida um dos combates mais aguardados da história da VLL! Para muitos é o culimar de uma jornada incrível por parte de Vinícius, mas não será fácil… visto que enfrenta Straight Johny!

Luís: Uma coisa tenho de admitir, Vinny chega aqui com possibilidades e sem obstáculos exteriores, à partida… visto que António já não faz parte da federação!

Beja: Vinícius dá uma pequena volta antes de entrar no ringue cumprimentando todos os presentes na arena! Ele entra no ringue e levanta os braços para o delírio do público!

Luís: Gabriel cumprimenta o lutador e retira-se do ringue.

Beja: Bastante emoção neste momento. Casa cheia para ver o título Supremo ser defendido, pela primeira vez fora de Portugal!

As luzes da arena vão abaixo

*Toca a música Movement, faixa de Straight Johny*

BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUH.


Luís: O nosso campeão entra num ambiente hostil, não que ele esteja habituado a ter o público do seu lado, mas certamente que nunca esteve num ambiente tão “anti-Johny” como hoje.

Beja: Eu nem diria que é anti-Johny. Diria mais que é apenas a favor do lutador da casa.

Luís: Muito se falou de Johny nos últimos tempos, principalmente por ele ter vencido o título numa batalha real. No entanto ele deu a desforra que Fred merecia e mandou-o para o estaleiro de vez.

Beja: Esse combate sem dúvida que irá ficar marcado pelo quão genial foi. E daqui a uns anos ainda não relembraremos da forma como Fred ficou fora da VLL para sempre.

Luís: Mas o que interessa agora é Vinny vs Johny, o campeão já se encontra junto ao ringue. Ele tira o título da cintura e levanta-o no ar, incentivando Vinny a reclamar. O público não acha bonito, mas também não tem de achar.

Beja: Podemos estar prestes a assistir a um dos combates mais épicos da história do Wrestling Europeu!

Luís: Johny entra no ringue e entregua o título ao árbitro Marcos Mendes!

O público está ao rubro puxando por Vinícius que flete as pernas, aquecendo para o combate. Straight Johny por outro lado está no seu canto, bastante calmo.

Raquel Jacob: Senhoras e senhores… este é o combate principal da noite e é pelo Título Supremo!

YEAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH.

Raquel Jacob: À minha direita, o candidato… vindo de Salvador da Bahia… BRASIL…. Pesando 130 kgs… VINÍÍÍÍÍÍCIUUUUUUUUUUUS NUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUNES!

VINNY! VINNY! VINNY!

Raquel Jacob: E o seu adversário… vindo de Castelo Branco, Portugal… pesando 90 kgs… ele é o atual Campeão Supremo…. STRAIGHT JOOOOOOOOOOOOOOOOHNY!

BUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUH.

Vinícius começa por convidar o campeão para um teste de força, mas Johny não parece interessado já que sabe que Vinícius é mais pesado e forte. Um pouco desconfiado o campeão acaba por ir no jogo do brasileiro, que o empurra facilmente. Straight Johny levanta-se claramente irritado e enfrenta novamente Vinícius num teste de força, desta vez com outra motivação. O brasileiro mais uma vez ganha vantagem, mas Jonhy muda o rumo das coisas com uma joelhada no abdómen!

Vinícius Nunes curva-se e Johny atinge-o com um golpe de antebraço forte nas costas, antes de o derrubar com um Snapmare Takedown. Johny vai para cima de Vinícius e começa a esmurrá-lo violenta e repetidamente. O campeão parte para um assentamento de espáduas rápido, 1...Vinícius safa-se sem dificuldade!

Johny dá uns passos atrás para ganhar balanço, Vinícius está a levantar-se...e pontapé forte de Straight Johny, em cheio na cara do brasileiro! Johny vai tentar de novo o assentamento de espáduas...1… 2...Vinícius torna a safar-se! Johny desfere mais um murro na cara do nativo da Bahia antes de o virar de barriga para baixo e aplicar um Camel Clutch.

Vê-se uma expressão de dor na face do brasileiro e o árbitro pergunta se ele quer desistir, Vinícius diz que não. Johny faz mais pressão na manobra, mas nem assim o Candidato Principal parece próximo de desistir. Vinícius tenta levantar Johny às cavalitas, servindo-se de toda a sua força...e consegue! Johny parece não saber bem o que fazer e o brasileiro deixa-se cair para trás! Johny bate com as costas no chão com estrondo!

Johny agarra-se à zona lombar com um esgar de sofrimento e Vinícius acossa o adversário, agora é o baíano quem está por cima do combate. Johny acaba por se pôr de pé e o Candidato Principal atinge-o com um pontapé na zona abdominal para o atingir de seguida com um Suplex perfeito em termos técnicos.

Vinícius levanta-se de imediato, enquanto Johny luta para volta a se erguer, usando as cordas como apoio. Johny acaba por se encostar ao canto e Vinícius ataca-o logo com uma Running Clothesline que lhe esborracha a cabeça. Vinícius acerta com uma cotevelada na face de Johny, atira-o para as cordas com um Irish Whip e recebe-o de volta com um Big Boot! O público fica louco com o ímpeto de Vinícius! O brasileiro vai para a contagem, o público conta conforme o braço do árbitro vai caindo...

1...2...Johny safa-se! Vinícius não perde tempo e levanta Johny rapidamente. Vinícius acerta com uma cotevelada na cara de Johny antes de o mandar para as cordas, Johny vem a correr de volta na direcção de Vinícius e o brasileiro aplica um Spinebuster fortissímo! Vinícius Nunes volta a pôr-se de pé e levanta os braços, pedindo o apoio do público, que corresponde.

Vinícius está a demorar o seu tempo, esperando pela oportunidade certa para continuar com a sua ofensiva. Johny já está apoiado num joelho, está a conseguir pôr-se de pé, Vinícius aproxima-se...e pega em Johny com uma facilidade tremenda! National Slam por parte de Vinícius, a sua versão do Sidewalk Slam! O público grita com o sucesso da manobra e o brasileiro deixa-se cair para cima de Johny para o assentamento de espáduas.

1...2...o Campeão Supremo safa-se! Vinícius agarra em Johny, para o levantar, mas o Campeão arranha os seus olhos! O público vaia a acção de Straight Johny, mas este não se importa e tenta de imediato um pin rápido com um Small Package!

1...2...Vinícius Nunes safa-se! Os dois lutadores ficam logo de pé, frente a frente, o brasileiro tenta acertar em Johny com um murro, mas este desvia e acerta-lhe com uma joelhada no abdómen...Snap DDT de Straight Johny, verdadeiramente do nada! Assentamento de espáduas por parte do Campeão...

1...2...Vinícius safa-se! Johny agarra em Vinícius e manda-o para as cordas, mas o baiano atira-se para cima do Campeão com um Lou Thesz Press! O Candidato Principal acerta com várias coteveladas ao bom estilo de MMA na cabeça do oponente. Vinícius levanta o Campeão e atinge-o com um par de joelhadas no estomâgo, antes de o mandar para as cordas.

Johny vem a correr, Vinícius apanha-o...Belly to Belly Suplex bem aplicado por parte do brasileiro! O público fica eufórico, mas Vinícius prefere continuar a sua ofensiva em vez de partir já para o assentamento de espáduas...Johny está a levantar-se, Vinícius levanta a sua mão...O Campeão está de costas para o Candidato Principal, mas eis que acaba por se virar e...Chokeslam de Vinícius! O baiano agora sim vai para o assentamento de espáduas!

1...2...e Johny a mostrar resiliência e a erguer o ombro ainda a tempo! Vinícius agarra no Campeão e lança-o de novo para as cordas, mas desta vez Johny consegue prender os braços à volta da corda superior e lá ficar. Vinícius corre na sua direcção, vai aplicar um Clothesline...mas Johny baixa as cordas! E Vinícius cai de forma aparatosa no chão fora do ringue!

O brasileiro está com um esgar de dor e agarra-se às costas. Johny deixa-se estar um pouco no centro do ringue, tentando ganhar algum fôlego. Mas decide levantar-se e partir para a ofensiva, agora que o seu adversário está caído e com dores. Johny vai para fora do ringue e começa a pisotear e pontapear violentamente as costas do brasileiro. O árbitro já vai no 4 na sua contagem.

Johny rebola para dentro do ringue e volta a sair e deixa agora cair-se para cima de Vinícius, acertando-lhe com golpes fortes de antebraço nas costas. A expressão de dor na cara do brasileiro é cada vez mais visível. Straight Johny pára com os golpes de antebraço apenas para levantar Vinícius. Johny consegue agarrarr em Vinícius, o Campeão a mostrar que também tem força e aplica um excelente Backbreaker. O brasileiro cai no chão e grita de dor!

Johny puxa Vinícius e atira-o para dentro do ringue, entrando logo de seguida. O Campeão vai para o assentamento de espáduas, o árbitro lança-se para a contagem, 1...Johny mete os pés nas cordas para ganhar vantagem, o árbitro não vé!..2 e...

Não! Vinícius a mostrar o seu coração e a safar-se! Johny com um Chickenwing Camel Clutch, atacando não só as costas magoadas de Vinícius, mas também o seu braço direito! O árbitro pergunta se Vinícius quer desistir, mas este grita que não, apesar de todas as dores. O brasileiro tenta arrastar-se para as cordas, e Jonhy tenta evitá-lo...mas não consegue!

Straight Johny não larga a manobra, e o árbitro começa a contar, se for até aos 5 Johny é desqualidaficado. 1...2...3...4...Johny larga a manobra no último instante! O árbitro repreende Johny pelo que acabou de fazer, mas o Campeão não parece incomodado, ele volta-se para Vinícius...mas este recebe-o com um soco no abdómen! E mais um! E outro! O Candidato Principal a voltar ao combate...

Mas Johny pára o ímpeto com uma joelhada! E Facebreaker por parte do Campeão! Assentamento de espáduas...1...2...Vinícius safa-se!

Johny levanta Vinícius, mas este consegue empurrá-lo, servindo-se da sua força física. Johny vem de volta...Spear! Spear de Vinícius! Johny fica próximo do canto, para o qual o baiano corre, ele salta na segunda corda...Northeastern Splash! A manobra que deu a Vinícius Nunes a vitória no seu combate com Bison!

1...2... Johny consegue safar-se! Capacidade de sofrimento e resistência por parte do Campeão! Vinícius não consegue acreditar! O brasileiro tira as medidas ao oponente, pontapeia Johny no estômago e...Brazilian Bomb! O público vai ao rubro! Assentamento de espáduas por parte de Vinícius, o povo brasileiro está convicto da sua vitória!

1...2... 2,8…

Johny põe o pé na corda! O árbitro repara e pára a contagem! Excelente presença de ringue do Campeão. Vinícius leva as mãos à cabeça, vê-se a frustração no baiano! O público começa a puxar cada vez mais pelo lutador da “casa”. Mas este começa a sentir-se frustrado. Vinícius levanta Johny e encosta-o ao canto. Começa a dar-lhe socos no estômago para sofrimento do lutador de Castelo Branco.

Straight Johny calca Vinícius que sofre bastante com esse ataque, Johny aproveita e troca de posições encostando Vinícius ao canto e começa a massacrar a cabeça com socos de direita. Nunes fica bastante atordoado e assim o campeão aproveita para o colocar sentado na corda de cima… Já sabemos o que vem ai! Straight End! Do topo da corda! Vinícius caiu no chão redondo! Johny também já não está lá muito “famoso” e rasteja para a cover… 1…2… ele vai reter! Não! Vinícius safa-se! Levantando o braço direito do nada! O público vai ao delírio!

Johny coloca-se de joelhos bastante irritado e dá um soco no chão! Ele vai agora levantar Vinícius, com o público a vaia-lo por completo, ele manda calar todos os presentes e dá um pontapé na barriga de Nunes! Ele vai tentar aplicar a manobra de Vinícius! O brasileiro é levantado no ar… mas Straight Johny é golpeado na cabeça! Vinícius aterra de pé. Pontapé na zona lombar do campeão… Brazilian Bomb novamente… desta vez é definitivo.

1…2…3…


Raquel Jacob: Senhoras e senhores… o vencedor deste combate e noooooooooovo Campeão Supremo! VINÍCIUS NUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUNES!

VINNY! VINNY! VINNY!

Beja: Temos um novo campeão Supremo! E ele é Vinícius Nunes! O Brasileiro conseguiu! A bela jornada de Vinícius para chegar ao título está concluída!

Luís: Vinícius está de joelhos no centro do ringue com o título na mão…

Beja: Ele começa a chorar…


Luís: Que música é esta?!

Beja: A música de Vinícius é interrompida e começa esta faixa de Johny Cash… O que se passa aqui?

YEAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH.

Luís: Não acredito no que os meus olhos observam!

António aparece na rampa, depois de já ter passado pela cortina que dá acesso à arena propriamente dita. O público vai ao rubro com o lutador da “casa”.

Beja: Parece que Vinícius viu um morto vivo! O que faz aqui António? Ele não tinha ido embora de vez?! Ele não tinha já arranjado emprego e tinha sido colocado no Alumni da VLL?!

Luís: Uma coisa é certa, pelo andamento… não tem pressa, seja para fazer o que for…

Beja: Ainda não acredito.

Luís: O quê?

O público está ao rubro, sendo quase impossível ouvir o que os comentadores dizem!

Beja: António entra no ringue, Vinícius está de joelhos, com o título Supremo na mão… Que vai ele fazer?!

Luís: Não me acredito. É para isto que ele voltou?!

António estica a mão a Vinícius e o campeão fica a olhar para ele. Até que decide aceitar e António o ajuda a levantar.

Os primos abraçam-se no centro do ringue.


Beja: Graças a Deus… António veio para se redimir. Mas será que ele veio para ficar?!

Luís: Espero que não. Porque ele acabou de estragar o que podia ser o melhor momento da história do wrestling europeu! Ele podia ter atacado Vinny… E podia ter marcado um nome para si mesmo!

Beja: Já esperava algo assim de ti!

António leva a mão direta de Vinícius e fogo de artificio começa dentro da arena.

Beja: Infelizmente por hoje é tudo, mas não percam o nosso próximo evento… muitas perguntas precisam de respostas! Até lá!

A imagem foca Vinícius a falar ao ouvido de António e a sorrir, enquanto o evento termina.
avatar
Alm

Masculino Número de Mensagens : 4567
Data de inscrição : 01/03/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PARAÍSO (PPV5#) - (21/07/13)

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum